Recursos de colección

Infoteca. Informação Tecnológica em Agricultura (56.683 recursos)

O serviço Informação Tecnológica em Agricultura (Infoteca) reúne e permite acesso a informações sobre tecnologias produzidas pela Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária (Embrapa), as quais se relacionam às áreas de atuação de seus demais centros de pesquisa. Suas coleções são formadas por conteúdos editados na própria instituição (em forma de cartilhas, livros para transferência de tecnologia, programas de rádio e de televisão), com linguagem adaptada de modo que produtores rurais, extensionistas, técnicos agrícolas, estudantes e professores de escolas rurais, cooperativas e outros segmentos da produção agrícola possam assimilá-los com maior facilidade, e, assim, apropriarem-se de tecnologias geradas pela Embrapa.

Folderes / Folhetos / Cartilhas (CPATSA)

Mostrando recursos 1 - 20 de 366

  1. Palma forrageira na alimentação de bovinos leiteiros: cartilhas elaboradas conforme a metodologia e-Rural.

    VOLTOLINI, T. V.; MIRANDA, J. E. C. de; SANTOS, R. D. dos; MUNIZ, E. N.; FERNANDES, E. N.; MAGALHAES, V. M. A. de
    Esta cartilha tem o objetivo de ensinar como usar a palma forrageira na ração de bovinos leiteiros.

  2. Plantio e manejo da palma forrageira no Semiárido: cartilhas elaboradas conforme a metodologia e-Rural.

    VOLTOLINI, T. V.; MIRANDA, J. E. C. de; SANTOS, R. D. dos; MUNIZ, E. N.; FERNANDES, E. N.; MAGALHAES, V. M. A. de
    O objetivo desta cartilha é apresentar informações técnicas sobre as espécies e cultivares, os métodos de plantio e os principais aspectos do manejo da palma forrageira.

  3. Confecção e testes de cápsulas porosas para o método de irrigação por sucção.

    SILVA, A. de S.; SANTOS, E. D.; MAGALHÃES, A. A. de.
    1978

  4. Processamento do maracujá-da-caatinga BRS Sertão Forte: elaboração de geleia

    CASTRO, C. D. P. da C.; RYBKA, A. C. P.
    A polpa da BRS Sertão Forte apresenta características que favorecem a obtenção do gel e com maior controle de qualidade no processamento. Conjuntamente, o uso de pectina comercial contribui para o ponto final da geleia, evitando longos períodos de cocção e o escurecimento do produto.

  5. Recomendação de espaçamento no plantio de cenoura no Submédio do Vale do São Francisco

    RESENDE, G. M. de; YURI, J. E.; COSTA, N. D.
    A cenoura (Daucus carota L.) está entre as hortaliças de raízes de maior valor econômico, sendo considerada a quarta mais consumida no Brasil e a quinta mais cultivada. Rica em vitamina A, cujo consumo, em todo o mundo, é deficitário, a cenoura apresenta papel relevante na prevenção de cegueira e no crescimento saudável do ser humano. No Submédio do Vale do São Francisco, o cultivo pode ser realizado durante todo o ano. No entanto, as melhores produtividades são alcançadas nos períodos de temperaturas mais amenas, que ocorrem entre os meses de abril a setembro.

  6. Sorgo forrageiro: alternativa para a alimentação de rebanhos no Semiárido

    REGITANO NETO, A.; TABOSA, J. N.; MIGUEL, A. A.
    O sorgo representa excelente opção na produção de forragem no Semiárido, reúne inúmeras características de adaptação a ambientes com chuvas irregulares e alta temperatura, além de ter capacidade de produção de grãos e volumoso de alta qualidade. O pecuarista pode utilizá-lo picado no cocho, como pastagem ou conservado na forma de silagem para ser usado quando faltar pasto. Apresenta um enorme potencial para utilização nas condições do Semiárido e um amplo mercado para ser explorado, principalmente quando se considera áreas aptas para o plantio do sorgo que não podem ser ocupadas com outras culturas.

  7. Caracterização e usos das espécies da caatinga: subsídio para programas de restauração florestal na Unidades de Conservação da Caatinga (UCCAs).

    DRUMOND, M. A.; KIILL, L. H. P.; RIBASKI, J.; AIDAR, S. de T.
    Restauração florestal da Caatinga: Porque restaurar?; Preparando o plantio; Que espécie plantar; Como plantar; Cuidado após o plantio; Caracterização de alguma espécies nativas: Angico; Angico de bezerro; Aroeira; Baraúna; Carqueja; Catingueira verdadeira; Facheiro; Faveleira; Feijão bravo; Juazeiro; Jurema preta; Mandacaru; Maniçoba; Marmeleiro; Mororó; Pau d'arco; Pau ferro; Quebra-faca; Sete-cascas; Umburana de cambão; Umburana de cheiro; Umbuzeiro.

  8. Avaliação socio-econômica do município de Petrolina.

    VIVALLO PINARE, A. G.; MOREIRA, J. N.; SANTANA, R. A. de; CORREIA, R. C.; CERQUEIRA, P. R. S.
    1982

  9. Níveis de fósforo e potássio para a cultura da cebola em solo aluvial e oxisol do sub-médio São Francisco.

    FARIA, C. M. B. de; ARAUJO, J. P. de; MENEZES, D.
    o presente trabalho foi desenvolvido com o objetivo de obter informações para recomendação das adubações fosfatadas e potássicas para a cultura da cebola no Sub-Médio São Francisco.

