Recursos de colección

Repositório do ISPA Instituto Superior de Psicologia Aplicada (10.261 recursos)

No Repositório do ISPA pode encontrar diversos tipos de documentos, em formato digital, resultantes da produção científica do ISPA designadamente: teses de doutoramento, teses de mestrado, artigos em publicações periódicas nacionais e internacionais, relatórios técnicos, artigos em actas de conferências nacionais e internacionais e capítulos de livros.

UIPS - Actas de reuniões cientificas

Mostrando recursos 1 - 19 de 19

  1. Práticas educativas em professores portugueses: A influência das preocupações profissionais, condições organizacionais e reconhecimento profissional

    Patrão, Ivone Alexandra Martins; Rita, Joana Santos
    A pesquisa com base na evidência alerta para a importância de práticas educativas efectivas na gestão da relação com os alunos e os pais. A gestão do comportamento do aluno não começa na sala de aula, implicando um conjunto de práticas que se relacionam com o empowerment do aluno no seu percurso académico e com o aumento do bem-estar e do sucesso profissional nos professores (Hart, 2010; Simonsen, Fairbanks, Briesch, Myers & Sugai, 2008). Actualmente, num contexto de mudança no sistema educativo, discute-se um modelo de prática educativa emergente. Não obstante, nem sempre a formação dos professores acompanha todas estas mudanças e exigências (Del Carlo, Hinkhouse &...

  2. Hábitos de sono e ansiedade, depressão e stresse: Que relação?

    Pinto, Teresa Rebelo; Amaral, Cátia; Silva, Vera Neves da; Silva, Joana; Leal, Isabel Pereira; Paiva, Teresa
    Este trabalho procura explorar as relações entre os hábitos de sono, os níveis de sonolência diurna e as queixas de ansiedade, depressão e stresse em adolescentes portugueses. 1613 jovens entre os 12 e os 18 anos (média=14,23, DP=1,752) responderam ao Questionário para Adolescentes AS, que incluía variáveis demográficas e sobre hábitos de sono, queixas de saúde, uma escala de ansiedade, depressão e stresse (EADS 21) e uma escala de sonolência (CASQ). 53,3% dos participantes eram do sexo feminino. Os resultados indicam que os níveis de sonolência diurna e os sintomas de depressão (Rs=0,371), ansiedade (Rs=0,327) e sobretudo stresse (Rs=0,405) estão significativamente correlacionados. Os jovens que apresentam maior...

  3. Bem-estar e estratégias de gestão das exigências em professores portugueses dos diferentes níveis de ensino

    Patrão, Ivone Alexandra Martins; Pinto, Carina; Rita, Joana Santos
    O bem-estar dos professores é considerado essencial para o sucesso de todo o projecto educativo. Tendo em conta todas as mudanças sociais e políticas o burnout começa a ser um problema social de extrema relevância (Capelo & Pocinho, 2009; Benevides-Pereira & Yaegashi, 2009; Carlotto, 2002; Carlotto & Câmara, 2008; Pinto, Lima & Silva, 2003; Picado, 2010; Rita, Patrão & Sampaio, 2010, Correia, Gomes & Moreira, 2010). A exaustão emocional e a falta de realização profissional são os aspectos mais desmarcados, que implicam o recurso a estratégias inadequadas por parte dos professores na gestão das situações de conflito em todo o contexto escolar. Este estudo teve como objectivo a...

  4. Crenças e atitudes sobre a violência doméstica e satisfação com o suporte social em sujeitos adictos e não-adictos

    Soares, Marta Filipa Gonçalves; Cláudio, Victor
    Este estudo teve como objectivo a investigação das crenças sobre a violência doméstica e satisfação com o suporte social em sujeitos adictos e não-adictos. A amostra foi constituída por 120 sujeitos, sendo 60 adictos e 60 não-adictos, com idades entre os 18 e os 66 anos, residentes na região de Lisboa e Vale do Tejo. Foram aplicados dois questionários: 1) Escala de Crenças sobre a Violência Conjugal; 2) Escala de Satisfação com o Suporte Social. Os resultados foram obtidos através de análise estatística. Os principais resultados revelam que os sujeitos adictos têm uma menor satisfação com o suporte social. Relativamente...

  5. Crenças e atitudes dos estudantes de enfermagem, engenharia e psicologia acerca da violência doméstica

    Mendes, Ema; Cláudio, Victor
    Este estudo teve por objectivo investigar as crenças dos estudantes de enfermagem, engenharia e psicologia acerca da violência doméstica. As crenças foram avaliadas através da Escala de Crenças em relação à Violência Conjugal (ECVC) construída por Machado, Matos & Gonçalves (2006). No geral os estudantes manifestaram uma baixa legitimação da violência doméstica, contudo foram encontrados valores superiores de legitimação, no género masculino, na faixa etária mais jovem (18 aos 20 anos) e nos estudantes de engenharia. Os resultados obtidos remetem para a necessidade de desenvolver acções de formação nesta área, uma vez que a informação acerca desta tem influência nas...

