Recursos de colección

Lume, repositório digital da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) (140.378 recursos)

Portal de acesso livre a teses, dissertações, artigos de periódicos, livros, capítulos de livros, trabalhos de conclusão, trabalhos apresentados em eventos, fotos, patentes, entre outras coleções digitais produzidas na Universidade.

Cardiologia e Ciências Cardiovasculares

Mostrando recursos 1 - 2 de 2

  1. Avaliação de dano hipertensivo em órgão alvo em indivíduos com pré-hipertensão e hipertensão estágio I : análise de parâmetros ecocardiográficos basais e após 18 meses de tratamento anti-hipertensivo

    Bertoluci, Carolina
    Esta é uma avaliação ecocardiográfica de indivíduos pré-hipertensos e hipertensos estágio I, aninhada no ensaio clínico randomizado PREVER. Ecocardiogramas foram realizados no início e após 18 meses de tratamento (clortalidona/amilorida ou placebo em pré-hipertensos, clortalidona/amilorida ou losartana em hipertensos estágio I). Comparando-se os ecocardiogramas basais de pré-hipertensos e hipertensos, observou-se que pré-hipertensão está associada a alterações ecocardiográficas de dano hipertensivo em órgão alvo semelhantes à hipertensão estágio I, com exceção da massa ventricular esquerda, que foi maior em mulheres hipertensas do que nas pré-hipertensas. Em hipertensos estágio I, após 18 meses de tratamento houve redução significativa no volume do AE,...
    (application/pdf) - 12-feb-2017

  2. Efeitos de diferentes protocolos de fisioterapia na reabilitação cardíaca fase I em pacientes após cirurgia de revascularização do miocárdio : ensaio clínico randomizado

    Zanini, Maurice
    Pacientes submetidos à cirurgia de revascularização do miocárdio (CRM) sofrem uma perda na capacidade cardiopulmonar no pós-operatório. O objetivo foi avaliar os efeitos de diferentes protocolos na fase I da reabilitação cardiopulmonar (RCPF1) quanto à capacidade funcional e função pulmonar. Método: Através de um ensaio clínico randomizado simples cego, pacientes submetidos à CRM foram avaliados para capacidade funcional, capacidade pulmonar e função muscular respiratória. Após a CRM foram randomizados para 4 grupos de RCPF1. Resultado: Quarenta pacientes foram incluídos, 10 em cada grupo. Os grupos 1 e 2 apresentaram maior capacidade funcional no pós-operatório imediato e tardio. Todos os grupos...
    (application/pdf) - 02-feb-2017

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.