Recursos de colección

Repositório do Instituto Politénico de Castelo Branco (13.941 recursos)

O Repositório Científico do Instituto Politécnico de Castelo Branco tem como objectivos fundamentais a divulgação, a preservação em formato digital e a partilha do conhecimento científico gerado na instituição, constituindo-se numa ferramenta de valor acrescentado porque permite aumentar a visibilidade e o impacto da investigação desenvolvida.

ESECB - Artigos com arbitragem científica

Mostrando recursos 1 - 20 de 81

  1. Relação entre atividade física e parâmetros fisiológicos: associação com a variável composição corporal

    Paulo, Rui; Petrica, João; Martins, Júlio
    Objetivo: verificar os efeitos da atividade física (AF) nos parâmetros fisiológicos, em associação com a composição corporal, de sujeitos sedentários e com prática diferenciada de AF. Métodos: estudo transversal com 104 adultos, de ambos os sexos, divididos em 3 grupos: GESC+EXERC - 49 alunos com atividades curriculares e extracurriculares; GESCOLA - 34 alunos com atividades curriculares; GSEDENTÁRIOS - 21 alunos sedentários. Aplicação de questionário, avaliação de parâmetros fisiológicos e composição corporal. Utilizou-se o teste Mann-Whitney, a análise de variância e o teste de Spearman, com p ≥ .05 Resultados: GESC+EXERC obteve resultados estatisticamente diferentes na Pressão Arterial sistólica e diastólica,...

  2. Observar para intervir… as crianças com PHDA na aula regular do 1º ciclo do ensino básico português

    Martins, Ernesto; Carapeto, Olga
    O estudo aborda a Perturbação de Hiperatividade com Défice de Atenção (PHDA) em salas de aula do 1º Ciclo com intuito de compreender melhores estratégias e apoios para professores intervirem. A forma como a PHDA é encarada por professores e pais pode melhorar problemas de comportamento, aprendizagem e relações dessas crianças em sala de aula. É um estudo de caso de investigação qualitativa em educação especial. Aplicou-se em duas crianças de Agrupamentos de Escola diferentes programa de intervenção cognitivo-comportamental de Isabel Orjales Villar, cuja eficácia é medida na escala de Conners aos pais e professores e nos critérios do DSM...

  3. Inclusão duma jovem com síndrome do x frágil no 2º ciclo do ensino regular português

    Martins, Ernesto; Caetano, Carina
    Analisamos as dificuldades de inclusão duma aluna D, de 12 anos, portadora Síndrome X Frágil, que frequenta o 2º Ciclo do Ensino Básico do Agrupamento de Escola de Castelo Branco. Os objetivos orientaram-se à aplicação, na aula, de medidas educativas inclusivas, com estratégias e metodologias impostas no Currículo Educativo Individual. Utilizamos a metodologia qualitativa (estudo de caso), recorrendo à observação documental, naturalista e participante, questionário aos professores, entrevistas semiestruturadas (pré, pós) à professora de ensino especial e à encarregada de educação, triangulando os dados com as notas de campo. Os resultados confirmaram que a escola respeita a inclusão com recursos...

  4. Efeitos da atividade física não formal na capacidade funcional e no índice de massa corporal, da população idosa

    Paulo, Rui; Brito, João
    Esta investigação tem como objetivo determinar qual a capacidade funcional e a composição corporal (IMC) de idosos sedentários e com prática de atividade física formal e não formal. Amostra composta por 90 idosos voluntários de ambos sexos, aparentemente saudáveis, com idades compreendidas entre 65 e 93 anos, com uma idade média de 75 ± 8 anos. O estudo baseou-se na aplicação da bateria de Rikli & Jones (1999) para avaliar a capacidade funcional dos idosos e o IMC foi avaliado através das medidas antropométricas. Os dados obtidos foram tratados através da análise de variância (SCHEFFÉ). Nos indivíduos que praticam atividade...

  5. Atividade física e função respiratória : análise da composição corporal e dos valores espirométricos

    Paulo, Rui; Petrica, João; Martins, Júlio
    Objetivo: A presente investigação tem como principal objetivo verificar os efeitos da atividade física na composição corporal (índice de massa corporal e perímetro da cintura), nos valores espirométricos e relacionar esses indicadores com a função respiratória. Material e Métodos: A amostra, constituída por 86 indivíduos, alunos do ensino superior, com média de idade de 21,3 ± 2,4 anos, foi dividida em dois grupos: grupo de controlo constituído por 28 sujeitos sedentários (20,9 ± 1,3 anos), e grupo experimental constituído por 58 sujeitos (21,5 ± 2,8 anos) praticantes de exercício supervisionado. Para caraterizar a amostra quanto ao tipo de atividade física, aplicámos...

