Recursos de colección

Repositorio da Universidade dos Açores (8.559 recursos)

O Repositório Institucional da Universidade dos Açores desenvolvido no âmbito do projecto RCAAP.

ARQ - LMS - Número 14A

Mostrando recursos 1 - 10 de 10

  1. Additions to a bibliography of the fauna of São Tomé e Príncipe and the island of Annobon, Gulf of Guinea. Addendum

    Gascoigne, Angus
    Mais 182 documentos sobre a fauna de três das quatro ilhas no Golfo de Guiné (Príncipe, São Tomé e Annobon) são apresentados.

  2. Nutritive value, and in situ dry matter and protein degradability of fresh and ensiled Italian ryegrass at three stage of growth

    Borba, Alfredo Emílio Silveira de; Ribeiro, João Ramalho
    Neste trabalho determinámos o valor nutritivo da erva castelhana (Lolium multiflorum) em três épocas de corte, em verde e ensilada. O valor mais elevado de energia metabolizável foi determinada na fase de crescimento 5% espigado, nas forragens verdes e na fase de aparecimento da 4ª folha, para as silagens. Verificou-se um aumento da digestibilidade in vivo e da ingestão voluntária, da fase de 4ª folha para a fase 5% espigada, seguindo-se um decréscimo para a fase 100% espigada: A degradabilidade in situ da matéria seca, e da proteína bruta decresce (p≤0.05) com o avançar da fase de crescimento. A degradabilidade...

  3. Isolation and characterization of milk coagulating gastric enzymes from bigeye tuna (Thunnus obesus)

    Tavares, Joaquim F. da; Baptista, José A. B.
    Seis fracções proteolíticas activas de estômagos de atum foram separadas com o recurso ao "Rotofor IEF" e purificadas pelas técnicas cromatográficas de permeação de gel e de permuta iónica. A utilização de NaCl aumentou o rendimento do processo de extracção. O peso molecular da fracção pura mais activa, determinado pela técnica "SDS-PAGE", foi de 31.000 daltons. A composição amino-ácida obtida da mesma fracção diferiu da referida na literatura e a sua termoestabilidade, determinada por "DSC", evidenciou um pico de degradação à temperatura de 61.85 °C. A actividade da protease extraída de estômagos de atum às temperaturas de 14-26 °C, mostrou-se...

  4. Transformation of somatic embryos of Vitis sp. (grapevine) with different constructs containing nucleotide sequences from nepovirus coat protein genes

    Gölles, R.; Machado, Artur da Câmara; Tsolova, V.; Bouquet, A.; Moser, R.; Lopes, Marco; Mendonça, D.; Katinger, H.; Machado, Margit L. da Câmara
    O melhoramento de videiras, uma das plantas mais cultivadas no mundo, tal como muitas outras plantas lenhosas, é dificultado devido à sua elevada heterozigocidade genética e longo ciclo vegetativo. Assim a engenharia genética torna-se um instrumento importante num programa de melhoramento de videiras. Os nepovirus são os vírus da videira com maior importância económica devido à sua distribuição pelo mundo inteiro e aos graves danos que provocam. Um sistema de transformação genética através de Agrobacterium baseado na embriogénese somática repetitiva, foi utilizado para regenerar vinhas transgénicas. Culturas embriogénicas de Vitis vinifera (Russalka - auto-polinizada) e Richter 110 (Vitis rupestris x...

  5. Cetaceans stranded in the Azores during 1992-1996

    Gonçalves, João M.; Barreiros, João P.; Azevedo, José M. N.; Norberto, Rita
    Registaram-se no arquipélago dos Açores de 1992 a 1996, 49 arrojamentos de 13 espécies de cetáceos. Os golfinhos-comuns (Delphinus delphis) constituíram a espécie que mais frequentemente arrojou. O arrojamento de um rorqual-comum (Balaenoptera physalus) foi registado pela primeira vez nesta região do Atlântico. O invulgar arrojamento de um cachalote anão (Kogia simus), que foi reconduzido aparentemente com sucesso para o mar, representa a ocorrência de uma nova espécie para os Açores, aumentando o número de espécies de cetáceos na região para 24. A maioria dos arrojamentos (32 dos 38 animais) em 1996 foi registado no período de 7 de Fevereiro...

