Recursos de colección

Estudo Geral - Universidade de Coimbra (19.630 recursos)

ESTUDO GERAL é a designação do repositório digital da produção científica da Universidade de Coimbra, com o objectivo de divulgar conteúdos digitais de natureza científica de autores ligados à Universidade de Coimbra. A sua criação insere-se no movimento de Acesso Livre à Literatura científica (Open Access), ao qual o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas aderiu em 2006 e que a Universidade de Coimbra subscreveu. À semelhança de outras grandes universidades nacionais e internacionais, a UC tem o maior interesse em aumentar a sua presença na rede informática mundial, sendo cada vez mais - e também por essa via - um emissor de conhecimento e cultura.

FCTUC Zoologia - Artigos em Revistas Nacionais

Mostrando recursos 1 - 20 de 26

  1. Carabelli’s trait: Definition and review of a commonly used dental non-metric variable

    Marado, Luís Miguel; Campanacho, Vanessa
    Carabelli’s trait has been studied for more than 150 years. The use of this dental morphological trait in biodistance analyses, phylogenetic studies, kinship inference and forensic anthropology is broadly documented. Due to these and other anthropological and evolutionary applications of the trait, and to its variability, it is still a subject of interest in the anthropological literature. This work aims to briefly define and review the character and its research history. Known since 1827 and made popular by Georg Carabelli, an Austrian dentist, Carabelli’s trait is usually considered to not present sexual dimorphism. It has been one of the main variables in establishing reliable recording methodology for...

  2. O contributo da arte para os estudos paleopatológicos: Uma abordagem comparativa

    Gomes, Ricardo
    A arte e a ciência nem sempre são vistas como duas matérias compatíveis, mas o certo é que quando se opta por uma abordagem multidisciplinar, os resultados mostram-se excelentes pondo em evidência o quão harmoniosamente estes dois universos se enquadram. É este mesmo o objectivo do presente trabalho, que pretende ilustrar como a arte pode ser uma ferramenta de extrema utilidade ao dispor dos paleopatólogos. Para tal, foram escolhidas algumas situações exemplificativas, nomeadamente, ao nível das malformações congénitas, das doenças infecciosas, das neoplasias e da patologia osteoarticular. Após a análise dos vários casos chegou-se à conclusão que, de facto, a arte pode ajudar a contar a história natural...

  3. Parto, morte e massa óssea na Colecção de Esqueletos Identificados do Museu Antropológico da Universidade de Coimbra (Portugal): alguns avanços preliminares

    Curate, Francisco; Lima, João Pedroso de; Albuquerque, Anabela; Ferreira, Izilda; Correia, Joana; Cunha, Eugénia
    Neste trabalho pretende-se testar a hipótese de que o período gestacional se encontra relacionado com o decréscimo da massa óssea em mulheres que faleceram durante a sua idade reprodutiva. Desse modo, avaliaram-se alguns parâmetros da massa óssea, através da radiogrametria do segundo metacárpico e da densitometria no fémur proximal, numa amostra feminina da Colecção de Esqueletos Identificados da Universidade de Coimbra. Os valores médios do Índice Cortical do segundo metacárpico (IC) e de densidade mineral óssea (DMO) em diferentes regiões do fémur proximal observados em mulheres que morreram devido a complicações relacionadas com o parto (ICD-10: 15; N=4) e em mulheres que morreram devido a outras causas (N=24)...

  4. A brucelose em paleopatologia: um estudo de caso proveniente da necrópole Cristã de Cacela Velha

    Curate, Francisco
    The theoretical and practical ethos of the paleopathological perspective can reveal important aspects of the diachronic evolution of chronic pathological processes that affect the skeleton. With this perspective in mind, we present here a composite picture of brucellosis (Malta’s fever) based on data from biological anthropology, history of medicine, archaeology and clinical medicine. The chief purposes of this article include the construction of a synthesis that incorporates the clinical definition, the aetiology and the symptoms of brucellosis, examples of the disease in the paleopathological literature, and discussion of a possible case from a Christian necropolis (13th-16th centuries) located in Cacela Velha (Algarve, Portugal).

  5. Arsuaga, Juan Luis. 2009. El reloj de Mr. Darwin – la explicación de la beleza y maravilla del mundo natural

    Curate, Francisco

  6. Donald Ortner (1938-2012)

    Santos, Ana Luísa; Matos, Vítor; Marques, Carina

  7. Jardim Botânico de Coimbra: uma jóia da Univers(c)idade

    Tavares, Ana Cristina
    Apresentação do Jardim Botânico da Universidade de Coimbra à comunidade onde se integra. Os Jardins Botânicos são especiais porque têm tudo o que existe em qualquer jardim e são ainda centros importantes de educação, ciência, recursos e aprendizagem; lugares únicos: é desperdício deles não usufruir.

