Mostrando recursos 1 - 20 de 42

  1. O impacto da laringoplastia com balão na morbidade associada ao tratamento da estenose subglótica aguda adquirida em crianças

    Wenzel, Andréia Melchiors
    OBJETIVO: Avaliar o impacto da introdução da laringoplastia com balão (LPB) em um hospital terciário nos desfechos clínicos e cirúrgicos de pacientes pediátricos com estenose subglótica (ESG) adquirida. DELINEAMENTO: Estudo de Coorte prospectivo. MÉTODOS: Duas coortes prospectivas, com dados coletados antes e após 2009, foram incluídas e comparadas. Uma coorte incluiu pacientes com ESG aguda diagnosticados logo após a extubação, tratados inicialmente com traqueostomia (TQT) (se sintomas graves) ou com acompanhamento clínico rigoroso (se sintomas leves). Essas crianças foram reavaliadas e submetidas a tratamentos específicos para ESG com laser ou cirurgias abertas, algumas semanas ou meses mais tarde. A outra...

  2. Avaliação do comportamento alimentar, do metabolismo e da preferência por exercício físico na vida adulta de animais expostos à restrição de crescimento intrauterino e ao exercício físico voluntário ao longo do desenvolvimento

    Cunha, Fábio da Silva
    Introdução: O período intrauterino, a infância e a adolescência são caracterizados como fases críticas devido a alta plasticidade. Eventos que ocorrem nessas fases moldam o padrão de saúde do indivíduo ao longo da vida. Tentando mimetizar situações adversas que ocorrem em seres humanos como a restrição de crescimento intrauterino (RCIU), que é definida como condição em que o feto não alcança o tamanho esperado para certa idade gestacional, podem ser utilizados modelos animais. Animais que sofreram RCIU apresentam alterações na alimentação e no padrão de exercício físico voluntário. Assim, é possível que a prática regular de atividade física durante o...

  3. Avaliação da concordância entre diferentes métodos diagnósticos de síndrome metabólica em crianças e adolescentes

    Reuter, Cézane Priscila
    Introdução: Estudos com adolescentes tem demonstrado baixa prevalência de síndrome metabólica (SM) utilizando os atuais critérios para diagnóstico. Para crianças ainda não existe classificação para esta condição, sendo utilizados pontos de corte adaptados para a população adulta ou apenas dados do histórico familiar. Além disso, os atuais critérios não apresentam concordância no diagnóstico, não havendo um consenso do melhor a ser utilização para a população infanto-juvenil. Alguns estudos internacionais tem utilizado um novo critério, baseado na avaliação do risco metabólico (RM), por peio de um escore contínuo (continuous metabolic risk score; cMetS). Porém, na população infanto-juvenil brasileira, este escore ainda...

  4. Reprodutibilidade e validade discriminante dos domínios social e de comunicação expressiva da escala Individualized Music Therapy Assessment Profile (IMTAP) aplicada a crianças e adolescentes com transtornos do espectro do autismo e com desenvolvimento típico

    Silva, Alexandre Mauat da
    Introdução: no Brasil, o número de instrumentos de avaliação quantitativos específicos da musicoterapia - essenciais para o acompanhamento, estabelecimento de metas e verificação de resultados - é reduzido. Assim, pesquisas envolvendo a tradução, adaptação e busca por evidências de validade desses instrumentos se fazem necessárias. Justificativa: nesse contexto, considera-se que a Individualized Music Therapy Assessment Profile (IMTAP) possa auxiliar na qualificação das avaliações musicoterapêuticas referentes aos transtornos do espectro do autismo (TEA) no país. Nesta tese foram investigadas propriedades psicométricas dos domínios social e de comunicação expressiva da escala, em razão das mesmas serem áreas centrais relacionadas às dificuldades dos...

