Recursos de colección

SciELO Brasil - Scientific Electronic Library Online (80.481 recursos)

SciELO (Scientific Electronic Library Online) is an electronic library covering a selected collection of Brazilian scientific journals. The objective of the site is to implement an electronic virtual library, providing full access to a collection of serial titles, a collection of issues from individual serial titles, as well as to the full text of articles. The project envisages the development of a common methodology for the preparation, storage, dissemination and evaluation of scientific literature in electronic format.

Cadernos Pagu

Mostrando recursos 1 - 20 de 36

  1. Emma B. Documentos para servir al estudio de la estructura familiar de los coleccionistas de fósiles: el caso de Emma y Auguste Bravard

    Podgorny,Irina

  2. A teoria queer e a Reinvenção do corpo

    Pereira,Pedro Paulo Gomes

  3. A mulher no corpo: um re-encontro com Emily Martin

    Manica,Daniela Tonelli

  4. Ainda somos poucas: exclusão e invisibilidade na ciência

    Costa,Maria Conceição da

  5. Um estimulante encontro com Michel de Certeau: o feminismo tático de Bertha Lutz

    Costa,Suely Gomes

  6. Entrevista com Sherry Ortner

    Debert,Guita Grin; Almeida,Heloisa Buarque de

  7. A implementação dos órgãos governamentais de gênero no Brasil e o papel do movimento feminista: o caso do Conselho Estadual da Condição Feminina de São Paulo

    Santos,Yumi Garcia dos
    Desde 1960, no cenário internacional, defensores pelos direitos da mulher reivindicavam a criação de uma instituição governamental de elaboração de políticas pela igualdade de gênero. Este artigo aborda a resposta brasileira para tal tendência internacional e, especificamente, o papel do movimento feminista do Estado de São Paulo no processo de implementação desse novo organismo na região. Tal institucionalização foi extremamente importante para trazer as questões de gênero na esfera pública, mas foi também o centro do debate sobre a autonomia do movimento e o modo como uma organização do gênero deve ser estruturada no interior de um governo.

  8. All you need is love: ciudadanía, género y educación en los debates del primer socialismo argentino

    Becerra,Marina
    En este trabajo presento un análisis de las estrategias socialistas para la producción de una ciudadanía moderna, en el período fundacional del socialismo (1896-1910), coincidente con el momento de sistematización de la escolarización básica en Argentina. El estudio de aquellos debates socialistas reviste especial interés para las problemáticas de género, puesto que el socialismo constituye una de las formaciones políticas que en Argentina defendió activamente la emancipación femenina e impulsó muy tempranamente la producción de una ciudadanía moderna para ambos sexos.

  9. Cecília Meireles: imagens femininas

    Dal Farra,Maria Lúcia
    Ao traçar a trajetória da poeta Cecília Meireles, este artigo evidencia sua capacidade de perscrutar as coisas existentes para surpreender nelas o rasgo imperecível. Ao longo de sua obra, a autora convulsiona a lógica discursiva, renomeia os seres, transmuta-lhes os atributos, confundindo-os e encaminhando-os a um caos que pede urgência na reordenação do que seria um novo mundo.

  10. A produção científica brasileira no feminino

    Melo,Hildete Pereira de; Oliveira,André Barbosa
    O crescimento da produção científica tem estimulado o surgimento de estudos para avaliar os processos de produção, difusão e uso dos conhecimentos científicos. Infelizmente, essa literatura não tem sido sensível à temática de gênero, ignorando que mulheres e homens têm trajetórias diferenciadas e que desvelar as mulheres no mundo científico e tecnológico exige um esforço específico. A hipótese da neutralidade científica, de fato, iguala os que não são iguais no acesso às carreiras científicas e tecnológicas. Este artigo tem como objetivo preencher esta lacuna e analisar através da utilização do indicador "medida de atividade", a intensidade da atividade científica das...

  11. A construção social de gênero na Biologia: preconceitos e obstáculos na biologia molecular

    Osada,Neide Mayumi; Costa,Maria Conceição da
    Este paper tem como objetivo analisar a presença de homens e mulheres nas ciências biológicas a partir do Projeto Genoma Fapesp (PGF). Baseado nos estudos sociais das ciências e nos estudos de gênero em ciências, pretende-se, portanto, entender as principais razões que levam ao avanço mais lento na carreira das mulheres pesquisadoras, analisar como ocorre a participação das mulheres na construção das ciências e, por fim, avaliar os principais obstáculos por elas enfrentados.

  12. Mulheres na informática: quais foram as pioneiras?

    Schwartz,Juliana; Casagrande,Lindamir Salete; Leszczynski,Sonia Ana Charchut; Carvalho,Marilia Gomes de
    É importante mostrar que as mulheres tiveram papel imprescindível no desenvolvimento da área de software, para, deste modo, estimular as mulheres para a informática. Assim, o objetivo deste artigo é fornecer modelos femininos na área de informática, apresentando mulheres pioneiras que tiveram importante participação no desenvolvimento da computação. Sendo a informática uma ciência, a relação entre mulher e ciência é brevemente analisada, fornecendo um embasamento teórico dos motivos que levam a acreditar que as mulheres começaram a fazer ciência somente no século XX.

