Recursos de colección

Estudo Geral - Universidade de Coimbra (19.630 recursos)

ESTUDO GERAL é a designação do repositório digital da produção científica da Universidade de Coimbra, com o objectivo de divulgar conteúdos digitais de natureza científica de autores ligados à Universidade de Coimbra. A sua criação insere-se no movimento de Acesso Livre à Literatura científica (Open Access), ao qual o Conselho de Reitores das Universidades Portuguesas aderiu em 2006 e que a Universidade de Coimbra subscreveu. À semelhança de outras grandes universidades nacionais e internacionais, a UC tem o maior interesse em aumentar a sua presença na rede informática mundial, sendo cada vez mais - e também por essa via - um emissor de conhecimento e cultura.

FLUC Secção de História - Livros e Capítulos de LIvros

Mostrando recursos 1 - 6 de 6

  1. Religiões em diálogo : antecedentes e evolução histórica e sócio-cultural

    Rodrigues, Manuel Augusto

  2. Ecos da exegese judaica medieval nas obras bíblicas de Fr. Luis de León, Fr. Luís de Sotomaior e Fr. Heitor Pinto

    Rodrigues, Manuel Augusto

  3. O Priorado Crúzio de Santa Maria de Leiria do Século XII à criação da Diocese

    Gomes, Saul António

  4. Escolares e Universidade na Coimbra Medieval. Breves Notas Documentais

    Gomes, Saul António

  5. “Trado me ipsum...” — Registos medievais de traditio monástica entre os Cónegos Regrantes de Santo Agostinho em Portugal

    Gomes, Saul António
    Neste estudo, o Autor analisa o problema da traditio monástica entre os Cónegos Regrantes de Santo Agostinho, em Portugal, nos tempos medievais, bem como das fórmulas diplomáticas que as enunciam na documentação produzida pelas respectivas chancelarias. Observa-se, em particular, o registo de cartas de traditio no Mosteiro de Santo André de Ansede (concelho de Baião).

  6. Coimbra: a montagem do cenário urbano

    Alarcão, Jorge de
    Trata-se de uma obra que descreve e reconstitui o lugar ou o espaço da cidade de Coimbra desde o tempo dos Romanos até ao de D. Afonso III. A cidade compreendia a Almedina que integrava o espaço intramuros, em época romana presidido pelo fórum e, na medieval, pela alcáçova e pela Sé, e o arrabalde que surgiu de manchas de povoamento em torno das igrejas de S. Bartolomeu, S. Tiago e Santa Justa – manchas que de diversa maneira foram alastrando, numa urbanização mais planeada entre o Arnado e Santa Cruz.Apesar da descrição de uma cidade, tal como foi no...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.