1) La descarga del recurso depende de la página de origen
2) Para poder descargar el recurso, es necesario ser usuario registrado en Universia


Opción 1: Descargar recurso

Detalles del recurso

Descripción

Devido à evolução recente da demografia nos países industrializados, caracterizada por baixas taxas de fecundidade, baixas taxas de mortalidade infantil, baixas taxas de mortalidade e aumento da esperança média de vida, colocam-se a estes países questões que poderão vir de futuro e inclusivamente já na actualidade a levantar problemas económicos resultantes do decréscimo da população activa, quer pela diminuição da população jovem, quer pelo envelhecimento populacional. Na elaboração do presente trabalho teve-se por objectivo verificar cientificamente a existência de uma relação empírica para Portugal entre variáveis económicas (PIB per capita e média dos salários reais per capita) e demográficas (taxa de fecundidade e taxa de mortalidade infantil), tendo por base dados de 1960 a 2009. A evidência de causalidade entre as variáveis sugere que estas apresentam uma relação de equilíbrio ao longo do tempo. A existência de causalidade, associada à confirmação de co-integração entre as quatro séries implica que, apesar de se poder assistir a desvios no curto prazo, o equilíbrio de longo prazo deve ser retomado e as quatro variáveis devem manter tendências de evolução comuns ao longo do tempo. Os resultados empíricos apontam para a endogeneidade da taxa de fecundidade e que o produto interno se encontra relacionado com as alterações nas escolhas associadas à natalidade e consequentemente evolução demográfica do país. Encontra-se ainda suporte estatístico que permite afirmar que uma redução da taxa de fecundidade levará a um abrandamento nas taxas de crescimento da economia. As implicações dos resultados obtidos demonstram que a adopção de políticas de incentivo à natalidade poderão contribuir para impulsionar a fecundidade, a acumulação de capital e para além disso fomentar o crescimento do produto interno no longo prazo.

Pertenece a

UTL Repository Universidade Técnica de Lisboa   

Autor(es)

Gomes, Patrícia Raquel Maia - 

Id.: 54951274

Idioma: por  - 

Versión: 1.0

Estado: Final

Palabras claveFecundidade - 

Tipo de recurso: masterThesis  - 

Tipo de Interactividad: Expositivo

Nivel de Interactividad: muy bajo

Audiencia: Estudiante  -  Profesor  -  Autor  - 

Estructura: Atomic

Coste: no

Copyright: sí

: restrict access

Requerimientos técnicos:  Browser: Any - 

Fecha de contribución: 06-ene-2012

Contacto:

Localización:
* Gomes, Patrícia Raquel Maia. 2011. "Crescimento económico e dinâmica Demográfica : Evidência empírica para Portugal". Dissertação de Mestrado. Universidade Técnica de Lisboa. Instituto Superior de Economia e Gestão.

Otros recursos del mismo autor(es)

  1. Crescimento económico e dinâmica demográfica: evidência empírica para Portugal Mestrado em Finanças

Otros recursos de la mismacolección

  1. Ferramentas de análise de grau de sustentabilidade no ambiente construtivo. Avaliação de materiais de construção no ato do projeto de arquitetura. Dissertação para a obtenção do grau de Doutor em Arquitetura na teoria e prática de projeto.
  2. Estudo de bioactividades: herbicida no sumo de uva branca e antimicrobiana nos figos Mestrado em Biologia Funcional - Instituto Superior de Agronomia
  3. Hortas urbanas. Estudo de caso de Lisboa Mestrado em Engenharia Agronómica - Instituto Superior de Agronomia
  4. Produção de pão a partir de farinhas estremes de aveia Mestrado em Engenharia Alimentar - Processamento dos Alimentos - Instituto Superior de Agronomia
  5. Leptoglossus occidentalis: bioecologia e previsão de impacte económico em Portugal Mestrado em Engenharia Florestal e dos Recursos Naturais - Instituto Superior de Agronomia

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.