  10. Produção de sementes de melancia sob condições irrigadas no Sub-médio São Francisco.

    LOPES FILHO, F.; POSSÍDIO, P. L.; WANDERLEY, L. J. G.
    o objetivo deste trabalho foi estudar o comportamento de três cultivares de melancia (Citrulus vulgaris L.) visando a produção de sementes, sob condições irrigadas no Sub-Médio São Francisco.

  11. Colheita e armazenamento de acerola destinada o consumo in natura.

    FREITAS, S. T. de; BARBOSA, M. A. G.; SOUZA, F. de F.; NASSUR, R. de C. M. R.
    Neste trabalho, são apresentadas informações sobre a colheita, acondicionamento, transporte, controle de podridão, embalagem e armazenamento de acerolas destinadas ao consumo in natura produzidas no Submédio do Vale do São Francisco, tendo em vista as boas práticas de manejo durante esses processos. As recomendações apresentadas estão embasadas em resultados de trabalhos realizados na Embrapa Semiárido.

  12. Teste do bulbo molhado para o plantio de cana-de-açúcar com irrigação localizada

    SIMOES, W. L.; OLIVEIRA, A. R. de; CALGARO, M.
    No Submédio do Vale do São Francisco, o sistema de cultivo da cana-de-açúcar (Saccharum spp.) é baseado no fornecimento da água durante todo o seu ciclo. Nesta região, a irrigação na cana-de-açúcar tem sido feita por sulcos, aspersão (pivô central e linear) e por gotejamento subsuperficial, os quais proporcionam índices variáveis de eficiência no uso de água pela cultura. Dentre eles, o gotejamento subsuperficial é o mais eficiente, uma vez que disponibiliza água próximo ao sistema radicular e facilita a automação do sistema para irrigação e fertirrigação durante o ciclo da cultura.

  13. Plantas forrageiras das caatingas: usos e potencialidades.

    LIMA, J. L. S. de.
    Coleta de analises; descricao e usos das especies: camaratuba, carqueija, catingueira-verdadeira, espinheiro/jacurutu/jiquiri, facheiro, favela/faveleira, feijao-brabo, imbuzeiro/umbuzeiro, juazeiro, jurema-preta, jurema-vermelha, macambira, mandacaru/mandacaru-de-boi, manicoba, marmeleiro/marmeleiro-preto, moleque-duro, mororo/unha-de-vaca, quebra-faca, sabia, sete-cascas/cascudo/pau-de-casca. Comentarios gerais e recomendacoes.

  14. Cultivo da palma no Semiárido

    MOREIRA, J. N.; CORREIA, R. C.; BRANDAO, W. N.
    No Sertão, a produção de alimentos na propriedade não é uma prática corriqueira para um grande número de criadores de caprinos e ovinos, principalmente os pequenos produtores. O mais comum é a criação de animais soltos na Caatinga, alimentando-se da vegetação natural e, no período mais crítico do ano, trazê-los para um cercado para fornecer algum resto de cultura ou resíduos adquiridos na cidade, caros, muitas vezes, para suplementar aqueles animais mais necessitados. Uma das poucas práticas que se observa como forma de minimizar esse problema é o cultivo da palma-forrageira (Opuntia ficus-indica Mill) em pequenos quintais próximos à casa...

  15. Cultivar de maracujazeiro silvestre (Passiflora cincinnata Mast.) para a Caatinga e para o Cerrado BRS SF.

    ARAUJO, F. P. de; MELO, N. F. de; FALEIRO, F. G.
    A cultivar de maracujazeiro silvestre BRS Sertão Forte (BRS SF) foi obtida por pesquisas desenvolvidas na Embrapa Semiárido (Petrolina, PE) em parceria com a Embrapa Cerrados (Planaltina, DF), resultante de um processo de seleção massal de uma população de acessos silvestres da espécie Passiflora cincinnata Mast. provenientes de diferentes origens, visando, principalmente, ao aumento da produtividade e do tamanho do fruto.

  16. Produção de mudas do maracujazeiro silvestre: Passiflora cincinnata Mast. BRS Sertão Forte (BRS SF).

    ARAUJO, F. P. de; MELO, N. F. de; FALEIRO, F. G.
    Cultivar de maracujazeiro silvestre BRS Sertão Forte foi obtida por pesquisas desenvolvidas na Embrapa Semiárido (Petrolina, PE) em parceria com a Embrapa Cerrados (Planaltina, DF), resultante de um processo de seleção massal de uma população de acessos silvestres da espécie Passiflora cincinnata Mast. de diferentes origens, visando, principalmente, ao aumento da produtividade e do tamanho do fruto.

  17. A missão MOMS da nave Colúmbia.

    MANTOVANI, L. E.
    Este teste espacial e o primeiro de uma serie de uso civil que utiliza uma concepção de imageamento optoeletrônica onde as imagens são obtidas através da separação óptica de diferentes bandas do espectro eletromagnético visível.

  18. Tratamento de imagens MSS - LANDSAT nos laboratórios do ORSTOM - França - Atlelier ATOB.

    MANTOVANI, L. E.; FOTIUS, G.
    1985

  19. Avaliação e caracterização de agro-ecossistemas unidade I: curso sobre métodos de pesquisa ao nível de produtor.

    MANTOVANI, L. E.
    Caracterização do quadro natural; Exemplo da Região Nordeste da Bahia; Variações climáticas; Solos e clima; Movimentos de água no solo; Paisagem regionais; Tipos de solo; Topossequências; Unidades de solo; Mapas pedológicas; Imagens de satélite; Exemplo de estudo integrado.

  20. Relatório de viagem: período 1986-1987 - POA 1978/88 do PAPP.

    MANTOVANI, L. E.
    1987

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.