  5. Qualidade de vida em escolares com excesso de peso

    D'avila, Helen Freitas
    Introdução: Qualidade de Vida Relacionada à Saúde (QVRS) é uma medida de saúde que abrange as dimensões física, psicológica e social. Há evidência de que o excesso de peso é capaz de determinar a QVRS de escolares. Avaliar a QVRS é relevante para a identificação do impacto do excesso de peso e monitoramento dos domínios mais afetados da QVRS, além de ser um indicador relevante para o manejo da obesidade. Ainda, os escolares com excesso de peso do sul do Brasil merecem atenção, visto que esta região possui uma prevalência de excesso de peso que supera as outras regiões do...

  6. Avaliação do impacto de uma estratégia de manejo do excesso de peso infanto-juvenil em um hospital público de Porto Alegre

    Souza, Lisete Griebeler
    A obesidade infanto-juvenil é um dos maiores desafios de saúde pública do século 21. A criança com obesidade tem maior risco de permanecer nesta condição quando adulta se comparada à criança eutrófica e o tempo de duração da obesidade está diretamente relacionado à morbimortalidade por doenças cardiovasculares. O manejo da obesidade é difícil em qualquer época da vida, mas especialmente na fase infanto-juvenil. Por esta razão, é necessário validar com urgência novas estratégias que possam proporcionar resultados positivos no tratamento da obesidade nesta faixa etária. O objetivo deste estudo foi avaliar o impacto de uma estratégia de manejo do excesso...

  7. Variáveis associadas a risco de incompatibilidades medicamentosas em prescrições de crianças e adolescentes portadores de neoplasia

    Santos, Maitê Telles dos
    Objetivo: Avaliar as potenciais incompatibilidades medicamentosas em prescrições de oncologia pediátrica e identificar possíveis fatores de risco para sua ocorrência. Método: Estudo transversal que avaliou as prescrições de pacientes da oncologia pediátrica em um hospital universitário terciário no período de dezembro de 2014 a dezembro de 2015. A associação entre as variáveis e o risco de potenciais incompatibilidades entre os medicamentos intravenosos foi determinada pelo teste t de Student e Qui – quadrado de Person considerando significativo para p<0,05. Calculou-se o Odds Ratio com intervalo de confiança de 95% de cada medicamento que apresentou diferença estatisticamente significativa no teste de...

  8. Prevalência mundial do transtorno do espectro do autismo : revisão sistemática e metanálise

    Norte, Douglas Mollerke
    Introdução: O Transtorno do Espectro do Autismo (TEA) é um distúrbio do neurodesenvolvimento caracterizado por déficits sociais, comunicativos e comportamentais. O TEA ainda não tem nenhum fator etiológico patognomônico e é definido como um transtorno crônico. A apresentação do transtorno é bastante heterogênea, e existem indicações de que possíveis bases genéticas e ambientais possam estar envolvidas em sua etiologia. Apesar da prevalência do TEA ainda ser muito discutida, e haver poucos dados a nível mundial, acredita-se que a prevalência esteja em uma crescente, principalmente nos últimos 10 anos. Objetivo: O objetivo principal do estudo é estimar a prevalência do TEA...

  9. Prevalência de transtorno de déficit de atenção e hiperatividade e outras alterações neurológicas em fenilcetonúricos de um centro do sul do país

    Silva, Fernanda Gabriel Santos da
    Introdução: Estudos recentes têm demonstrado que pacientes com fenilcetonúria (PKU), mesmo com diagnóstico precoce e tratamento contínuo, podem apresentar sintomas de Déficit de Atenção e Hiperatividade (TDAH) e que a prevalência de TDAH nesta população seria maior que a população geral. Além desse relato de aumento de prevalência de TDAH, há também relatos de outras alterações neurológicas nestes pacientes. Objetivo: Determinar a prevalência de TDAH e outras alterações neurológicas em uma população de fenilcetonúricos de um centro do sul do Brasil. Métodos: Participaram do estudo pacientes com PKU e idade ≥ 5 anos, que não apresentavam diagnóstico clínico de déficit...