  6. Crenças acerca da violência doméstica em diferentes classes profissionais ligadas à elaboração e execução da legislação em vigor

    Matos, Teresa; Cláudio, Victor
    O objectivo deste estudo passou por avaliar as crenças acerca da violência doméstica presentes em profissionais que lidam com esse tipo de situações diariamente. Analisámos as crenças acerca da violência doméstica em agentes da Polícia de Segurança Pública, militares da Guarda Nacional Republicana, magistrados do Ministério Público, juízes do Tribunal Penal e deputados da Assembleia da República em Portugal, utilizando para isso a Escala de Crenças acerca da Violência Doméstica desenvolvida por Machado, Matos e Gonçalves (2006). Os resultados indicam que os profissionais inquiridos tendem a não verbalizar crenças de legitimação da violência conjugal, expressando discórdia perante atitudes de passividade e desculpabilização...

  7. Metacognição: Qual o valor incremental no rendimento da formação profissional

    Ribeiro, Rui Bártolo; Almeida, Leandro da Silva; Simões, Mário R.; Maroco, João
    A aptidão mental geral é apontada como um preditor estável da aprendizagem (Ree & Earles, 1991). Estudos mais recentes (e.g., Bell & Kozlowski, 2008) atribuem à metacognição capacidade para incrementar a capacidade de previsão do rendimento na formação. Este estudo de validade relativa ao critério foi desenvolvido em contexto real e longitudinalmente, tendo participado 37 militares recém-admitidos à Força Aérea Portuguesa. Foram aplicadas duas provas de aptidão cognitiva, a escala Metacognitive Awareness Inventory e recolhidos os resultados de duas situações de aprendizagem com diferentes durações e programas formativos. Os resultados evidenciam uma maior capacidade preditiva das aptidões cognitivas de g-cristalizado comparativamente com...

  8. Percepção de saúde e percepção de competência: A psicologia positiva no tratamento da obesidade

    Mestre, Sónia; Ribeiro, José Luís Pais
    Nos últimos anos, inúmeros foram os estudos acerca das implicações de variáveis psicológicas no tratamento da obesidade. No entanto, o desafio continua a ser o de perceber o que leva o indivíduo obeso a continuar num tratamento médico. O objectivo deste estudo foi o de examinar, num período de 6 meses, a relação entre a percepção de saúde e de competência, no tratamento do sujeito com diagnóstico de obesidade (N=90). Os resultados demonstram elevadas correlações entre a saúde física e saúde mental ao longo de todo o tratamento. Os indivíduos percepcionam-se como mais competentes no final do tratamento, sendo nesta fase que todas as variáveis em estudo se...

  9. Importância e satisfação com competências de comunicação: A percepção de universitários portugueses

    Meneses, Rute F.; Miyazaki, Cristina; Ribeiro, José Luís Pais
    A comunicação eficaz é uma das “habilidades de vida” preconizadas pela OMS, tornando-se pertinente avaliá-la. O Questionário de Competências de Comunicação (QCC), de 26 itens, foi administrado a 177 universitários Portugueses (n=128 mulheres; idade: M=22,18, DP=3,70; 18-47). A Escala de Importância (EI) apresentou um Alfa de Cronbach de α=0,897; a de Satisfação (ES) de α=0,929. Na EI, os mínimos oscilaram entre 0 e 4, na ES, entre 0 e 2, sendo o 10 (máximo) atingido em todos os itens de ambas. Em ambas, o item 19 apresentou a média mais baixa (EI: M=6,24; ES: M=6,03). Verificaram-se correlações estatisticamente significativas entre todos os itens da EI e os equivalentes da ES...

  10. Implicações da situação profissional na qualidade de vida em indivíduos com esclerose múltipla

    Pedro, Luísa Maria Reis; Ribeiro, José Luís Pais
    A Esclerose Múltipla (EM) é uma doença do foro neurológico que afecta, especialmente jovens em idade activa. O objectivo deste estudo é verificar em que medida a situação profissional destes indivíduos explica a sua qualidade de vida. O estudo é exploratório e descritivo, utilizando a escala MSQOL-54, e a situação profissional (trabalha a full-time; part- time ou reformado/ não trabalha). Participaram 280 indivíduos com EM, maioritariamente mulheres, com cerca de 40 anos, com escolaridade elevada e casadas. Os resultados mostram que existem diferenças estatisticamente significativas, para a variável “situação profissional” na maioria das dimensões do MSQoL-54,. (“função física”, “desempenho físico”, “desempenho emocional”, “dor”, “bem-estar emocional”, “vitalidade”, “função social”, “função cognitiva”, “distress...