  13. Modernização, políticas públicas e sistema de gênero no Brasil: educação e profissionalização feminina entre as décadas de 1920 e 1940

    Azevedo,Nara; Ferreira,Luiz Otávio
    Para um contingente importante de mulheres, sobretudo as de classe média urbana, as experiências de escolarização proporcionada pelas políticas sociais e, mais especificamente, pelas políticas educacionais implantadas isoladamente a partir dos anos 1920, que efetivamente se institucionalizaram na chamada era Vargas, foram em larga medida responsáveis por importantes mudanças no sistema de gênero, especialmente no que diz respeito à inserção profissional de mulheres no mundo acadêmico e científico. Este texto tem o propósito de rever uma interpretação relativamente consolidada na literatura sobre esse assunto, que tende a minimizar as conseqüências operadas por essas reformas no perfil educacional da população feminina.

  14. Educadoras sanitárias e enfermeiras de saúde Pública: identidades profissionais em construção

    Faria,Lina
    Este é um estudo sobre a história das educadoras sanitárias e das enfermeiras de saúde pública na primeira metade do século XX, em São Paulo. Tem por objetivo mostrar o desafio, às mulheres, de demarcar um território de decisões e atuação que não fosse simples "poder delegável" pela profissão médica. A sociologia histórica (no tocante às relações entre instituições, poder e identidades profissionais) proporcionou um instrumental teórico e metodológico para o presente trabalho. Entre as conclusões, destacamos a importância do surgimento de um novo campo profissional, relacionado à educação sanitária e à enfermagem de saúde pública. O texto destaca, brevemente,...

  15. Ni solas ni resignadas: la participación femenina en las actividades científico-académicas de la Argentina en los inicios del siglo XX

    García,Susana V.
    Alrededor de 1910 se registran los primeros trabajos de investigación en ciencias naturales firmados por mujeres en las publicaciones científicas argentinas, egresan de las universidades las primeras doctoras en estas disciplinas y las mujeres son incorporadas como ayudantes en laboratorios, museos y reparticiones públicas. En este trabajo se analiza el contexto de emergencia de esa primera generación de mujeres que participaron formalmente en el ámbito científico-institucional argentino. En primer lugar se examina el acceso femenino a la educación universitaria y los estudios científicos, y luego, las inserciones institucionales, becas y trabajos de algunas de las primeras doctoras y profesoras en...

  16. Zelia Nuttall e Isabel Ramírez: las distintas formas de practicar y escribir sobre arqueología en el México de inícios del siglo XX

    Martinez,Apen Ruiz
    Este artículo examina las experiencias de Zelia Nuttall e Isabel Ramírez Castañeda en la antropología mexicana y su participación en la Escuela Internacional de Etnología y Arqueología Americana (1910-1914). Basándome en investigaciones de archivo analizo las distintas maneras de participar en antropología en un momento de profesionalización. Este artículo ofrece información institucional, biográfica y social que nos permite conocer mejor las experiencias de las mujeres antropólogas pioneras.

  17. Pelas telas, pela janela: o conhecimento dialogicamente situado

    Cabral,Carla Giovana
    Este artigo tem por objetivo entrelaçar estudos feministas da ciência e da tecnologia para tecer críticas à pretensa neutralidade científica e o determinismo tecnológico. A categoria gênero é compreendida como poderosa ferramenta para desconstruir a idéia de que pesquisadoras/es devam fugir da sua responsabilidade social e da consciência crítica em nome da objetividade. Esta reflexão ilumina a possibilidade do conhecimento dialogicamente situado.

  18. Sobre convenções em torno de argumentos de autoridade

    Lopes,Maria Margaret
    Partindo de um recorte de leituras do campo disciplinar de História das Ciências, este artigo reúne flashes da construção e da diversificação das áreas de estudos identificadas como gênero e ciência, gênero em ciências, estudos feministas das ciências, para problematizar a importância de se considerar a historicidade desses estudos de gênero e suas contribuições e limitações para reflexões críticas sobre a construção das ciências.

  19. Qual foi o impacto do feminismo na ciência?

    Keller,Evelyn Fox
    Neste artigo, quero fazer a afirmação provocadora de que há algumas maneiras em que mudamos a ciência, mesmo que, uma vez mais, não exatamente da maneira ampla que algumas de nós imagináramos. Para fundamentar essa afirmação, arrolarei algumas mudanças - todas elas na biologia, e todas em óbvia simpatia com os objetivos feministas, mudanças que tiveram lugar tanto com o maior acesso das mulheres à ciência quanto com o surgimento da crítica feminista da ciência.

  20. Apresentação

    Lopes,Maria Margaret

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.