  10. Taurolidina versus heparina para prevenção de infecção relacionada ao uso de cateter venoso central em crianças com falência intestinal

    Witkowski, Maria Carolina
    Esta tese aborda um tema inovador no Brasil: a desospitalização de crianças e adolescentes com falência intestinal (FI) em uso de nutrição parenteral (NP). O objetivo foi avaliar, comparativamente, o uso da taurolidina e da heparina na prevenção de infecção de corrente sanguínea relacionada ao uso de cateter venoso central (CRBSI) no hospital e no domicilio. Foi realizado um ensaio clínico randomizado, com pacientes com idade entre 1 mês de vida até 18 anos incompletos, no período de julho de 2014 até janeiro de 2017. Os critérios de inclusão foram: pacientes que tinham FI em uso de NP por cateter...

  11. O impacto da restrição de crescimento intrauterino no comportamento alimentar aos 30 dias de vida

    da Cás, Samira
    OBJETIVO: Avaliar o comportamento alimentar de recém-nascidos (RN) pequenos (PIG) e grandes (GIG) para a idade gestacional através de questionário específico e comparar com RN adequados para a idade gestacional (AIG). METODOLOGIA: Estudo de coorte prospectivo, cuja primeira fase consistiu na realização de uma entrevista para coleta de dados da mãe da gestação e do parto, bem como de dados socioeconômicos, com mães que tiveram seus filhos a termo no Hospital de Clínicas de Porto Alegre. Na segunda fase do estudo foi aplicado o questionário Baby Eating Behaviour Questionnaire (BEBQ) através de contato por telefone, com 1 mês do nascimento....

  12. Estudo dos potenciais evocados auditivos em crianças, adolescentes e jovens com a doença falciforme

    Silveira, Adriana Laybauer
    Introdução: a doença falciforme é uma alteração hereditária, que causa malformação nas hemácias com consequências vaso-oclusivas de potencial dano auditivo. Os estudos que tratam da relação entre alteração auditiva e doença falciforme apresentam grande disparidade de resultados. Em todos os trabalhos consultados, não foram encontrados artigos sobre o potencial evocado auditivo com estímulo de fala nesta população. Objetivo: analisar as respostas obtidas pelos potenciais evocados auditivos em crianças, adolescentes e jovens com a doença falciforme. Métodos: trata-se de um estudo observacional, transversal, com amostra de sujeitos com diagnóstico de doença falciforme, advindos de um ambulatório de hemoglobinopatia de um hospital...

  13. Estudo do efeito da mistura eutetica de lidocaina e prilocaina sobre a saturacao transcutanea de oxigenio da hemoglobina como parametro indireto para avaliacao da dor em recem-nascidos

    Porto, Marcelo Pavese
    As punções venosas e arteriais são procedimentos potencialmente dolorosos, praticados com muita freqüência nas unidades de neonatologia, sem que algum cuidado para aliviar ou evitar a dor seja tomado. Essa situação é decorrente do fato de que, até recentemente, considerava-se o recém-nascido incapaz de sentir dor. Sabe-se, atualmente, que o neonato apresenta todas as estruturas anatômicas, funcionais e químicas para a percepção de estímulos nociceptivos, respondendo a eles com alterações fisicas, comportamentais e hormonais. Em determinadas situações clínicas, essas respostas à dor podem levar, inclusive, a um aumento da morbidade e da mortalidade. Vários estudos têm demostrado alterações significativas na...

  14. Estudo do efeito da mistura eutetica de lidocaina e prilocaina sobre a saturacao transcutanea de oxigenio da hemoglobina como parametro indireto para avaliacao da dor em recem-nascidos

    Porto, Marcelo Pavese
    As punções venosas e arteriais são procedimentos potencialmente dolorosos, praticados com muita freqüência nas unidades de neonatologia, sem que algum cuidado para aliviar ou evitar a dor seja tomado. Essa situação é decorrente do fato de que, até recentemente, considerava-se o recém-nascido incapaz de sentir dor. Sabe-se, atualmente, que o neonato apresenta todas as estruturas anatômicas, funcionais e químicas para a percepção de estímulos nociceptivos, respondendo a eles com alterações fisicas, comportamentais e hormonais. Em determinadas situações clínicas, essas respostas à dor podem levar, inclusive, a um aumento da morbidade e da mortalidade. Vários estudos têm demostrado alterações significativas na...