  8. Patrimónios Culturais Africanos: As Velhas colecções e a nova África

    Areia, Manuel Laranjeira Rodrigues de
    Os grandes movimentos de autonomia política que levaram à independência das colónias africanas a partir dos anos 60 não tiveram igual afirmação na sua componente cultural. Boa parte das elites africanas formadas nas metrópoles dos países colonizadores ignorava os valores e tradições dos povos a que pertenciam. Por outro lado os países colonizadores, uma vez alcançada a independência, desvalorizaram a componente dos estudos culturais desses povos (estudos de etnografia, trabalhos de campo, enriquecimento das colecções). As colecções etnográficas dos museus coloniais foram cada vez mais ignoradas pelos países que as detinham e não chegaram a ser conhecidas pelos novos líderes africanos; tornaram-se assim um património duplamente esquecido. E contudo a nova África...

  9. Paleodemografia e patologia oral na população exumada da Igreja de Santiago Maior de Monsaraz

    Peralta, Patrícia; Santos, Ana Luísa
    Estudo antropológico de oito ossários provenientes da Igreja de Santiago Maior de Monsaraz (Reguengos de Monsaraz, Évora) e integração dos resultados com estudos anteriores, que incidiram sobre a restante população exumada nos trabalhos arqueológicos realizados no local (271 indivíduos, 161 dos quais jovens). A continuação deste estudo e o seu complemento com a pesquisa de arquivo poderão completar o perfil biológico e social dos habitantes da vila.

  10. A obsessão do diagnóstico? Fronteiras da interpretação paleopatológica a propósito de um estudo de caso da Colecção de Esqueletos Identificados do Museu Bocage (Museu Nacional de História Natural, Lisboa)

    Matos, Vítor
    Um dos desafios inerentes à interpretação paleopatológica radica na distinção entre o carácter normal e o patológico de determinadas alterações ósseas. Esta dicotomia nem sempre é linear e, frequentemente, dificulta ou impossibilita um diagnóstico retrospectivo concreto. O presente trabalho tem por objectivo exemplificar a fluidez da fronteira da interpretação paleopatológica, através do estudo de um esqueleto pertencente à Colecção de Esqueletos Identificados do Museu Bocage (Lisboa, Portugal). Este terá pertencido a uma mulher, doméstica, que em 1916, aos 35 anos, faleceu de tuberculose pulmonar. Das alterações macroscópicas observadas, destaca-se a presença de um canal no terço distal da clavícula esquerda...

  11. Exercício anaeróbio, óxido nítrico e peroxidação lipídica

    Valado, Ana; Pereira, Leonel
    Introdução: O exercício físico regular é considerado, não só, um factor importante para o bem-estar físico e psíquico do indivíduo como, pode mesmo, interferir no processo de envelhecimento, retardando-o. Contudo, a prática do exercício físico desencadeia uma situação de stress fisiológico, à qual o organismo responde activando mecanismos de adaptação. A disponibilidade de oxigénio e a libertação de óxido nítrico propiciam a formação de espécies reactivas de oxigénio, conduzindo à formação de lesões celulares e tecidulares graves. Objectivo: Determinar o efeito do exercício anaeróbio intenso, em indivíduos treinados (atletas) e não treinados (controlo), na produção e libertação de óxido nítrico e na...

  12. A linguagem das fracturas : a perspectiva da Antropologia Forense

    Cunha, Eugénia; Pinheiro, João
    Os ossos, o material mais resistente do corpo humano, têm uma capacidade ímpar para registar muitos episódios ocorridos em vida, na altura da morte e até mesmo depois da morte. As lesões traumáticas estão entre as marcas deixadas nos ossos mais informativas, o que faz delas uma fonte única de registos sobre violência, cabendo ao antropólogo forense a tarefa de as decifrar. As lesões traumáticas relacionadas com a morte são as mais violentas, razão pela qual foram as seleccionadas para desenvolver no presente artigo, designadamente as provocadas por arma de fogo, os traumas de natureza contundente e as lesões incisas ou cortantes. Cada uma destas lesões perimortais é...

  13. Dois exemplos medievais de violência interpessoal na Itália setentrional

    Piombino‑Mascali, Dario; Bedini, Elena; Curate, Francisco; Lippi, Barbara; Mallegni, Francesco
    No presente artigo descrevem‑se dois casos de violência interpessoal, cronologicamente enquadráveis no período medievo e provenientes da Itália setentrional. Ambos os indivíduos continham um fragmento da arma agressora ainda in situ. O estudo antropológico destes remanescentes esqueléticos permitiu a reconstrução da dinâmica da agressão e o estabelecimento da sua provável causa de morte.

  14. Testemunhos de violência nos ossos humanos: um possível caso detectado num esqueleto romano exumado da Quinta da Torrinha/Quinta de Santo António – Monte da Caparica (séc. III‑V d.C.)

    Assis, Sandra
    O trauma é responsável por alguma incapacidade física entre os humanos actuais, tal como terá sido entre os nossos ancestrais. Apesar desta presença constante, a interpretação das lesões e a respectiva etiologia é bastante difícil em populações do passado, senão mesmo impossível, principalmente no que concerne ao estudo da violência interpessoal. Neste trabalho, as evidências de trauma foram investigadas num esqueleto bem preservado, exumado da necrópole romana da Quinta da Torrinha/Quinta de Santo António (Monte da Caparica) (séculos III‑V d.C.). O indivíduo idoso do sexo masculino, provavelmente um soldado romano, exibia múltiplas fracturas focalizadas na clavícula e no primeiro metacárpico direitos, nas costelas esquerdas, nas vértebras e no sacro. O...