  11. Estudo do indivíduo obeso: Relação entre adesão e satisfação com os cuidados médicos

    Mestre, Sónia; Ribeiro, José Luís Pais
    A adesão ao tratamento médico consiste na consonância entre o comportamento do sujeito doente e os conselhos médicos ou de saúde. À luz da Teoria de Auto-determinação, uma melhor satisfação com os cuidados prestados, faz com que o doente permaneça e alcance os objectivos do tratamento. Este estudo procura perceber se existe relação entre a perda de peso, adesão ao tratamento e satisfação com os cuidados médicos prestados. Numa população de 95 indivíduos obesos o Índice de Massa Corporal (IMC) foi medido aos 3 e 6 meses de tratamento, e durante esse período todos os sujeitos tiveram tratamento médico, nutricional e psicológico. Os resultados confirmaram os pressupostos da teoria de...

  12. Coping na doença neurológica: Epilepsia vs. esclerose múltipla

    Meneses, Rute F.; Ribeiro, José Luís Pais; Silva, Isabel; Pedro, Luísa Maria Reis; Vilhena, Estela; Mendonça, Denisa; Silva, António Martins da
    As doenças neurológicas têm consequências biopsicossociais marcadas e exigem um conjunto de cuidados que podem interferir consideravelmente com o estilo de vida pré-diagnóstico. Não sendo homogéneas, questiona-se até que ponto os indivíduos com diferentes doenças neurológicas tendem a usar o mesmo tipo de estratégias para lidar com o stress pós-diagnóstico. Foram avaliados 134 doentes: 101 com esclerose múltipla e 33 com epilepsia, entre os 18 e os 65 anos (M=35,9, DP=8,29), 82 dos quais do sexo feminino, através do COPE-R. Verificou-se que os dois grupos clínicos diferiam apenas na frequência de utilização de quatro das 14 estratégias avaliadas. A escolaridade estava relacionada com apenas duas estratégias, a idade com...

  13. Burnout, stress profissional e ajustamento emocional em professores portugueses do ensino básico e secundário

    Rita, Joana Santos; Patrão, Ivone Alexandra Martins; Sampaio, Daniel
    Na actualidade, as questões ligadas ao papel do professor, desde a avaliação do desempenho profissional até à utilização de estratégias eficazes face às mudanças no contexto educativo, são consideradas de extrema importância para o seu bem-estar. Várias investigações nacionais (Capelo, Pocinho, Jesus, 2009; Gomes, Silva, Mourisco, Silva, Mota & Montenegro, 2006; Pinto, Lima & Silva, 2003; Quirino, 2007) e internacionais (Friedman, 2000; Kokkinos, 2007; Moreno- Jiménez, Garrosa-Hernández, Gálvez, González & Benevides-Pereira, 2002; Moreno-Jiménez, Fernández, Benadero & Garrosa-Hernández, 2005; Pozo- Munoz, Salvador-Ferrer, Alonso-Morillejo & Martos-Mendes, 2008; Sabanci, 2009) reportam a presença de níveis de burnout, stress, depressão e ansiedade nos professores dos diferentes graus de ensino. Para avaliar estes constructos utilizou-se o CBP-R...

  14. Avaliação da qualidade de vida em doentes com insuficiência cardíaca submetidos a terapêutica com cardioversor desfibrilhador implantável

    Leal, Elisabete Nave; Ribeiro, José Luís Pais; Oliveira, Mário Martins; Silva, Manuel Nogueira da; Feliciano, Joana; Cunha, Pedro; Soares, Rui; Santos, Sofia; Alves, Sandra; Silva, Nélia Rebelo da; Ferreira, Rui
    O cardioversor desfibrilhador implantável (CDI) tem sido associado à redução da morte súbita. O impacto nas dimensões da qualidade de vida (QV) permanece controverso. Método: 36 doentes foram submetidos a implantação de CDI. Foram avaliados antes da intervenção e após ao 3º e 6º mês pelo Kansas City Cardiomiophathy Questionnaire. Resultados: Os sintomas e conhecimento da situação clínica não se modificaram. Ao 3º mês, houve melhoria das actividades de vida diária, funcionalidade e QV, não mantida aos 6 meses. Aos 3º e 6º meses houve melhoria da percepção da satisfação com a vida e estilo de vida. A esperança associou-se à melhoria da percepção da satisfação com a...

