1) La descarga del recurso depende de la página de origen
2) Para poder descargar el recurso, es necesario ser usuario registrado en Universia


Opción 1: Descargar recurso

Opción 2: Descargar recurso

Detalles del recurso

Descripción

O baixo nível cultural e educacional tem sido refe - rido na literatura, como um factor de risco para a doença de Alzheimer. Em Portugal, a prevalência de analfabetismo é muito alta, especialmente na faixa etária em que esta demência surge. O nosso estudo tem como objectivo estabelecer a relação entre estes dois factores, segundo a hipótese de que, se a cognição nos sujeitos de escolaridade baixa dificulta, associações semânticas (quando comparadas com as simbólicas, de nível superior) e se a doença de Alzheimer afecta, principalmente, os mecanismos semânticos e da memória, o padrão da alteração cognitiva deverá ser diferente, se compararmos duas populações de diferentes níveis educacionais. Os resultados obtidos por 64 sujeitos (46 com doença de Alzheimer e 18 controlos) e por 59 analfabetos (26 com doença de Alzheimer e 33 controlos), numa bateria de testes para demência confirma esta hipótese. Pode ser concluído que a cultura contribui para o desenvolvimento de mecanismos de associação, que estão baseados em diferentes estruturas e que podem ser considerados mais «primitivos». A doença produz efeitos, principalmente, em áreas responsáveis pelos mecanismos «primitivos» e poupa os mais sofisticados, pelo menos no inicio da evolução da doença. Palavras

Pertenece a

Repositório do ISPA Instituto Superior de Psicologia Aplicada  

Autor(es)

Guerreiro, Manuela -  Castro -  Caldas, Alexandre -  Reis, Alexandra Isabel Dias -  Garcia, Carlos - 

Id.: 61606687

Idioma: por  - 

Versión: 1.0

Estado: Final

Palabras claveEscolaridade - 

Tipo de recurso: article  - 

Tipo de Interactividad: Expositivo

Nivel de Interactividad: muy bajo

Audiencia: Estudiante  -  Profesor  -  Autor  - 

Estructura: Atomic

Coste: no

Copyright: sí

: openAccess

Requerimientos técnicos:  Browser: Any - 

Fecha de contribución: 24-jul-2015

Contacto:

Localización:

Otros recursos de la mismacolección

  1. A desinstitucionalização e as alternativas habitacionais ao dispor de indivíduos com perturbações mentais: Um novo modelo habitacional – A habitação apoiada Desde o início do processo de desinstitucionalização desinstitucionalização que este se tem vindo a ...
  2. (Alguns) quadros teóricos da Psicologia Comunitária A Psicologia Comunitária é uma área da psicologia aplicada de origem relativamente recente, que se d...
  3. Desenvolvimento comunitário e reabilitação na comunidade. Este artigo apresenta uma metodologia de Reabilitação na Comunidade (RC) (((Community Based Rehabiii...
  4. Ajuda-mútua e reabilitação. A ajuda-mútua é um dos movimentos mais significativos da actualidade. O contexto de suporte, o compa...
  5. Apoio habitacional Uma perspectiva de reabilitação e integração comunitária O desenvolvimento de um sistema de apoio a nível habitacional deverá ter como objectivo prioritário ...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.