  6. A OCDE e a mudança de paradigma nas políticas públicas de educação em Portugal : o projecto regional do mediterrâneo e a reforma Veiga Simão

    Lemos, Valter
    O trabalho estuda a primeira fase da influência da OCDE nas políticas públicas de educação em Portugal, num período que vai desde o início dos anos 60 até 1974. Analisa-se o contexto da política educativa portuguesa e a dinâmica interna da própria OCDE, o Projeto Regional do Mediterrâneo como instrumento de intervenção da organização e os efeitos nas políticas em Portugal, designadamente através dos impactos no planeamento educativo e no alargamento da escolaridade obrigatória, num primeiro momento e da reforma Veiga Simão e do IV Plano de Fomento, num segundo momento. Conclui-se pela ocorrência de uma mudança de paradigma na...

  7. Implementação de novas práticas pedagógicas no ensino superior

    Ramos, A.; Delgado, F.M.G.; Afonso, Paulo; Cruchinho, A.; Pereira, Paula; Sapeta, Paula; Ramos, George
    A implementação de paradigmas no Ensino Superior resultantes da introdução do Processo de Bolonha abre portas para a renovação. A qualidade passa pela revisão dos curricula, pela reorganização dos processos de ensino-aprendizagem, pela estruturação das unidades curriculares e cursos, pela qualificação e formação de docentes, pelo sucesso e resultados escolares, pela avaliação das competências atingidas e pela confiança social no ensino superior. Em 2010 foi delineado o Projeto “Construção da Aprendizagem” /ConstAp) com o objetivo principal de motivar as mudanças, nomeadamente ao nível das metodologias adotadas e da implementação do trabalho autónomo, para garantir uma carga de trabalho do estudante...

  8. Pedagogical changes towards the implementation of the Bologna Process: indicators’ structure of measurement

    Ramos, A.; Afonso, Paulo; Cruchinho, A.; Delgado, F.M.G.; Ramos, George; Sapeta, Paula
    The transition into the twenty-first century brought about important changes in society, including the areas of education and teaching. The establishment of the European Higher Education Area represents an effort to face these changes together in Europe. The changes in the teaching and learning models in higher education led to the institutional promotion of extensive interventions in order to alter the status quo that has prevailed for decades. The need for a cultural renewal of the teaching staff involved in higher education, attending to the centrality of student’s learning rather than knowledge per se, is also a challenge to be...

  9. Políticas públicas de educação : equidade e sucesso escolar

    Lemos, Valter
    O artigo analisa a evolução do conceito de equidade e as suas implicações na agenda e definição das políticas públicas de educação. Analisa-se também a relação da equidade em educação com os resultados escolares, salientando designadamente dois indicadores de acesso e de sucesso. Neste quadro, estuda-se a respetiva evolu- ção no sistema escolar português, nos últimos 50 anos, concluindo pela progressão das condições de equidade, expressa na melhoria continuada dos dois indicadores,ainda que de forma mais constante na dimensão do acesso do que na do sucesso escolar.

  10. e-Saúde : o conceito de um paciente “mais” informado?!

    Gil, Henrique
    A saúde constitui uma área onde a informação disponível na internet tem incrementado e tem despertado muita procura junto dos cidadãos, tendo vindo a ser instalados comportamentos mais saudáveis. Neste particular, pretende-se abordar a importância da e-saúde no sentido de tornar os pacientes ‘mais’ informados. Os cidadãos mais idosos apresentam-se como um caso particular que necessita de uma maior atenção pelo facto da sua grande maioria se encontrar no grupo dos info-excluídos. Este artigo pretende destacar esta realidade para que se possam começar a tomar medidas para que a e-saúde possa constituir uma mais valia para ‘todos’ os cidadãos.

  11. As perceções das famílias de crianças com NEE com a escola do 1º ciclo do ensino básico (estudo de caso)

    Martins, Ernesto; Alves, Marta Susana Fernandes
    A relação entre a escola e a família é extremamente importante para o desenvolvimento harmonioso de todas as crianças, nomeadamente das crianças com NEE, pois o seu desenvolvimento é fortemente condicionado por estes dois contextos de socialização. A importância da parceria escola-família é fundamental para o desenvolvimento das crianças, bem como a importância da formação de pais e professores para melhorar a comunicação, a participação e envolvimento dos pais na escola. Utilizando a metodologia qualitativa pretendeu-se compreender como se tem processado a relação entre a Escola e as Famílias de crianças com NEE. Recorremos à entrevista semiestruturada como instrumento de...

  12. LMS: Estratégia complementar de aprendizagem de línguas no âmbito dos EILCs

    Gonçalves, Teresa
    O presente artigo assenta no pressuposto de que a utilização de uma Plataforma de Gestão da Aprendizagem (LMSs – Learning Management Systems) num dos módulos de um curso intensivo de Português Língua Estrangeira (PLE), de nível intermédio, para alunos em mobilidade pela Europa, ao abrigo do Programa ERASMUS, pode ser uma estratégia adequada para responder às necessidades diversificadas e às motivações díspares dos alunos que frequentam EILCs (ERASMUS Intensive Language Course), quer os promovidos e financiados pelas Agências Nacionais do Programa Aprendizagem ao Longo da Vida quer os não financiados, oferecidos por instituições de ensino superior e por centros de...

