Recursos de colección

Lume, repositório digital da Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS) (140.378 recursos)

Portal de acesso livre a teses, dissertações, artigos de periódicos, livros, capítulos de livros, trabalhos de conclusão, trabalhos apresentados em eventos, fotos, patentes, entre outras coleções digitais produzidas na Universidade.

Ciência e Tecnologia de Alimentos

Mostrando recursos 1 - 5 de 5

  1. Extração, identificação, quantificação e microencapsulamento por atomização e liofilização de compostos bioativos dos cálices de hibisco (hibiscus sabdariffa l.)

    Piovesana, Alessandra
    O interesse pela extração dos compostos bioativos, a partir de fontes naturais, para o emprego na produção de alimentos funcionais tem aumentado, devido, principalmente, à crescente demanda por parte dos consumidores, por produtos mais saudáveis e que possam trazer benefícios à saúde. Dentre as fontes naturais de compostos bioativos, destaca-se o hibisco (Hibiscus sabdariffa L.), que é rico em antocianinas, flavonoides, ácidos fenólicos, carotenoides, dentre outros. Entretanto, quando os compostos bioativos são separados de suas matrizes, estes se tornam altamente instáveis frente a diversos fatores ambientais, necessitando serem protegidos. O recobrimento por microencapsulamento é uma alternativa para retardar a degradação...
    (application/pdf) - 09-abr-2017

  2. Utilização de amido, óleo de orégano e extrato de resíduo de abóbora para o desenvolvimento de fimes biodegradáveis ativos

    Caetano, Karine dos Santos
    O impacto ambiental causado por materias plásticos utilizados como embalagem e a grande quantidade de resíduos gerados pela indústria de alimentos, é uma crescente preocupação. Como alternativa para reduzir os problemas de disposição de resíduos e o uso excessivo de materiais não biodegradáveis, têm-se realizado diversas pesquisas sobre o desenvolvimento de filmes a partir de biopolímeros e de resíduos alimentares ou a combinação destes. Os filmes produzidos podem ser utilizados para substituir parcialmente o uso de plástico não biodegradável e representam uma alternativa para agregar valor a materiais até então subutilizados com redução do consumo de materiais provenientes de fontes...
    (application/pdf) - 17-feb-2017

  3. Avaliação do potencial de aquecimento global do arroz branco, integral, parboilizado e parboilizado integral obtidos em sistemas de cultivo mínimo e orgânico

    Nunes, Flávia Aparecida
    A segurança alimentar e alterações climáticas são dois dos mais prementes desafios que a humanidade enfrenta neste século. A agricultura é a maior fonte de emissões de gases de efeito estufa (GEE), portanto, alterações nas práticas agrícolas tem um considerável efeito no aquecimento global. A metodologia da Avaliação do Ciclo de Vida (ACV) tem sido utilizada no setor agroalimentar com o propósito de identificar oportunidades para melhorar o desempenho ambiental de produtos em vários pontos do seu ciclo de vida. Este estudo modelou o Potencial de Aquecimento Global (PAG) da produção do arroz branco, integral, parboilizado e parboilizado integral obtidos...
    (application/pdf) - 08-abr-2017

  4. Desenvolvimento da tecnologia para a produção de pão sourdough: aspectos da produção de inóculo e qualidade sensorial de pães

    Martinbianco, Fernanda
    Neste trabalho, foi realizado um estudo sobre a produção de pães de fermentação natural ou “sourdough”, baseado na hipótese que este processo possa apresentar papel bem definido na melhoria do sabor, da estrutura de pão, na estabilização ou aumento dos níveis de vários compostos bioativos, retardamento da biodisponibilidade do amido (baixo índice glicêmico) e no aumento da biodisponibilidade de minerais.. Elaborou-se pães que foram produzidos via fermentação “sourdough” utilizando os microrganismos Kluyveromyces marxianus, Dekkera bruxellensis e Lactobacillus plantarum como cultura de partida. A partir de sete amostras resultantes de um delineamento de mistura Simplex-Centróide, determinou-se o volume especifico dos pães...
    (application/pdf) - 13-abr-2017

  5. Avaliação do extrato alcoólico de hibisco (hibiscus sabdariffa l.) como fator de proteção antibacteriana e antioxidante em alimentos

    Maciel, Mônica Jachetti
    O hibisco (Hibiscus sabdariffa L.) além de possuir propriedades antioxidantes e antimicrobianas, é utilizado como planta medicinal e alimento funcional nos países tropicais. Através de Testes de Diluição em Sistema de Tubos Múltiplos determinou-se a Intensidade de Atividade de Inibição Bacteriana (IINIB/Bacteriostasia) e a Intensidade de Atividade de Inativação Bacteriana (IINAB/Bactericidia) de extrato alcoólico de dois acessos de hibisco, a saber: Palmares do Sul/RS e Porto Alegre/RS sobre inóculos padronizados de Enterococcus faecalis (ATCC 19433), Escherichia coli (ATCC 11229), Salmonella Enteritidis (ATCC 11076) e Staphylococcus aureus (ATCC 25923). Paralelamente, o teor de polifenóis totais e de antocianinas nos cálices e...
    (application/pdf) - 09-abr-2017

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.