  15. “Cinderela”: do conto de fadas à realidade. Perspectiva sobre os maus‑tratos infantis

    Simões, Dora; Mota, Paulo Gama; Loureiro, Eugénia
    A violência infantil é um fenómeno dramático que afecta, de formas diversas, todas as sociedades, tradicionais ou desenvolvidas. O fenómeno tem vertentes psicológicas, sociológicas e económicas conhecidas, embora permaneça difícil de caracterizar. Uma abordagem evolutiva oferece um novo quadro conceptual que permite explicar algumas características dos maus‑tratos infantis. Este estudo aplica a hipótese de que a presença de um pai adoptivo constitui um importante factor de risco de ocorrência de violência infantil intrafamiliar (Daly e Wilson, 1988a e b), porque o parentesco entre pai/mãe adoptivo e criança é nulo, não havendo, evolutivamente mecanismos inibitórios da agressividade entre indivíduos não aparentados, como os que existem entre parentes. A amostra incluiu...

  16. A morte do sentido: as experiências traumáticas de guerra e os limites do humano

    Quintais, Luís
    Com o presente ensaio o autor tenta ponderar a definição de uma condição humana universal à luz de experiências caracterizadas geralmente como experiências limite, como sejam aquelas que se encontram associadas a situações de guerra. Para tal, faz‑se uma investigação nos domínios da psiquiatria pós DSM‑III. Aí, um quadro nosológico específico, o distrúrbio de stresse pós‑traumático, dá forma classificatória às consequências traumáticas das experiências de guerra. Argumenta‑se que experiências limite não implicam uma humanidade essencial (com todas as inflexões morais que lhe poderíamos reconhecer) e uma suspensão do sentido (uma espécie de neutralidade interpretativa), mas trazem com elas novas e talvez insuspeitadas formas de atribuição de sentido.

  17. Pathological evidence in the Pre-Columbian human remains from the Lee Collection (Jamaica)

    Santos, Ana Luísa; Allsworth-Jones, Philip; Rodriques, Esther

  18. Deficiência Primária Da Secreção De Insulina De Ilhéus Isolados De Ratos Goto-Kakizaki, Um Modelo Animal De Diabetes Tipo 2 Não Obesa

    Seiça, Raquel M.; Suzuki, K. I.; Santos, Rosa M.; Rosário, Luís M. do
    A deficiente secreção de insulina é factor determinante da diabetes tipo 2. Para avaliar a evolução da resposta secretora, foi feito um estudo cronológico comparativo entre ratos Wistar normais (W) e ratos Goto-Kakizaki (GK), um modelo genético de diabetes tipo 2 não obesa, da dinâmica da secreção de insulina de ilhéus de Langerhans isolados em resposta à glicose e à arginina, por técnicas de isolamento e de perfusão de ilhéus e técnica de ELISA competitiva. Foi igualmente avaliada a glicémia e a insulinémia em jejum, e a tolerância à glicose. Observámos, nos ratos W, uma moderada intolerância à glicose nas duas primeiras semanas de vida. Os ratos GK...

  19. Prevalência de inadequação nutricional em crianças portuguesas

    Valente, Hugo; Padez, Cristina; Mourão, Isabel; Rosado, Vitor; Moreira, Pedro
    Para avaliar o grau de inadequação nutricional foram estudadas 2445 raparigas e 2400 rapazes, perfazendo um total de 4845 crianças com idades compreendidas entre os sete e os nove anos de idade. O peso e a altura foram determinados de acordo com os procedimentos internacionalmente recomendados, sendo posteriormente calculado o índice de massa corporal; definiu-se excesso de peso e obesidade segundo os critérios do International Obesity Task Force. A ingestão nutricional das crianças foi determinada através de um registo alimentar das últimas 24h realizado por investigadores treinados. Para a determinação da prevalência da inadequação de macro e micronutrimentos, foram usadas as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS)...

  20. Prevalência de inadequação nutricional em crianças portuguesas

    Valente, Hugo; Padez, Cristina; Mourão, Isabel; Rosado, Vitor; Moreira, Pedro
    Para avaliar o grau de inadequação nutricional foram estudadas 2445 raparigas e 2400 rapazes, perfazendo um total de 4845 crianças com idades compreendidas entre os sete e os nove anos de idade. O peso e a altura foram determinados de acordo com os procedimentos internacionalmente recomendados, sendo posteriormente calculado o índice de massa corporal; definiu-se excesso de peso e obesidade segundo os critérios do International Obesity Task Force. A ingestão nutricional das crianças foi determinada através de um registo alimentar das últimas 24h realizado por investigadores treinados. Para a determinação da prevalência da inadequação de macro e micronutrimentos, foram usadas as recomendações da Organização Mundial de Saúde (OMS)...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.