  15. Efeitos agudos do fumo sobre a dinâmica cardiocirculatória da unidade feto-materno-placentária

    Müller, Janine Santos
    O fumo é a droga mais comumente usada na gestação, e suas conseqüências podem se manifestar por associação com prematuridade, retardo de crescimento fetal e baixo peso do recém-nascido, entre outras complicações. O tabaco possut vários metabólitos, sendo a nicotina e o monóxido de carbono os mais estudados. A nicotina atinge o feto através da placenta e concentrase no sangue fetal, no líquido amniótico e no leite materno. O uso do tabaco pela mãe causa aumento de substâncias vasoconstritoras e diminuição de substâncias vasodilatadoras no cordão umbilical, o que pode estar relacionado com as alterações perfusionais encontradas na unidade feto-matemo-placentária...

  16. Efeitos agudos do fumo sobre a dinâmica cardiocirculatória da unidade feto-materno-placentária

    Müller, Janine Santos
    O fumo é a droga mais comumente usada na gestação, e suas conseqüências podem se manifestar por associação com prematuridade, retardo de crescimento fetal e baixo peso do recém-nascido, entre outras complicações. O tabaco possut vários metabólitos, sendo a nicotina e o monóxido de carbono os mais estudados. A nicotina atinge o feto através da placenta e concentrase no sangue fetal, no líquido amniótico e no leite materno. O uso do tabaco pela mãe causa aumento de substâncias vasoconstritoras e diminuição de substâncias vasodilatadoras no cordão umbilical, o que pode estar relacionado com as alterações perfusionais encontradas na unidade feto-matemo-placentária...

  17. O aleitamento materno protege contra infeccao do trato urinario no primeiro ano? : um estudo de casos-controle

    Kripka, Roseli
    A infecção do trato urinário é uma doença bastante freqüente em lactentes, podendo causar sérias conseqüências em crianças, principalmente naquelas com alterações do trato urinário. Alguns fatores têm sido associados a uma maior suscetibilidade de crianças pequenas à infecção do trato urinário, entre os quais figura a ausência ou curta duração do aleitamento materno. Esta associação, no entanto, precisa ser mais bem investigada. Com o objetivo de estudar a relação entre aleitamento materno e infecção do trato urinário no primeiro ano de vida, realizou-se um estudo caso-controle com 108 crianças (36 casos e 72 controles) entre 12 e 30 meses...

  18. O aleitamento materno protege contra infeccao do trato urinario no primeiro ano? : um estudo de casos-controle

    Kripka, Roseli
    A infecção do trato urinário é uma doença bastante freqüente em lactentes, podendo causar sérias conseqüências em crianças, principalmente naquelas com alterações do trato urinário. Alguns fatores têm sido associados a uma maior suscetibilidade de crianças pequenas à infecção do trato urinário, entre os quais figura a ausência ou curta duração do aleitamento materno. Esta associação, no entanto, precisa ser mais bem investigada. Com o objetivo de estudar a relação entre aleitamento materno e infecção do trato urinário no primeiro ano de vida, realizou-se um estudo caso-controle com 108 crianças (36 casos e 72 controles) entre 12 e 30 meses...

  19. Doença respiratória aguda baixa em menores de cinco anos : fatores de risco e prevalência em Rio Grande, RS

    Prietsch, Silvio Omar Macedo
    Resumo não disponível

  20. Doença respiratória aguda baixa em menores de cinco anos : fatores de risco e prevalência em Rio Grande, RS

    Prietsch, Silvio Omar Macedo
    Resumo não disponível

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.