  15. Preocupações parentais em pais de crianças do sexo masculino e pais de crianças do sexo feminino: Estudo comparativo

    Algarvio, Susana; Leal, Isabel Pereira; Maroco, João
    Neste estudo tivemos como objectivo avaliar e comparar as preocupações parentais em pais de crianças do sexo masculino e pais de crianças do sexo feminino. Os participantes são 2972 pais, 1416 pais de crianças do sexo masculino e 1555 pais de crianças do sexo feminino, com idades compreendidas entre os 3 e os 10 anos. Foi utilizada uma escala de preocupações parentais, construída por nós em estudos anteriores, constituída por 24 itens, divididos por 5 sub-escalas, problemas familiares e preocupações escolares, desenvolvimento infantil, preparação, medos e comportamentos negativos. A média de preocupação é maior nos pais de crianças de sexo feminino em todas as sub-escalas, excepto na sub-escala V,...

  16. Mudanças resultantes de um programa comunitário de prevenção dos abusos sexuais de crianças (ASC)

    Maria, Susana Gabriela da Silva; Ornelas, José H.; Bispo, Regina
    Os programas de prevenção dos ASC têm recebido algumas críticas e comentários negativos por parte de alguns teóricos e investigadores na área. O nosso objectivo é apresentarmos um estudo em que nos propomos analisar o impacto de um programa comunitário de prevenção dos ASC desenvolvido a partir do contexto escolar e envolvendo: crianças, familiares e profissionais. Avaliaremos o impacto que este programa tem nos participantes em termos dos seus conhecimentos e competências relativamente à prevenção e intervenção nos ASC. Espera-se que os participantes demonstrem níveis significativamente mais elevados de conhecimentos e competências mais adequadas, relativamente à prevenção e intervenção nos ASC, após o seu envolvimento no programa quando comparados...

  17. Estudo da eficácia e resultados de parcerias em contextos comunitários

    Moniz, Maria João Vargas; Morgado, José
    O estudo analisa a eficácia percepcionada e a resposta na comunidade das Comissões de Protecção de Crianças e Jovens em Portugal. São Comissões criadas por Lei (147/ 99 1 de Set.), sendo obrigatório que cada Concelho de todo o território nacional crie pelo menos uma Comissão para coordenar acções a nível local. Apesar de a Lei abranger conteúdos formais e programáticos, constata-se um enorme grau de variabilidade da eficácia percepcionada e das dificuldades de colaboração relatadas. Sendo um estudo multi-contexto procura-se: 1) explorar em que medida as Comissões promovem mudança em termos de prevenção e de resposta articulada na comunidade; 2) delinear os factores que contribuem para o envolvimento dos...

  18. Contributos da psicologia comunitária para a inovação em políticas públicas

    Ornelas, José H.; Moniz, Maria João Vargas
    A Psicologia Comunitária integra na sua tradição a aspiração de ser fonte inspiradora de movimentos de mudança social; nesta esteira procura documentar-se como desde o final dos anos 80, esforços de implementação de iniciativas na comunidade, têm vindo a ser desenvolvidos em Portugal com base nos seus princípios e valores. As iniciativas abordadas foram organizadas pela sociedade civil. Através do seu percurso de desenvolvimento e dos seus contributos para a formulação de políticas públicas no contexto sociopolítico português, apresentam-se a AEIPS (Associação para o Estudo e Integração Psicossocial), criada em 1987 e a AMCV (Associação de Mulheres Contra a Violência), fundada em 1992. A primeira intervém na área da...

  19. Tradução e adaptação da escala de avaliação das atitudes face à hipnose Attitudes Toward Hypnosis (Hypnotic Attitudes Questionnaire)

    Carvalho, Cláudia Maria Constante Ferreira de
    A hipnose em Portugal está afastada do mainstream da Psicologia, apesar do interesse e da pertinência desta temática. Traduzimos e adaptámos para português a Attitudes Toward Hypnosis de Spanos, Brett, Menary & Cross (1987) também referenciada como Hypnotic Attitudes Questionnaire (HAQ). É uma escala de 14-itens com um formato de resposta de 1 (totalmente falso) a 7 (totalmente verdadeiro) que permite conhecer e quantificar as opiniões que os indivíduos possuem relativamente à utilização da hipnose bem como caracterizar 3 conjuntos de crenças específicas, crenças positivas, estabilidade mental e ausência de medo. Foram inquiridos 447 estudantes universitários de ambos os sexos. A análise factorial exploratória revelou uma estrutura factorial idêntica à versão...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.