  13. Linhas orientadoras da política linguística educativa da UE

    Gonçalves, Teresa
    Em vários documentos-chave (recomendações, planos de acção, quadros, pesquisas/ estudos, relatórios, directivas e comunicações), sobre política educativa (PE), política linguística (PL) e política linguística educativa (PLE) (tomadas de decisão em relação ao ensino das línguas num Estado, nos contextos formais de educação e nos contextos informais), principalmente os publicados a partir das Cimeiras de Lisboa (ou Estratégia de Lisboa, lançada em 2000) e Barcelona (2002), emanados da Comissão das Comunidades Europeias (CCE), do Comité Director da Educação do Conselho da Europa (CDECE), da Divisão das Políticas Linguísticas (DPL) e do Centro Europeu para as Línguas Vivas (CELV), a União Europeia...

  14. Indigentes (incapacitados) sem voz e sem vez… (histórias de vida de deficientes mentais)

    Martins, Ernesto; Jorge, Horácio
    Educació i Cultura, editada pel Departament de Ciències de l'Educació de la Universitat de les Illes Balears

  15. A interface entre o papel da escola e a (in) disciplina escolar

    Martins, Ernesto
    Revista online do departamento de letras da universidade da beira interior

  16. Cores e corantes dos bordados de Castelo Branco : interação de contextos formais e não formais na educação em química

    Paixão, Fátima; Pereira, Mariette; Cachapuz, António
    Os coloridos bordados de Castelo Branco (Portugal) constituíram o mote para o desenvolvimento de um projeto que valoriza a relação entre os contextos formais e não formais na educação em química e na formação de professores e animadores culturais. A questão central prende-se com a possibilidade de identificar e obter os corantes antigos e atuais usados para tingir a seda. Apresentam-se duas atividades experimentais: extração de corante natural e utilização de mordentes com um corante sintético.

  17. Educação e formação na sociedade do conhecimento

    Ruivo, João; Mesquita, Helena
    A evolução das tecnologias da informação e da comunicação (TIC) imprimiu uma dinâmica de transformação na educação e na escola pública. A utilização indiscriminada do computador pessoal inundou as nossas escolas de trabalhos do tipo “selecionar tudo, copiar e colar”. A escola pública contribui para atenuar a exclusão digital, porém a formação dos professores nestas matérias deve ser considerada prioritária, já que as TIC na educação, bem como a informação por elas disponibilizada, correspondem à descoberta de uma dimensão pedagógica. Uma dimensão pedagógica activa, que incorpora as exigências da sociedade do século XXI, que confere às novas tecnologias um papel...

  18. Necessidades das famílias de crianças com deficit cognitivo e motor

    Simões, Maria Isabel; Mesquita, Helena
    A temática do envolvimento das famílias de crianças e jovens com défice cognitivo-motor, no processo de desenvolvimento dos filhos, tem nos últimos anos sofrido uma evolução que começou por os pais serem a causa dos problemas dos seus filhos, até aos dias de hoje de assumirem papéis interventivos e activos. Neste contexto, há a necessidade de conhecermos as famílias dos alunos, nas diversas dimensões e como refere Mcwilliam (2003) a não satisfação das necessidades familiares em áreas como a alimentação assumem vantagem sobre as necessidades educativas da criança. O presente estudo tem como finalidade analisar as necessidades dos pais de...

  19. O uso das TIC por jovens portadores de T21 : um estudo de caso

    Quelhas, Rosário; Mesquita, Helena
    Neste artigo apresentam-se os resultados de uma investigação em torno da importância da utilização das Tecnologias de Informação e Comunicação (TIC) nas atividades de ensino e aprendizagem de alunos portadores de Trissomia 21 (T21), que frequentam o Ensino Básico. Orientada pelos princípios da Educação Inclusiva e pelo pressuposto de que as Tecnologias de Informação e Comunicação têm impacto nos processos de Ensino e de Aprendizagem, particularmente naqueles destinados a alunos portadores de Necessidades Educativas Especiais (NEE) e especificamente de T21, a investigação desenvolveu-se em torno das duas únicas alunas portadoras de T21 de um agrupamento de escolas do centro do...

  20. Estrutura e conteúdos da formação de professores em necessidades educativas especiais

    Mesquita, Helena; Rodrigues, David
    O presente estudo analisa comparativamente as opiniões sobre a formação inicial de professores em Necessidades Educativas Especiais (NEE), de docentes que são responsáveis por essa formação e de professores que estão no campo de intervenção com crianças integradas. Os resultados obtidos mostram que os dois grupos estão em total acordo com a necessidade de todos os cursos de formação inicial de professores conterem nos seus currículos disciplinas ligadas à educação especial. Os resultados sugerem ainda que existe algum consenso sobre a importância relativa dos conteúdos a ministrar, ainda que sejam detectadas diferenças de pormenor quanto a ordenação valorativa desses mesmos...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.