1) La descarga del recurso depende de la página de origen
2) Para poder descargar el recurso, es necesario ser usuario registrado en Universia


Opción 1: Descargar recurso

Detalles del recurso

Descripción

As crianças com Perturbação do Espetro do Autismo (PEA) podem aprender a utilizar o seu corpo do mesmo modo que uma criança sem qualquer problema, apenas têm mais dificuldades em processar a informação e necessitam que os professores repitam comportamentos e estruturas. A dificuldade de socialização pode provocar um atraso no desenvolvimento psicomotor. Por sua vez, as atividades físicas são promotoras de uma boa saúde e bem-estar da criança com PEA e a sua motricidade pode vir a desenvolver-se de modo a conseguir uma envolvência com o corpo (consigo próprio) e com o espaço (meio envolvente). Objetivo: o presente trabalho centra-se na observação dos efeitos da atividade física adaptada nos fatores psicomotores Práxia Global e Práxia Fina de uma criança com espectro do autismo, a frequentar o jardim de Infância. Métodos: aplicou-se a bateria psicomotora (BPM) de Vítor da Fonseca, traçou-se o perfil psicomotor da criança e seguidamente extraíram-se os resultados relativos a estes dois fatores, por serem os mais fracos, e, concebeu-se e aplicou-se um plano de atividades físicas adaptadas. No final do programa voltou-se a aplicar a bateria psicomotora. Resultados: da análise á primeira aplicação da BPM os fatores com pior perfil foram os das Práxias, tanto Global (1,3 - Fraco) como Fina (1 - Fraco), em que os resultados revelam uma realização imperfeita, incompleta e descoordenada em quase todos os subfactores. O plano de atividades físicas adaptadas foi elaborado tendo em vista sobretudo estes fatores (não descurando os outros) com vista a melhorar o desempenho da criança fazendo-a evoluir nas suas competências psicomotoras ao nível das Práxias. O plano foi aplicado durante 7 meses, com 3 sessões por semana de 40 minutos. Por fim, voltou-se a aplicar a BPM, cujos resultados apresentam melhorias evidentes nos diferentes subfactores da Práxia Global obtendo assim um valor considerado bom, com realização controlada e adequada (3,2 - bom). Apesar da Práxia Fina continuar a apresentar melhorias pouco evidentes (1,4 - Fraco), um dos subfactores –Tamborilar – evoluiu bastante, mas mesmo assim é o fator psicomotor com mais dificuldades de realização para a criança. Conclusão: constatamos que o plano de atividades físicas adaptadas produziu efeito positivo no perfil das Práxias desta criança, uma vez que o seu perfil evoluiu mostrando em alguns subfactores um excelente índice de disponibilidade motora.

Pertenece a

Repositório do Instituto Politénico de Castelo Branco  

Autor(es)

Mesquita, Helena -  Serrano, João -  Honório, Samuel -  Batista, Marco -  Almeida, Diogo - 

Id.: 69951987

Idioma: por  - 

Versión: 1.0

Estado: Final

Palabras claveEspetro do Autismo - 

Tipo de recurso: conferenceObject  - 

Tipo de Interactividad: Expositivo

Nivel de Interactividad: muy bajo

Audiencia: Estudiante  -  Profesor  -  Autor  - 

Estructura: Atomic

Coste: no

Copyright: sí

: openAccess

Requerimientos técnicos:  Browser: Any - 

Fecha de contribución: 29-ago-2017

Contacto:

Localización:
* MESQUITA, Helena [et al.] (2017) - A práxia global e fina numa criança com espetro de autismo. In XIII SIEFLAS – Seminário Internacional de Educação Física, Lazer e Saúde. Guarda, 10-12 de julho.

Otros recursos del mismo autor(es)

  1. Diferenças em função do género das formas de motivação autodeterminada de atletas veteranos O objetivo foi analisar as diferenças, em função do género, das formas da motivação autodeterminada ...
  2. Adaptation and validation of the portuguese version of the healthy life styles questionnaire The aim of this study was the adaptation and validation of Healthy Lifestyle Questionnaire (EVS), of...
  3. Self-determined motivation and life satisfaction in portuguese veterans athletes The aims of this work were to determine correlations and predictive variables, between the levels of...
  4. Academic performance evaluation depending of the oriented exercise volume and body coordination quocient on 1st cycle children Este estudo tem como objetivo analisar se o nível de coordenação motora tem efeitos positivos sobre ...
  5. Selfdetermination and life satisfaction: an exploratory study with veteran judo athletes The Theory of Self‐determination (Deci & Ryan, 2002) is based on a motivational domain and leads to ...

Otros recursos de la mismacolección

  1. Política de educação inclusiva portuguesa : perceção dos alunos do 10º ano de escolaridade em relação aos seus pares deficientes Pretendemos abordar a política de inclusão dos alunos de necessidades educativas especiais (NEE) na ...
  2. Utilização de recurso digital (Internet) e utilização de recurso analógico (manual escolar) no 1º CEB : um estudo comparativo na prática de ensino supervisionada A investigação implementada teve como base uma questão-problema que pretendeu verificar quais as imp...
  3. O Podcast : ferramenta digital em contexto educativo no 1ºCEB A utilização das TIC tem vindo a aumentar significativamente na atual «Sociedade de Informação», o q...
  4. Envelhecimento e competências digitais : um estudo em populações 50+ Este estudo investiga os fatores socioculturais que influenciam a aprendizagem das Tecnologias de In...
  5. Diferenças em função do género das formas de motivação autodeterminada de atletas veteranos O objetivo foi analisar as diferenças, em função do género, das formas da motivação autodeterminada ...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.