  6. The diet of the blue shark (Prionace glauca L.) in Azorean waters

    Clarke, M. R.; Clarke, D. C; Martins, Helen R.; Silva, Hélder M.
    Analisaram-se os conteúdos estomacais de 195 Prionace glauca, capturadas nos Açores entre Outubro de 1993 e Julho de 1994. Oitenta e três indivíduos possuíam estragos vazios. Apenas 23 estômagos continham animais inteiros ou semi-digeridos (excluindo o isco) pertencentes aos peixes Capros aper, Macrorhamphosus scolopax e Lepidopus caudatus e às lulas Histioteuthis bonnellii e Taonius pavo. Setenta e cinco otólitos de peixe e 207 bicos inferiores de cefalópodes foram identificados até ao género ou espécie. Considerando todos os fragmentos encontrados nos estômagos, incluindo otólitos, bicos de cefalópodes e cristalinos, foram encontrados 1411 peixes, 4 crustáceos e 261 cefalópodes. Aproximadamente 386 peixes...

  7. Wrasses (Teleostei: Labridae) of the Azores

    Porteiro, Filipe M.; Barreiros, João P.; Santos, Ricardo S.
    Nos Açores a família Labridae está representada por nove espécies. Alguns destes bodiões (i.e. Coris julis e Thalassoma pavo) estão entre as espécies mais abundantes do litoral rochoso. Uma chave dicotómica baseada em caracteres simples é apresentada. Oito espécies podem ser observadas em mergulho subaquático. Devido a apresentarem uma grande variabilidade de padrões de coloração, algumas espécies, quando na natureza, são de difícil reconhecimento. Por isso, apresentam-se fotografias coloridas de algumas das espécies litorais. Otólitos e maxilas de todas as espécies estão ilustrados e ajudarão na identificação dos bodiões nos conteúdos estomacais. Não foram detectadas diferenças significativas entre a biometria...

  8. A new caprellid-starfish association: Caprella acanthifera s.l. (Crustacea: Amphipoda) on Ophidiaster ophidianus and Hacelia attenuata from the Azores

    Wirtz, Peter; Vader, Wim
    Uma nova associação entre um caprelídeo e estrelas-do-mar é descrita para os Açores, Atlântico nordeste. Caprella n.sp. , uma espécie do complexo Caprella acanthifera conhecida por viver sem hospedeiros no mar Mediterrâneo e no Atlântico oriental, foi encontrada em grupos, que atingiram até 77 indivíduos (em média 24), na superfície aboral das estrelas-do-mar Ophidiaster ophidianus e Hacelia attenuata na área de Monte da Guia, ilha do Faial, Açores. Não foi verificada nenhuma correlação entre o tamanho das estrelas-do-mar e o tamanho do grupo dos caprelídeos. A cor rosa dos caprelídeos sugere que eles raspam muco da superfície dos seus hospedeiros.

  9. Shrimp fauna (Crustacea: Decapoda) of the North Atlantic subtropical convergence

    Burukovsky, Rudolf N.
    Os camarões pelágicos foram amostrados, durante um cruzeiro abordo do N/I "Professor Siedlecki", entre Agosto e Setembro de 1984 na região de convergência subtropical do Atlântico Norte entre as latitudes de 43°-46° N (Oeste), e 37°-46° N (Este) e as longitudes de 14°-30° W. Foram efectuados arrastos desde a superfície até aos 1200m de profundidade. Identificaram-se vinte e cinco espécies (excluindo as pertencentes 21 família Sergestidae). Os resultados confirmam a existência de uma zona de transição, onde a fauna cosmopolita de camarão é dominante, e onde as espécies ocorrentes no Atlântico Norte e central se misturam. Uma fronteira entre estes...

  10. The sea anemone Telmatactis cricoides from Madeira and the Canary Islands: size frequency, depth distribution and colour polymorphism

    Wirtz, Peter
    A anémona do mar Telmatactis cricoides (Duchassaing, 1850) dos arquipélagos da Madeira (n = 81 anémonas) e das Canárias (n = 124 anémonas) foi estudada entre 0 e 62 m de profundidade. São descritos e comparados o polimorfismo cromático, a frequência de tamanhos e a frequência em profundidade das duas populações de anémonas. Registaram-se vinte e cinco padrões de coloração distintos. Encontrou-se uma correlação do, embora fraca (R = +0.20) entre o tamanho e a profundidade de ocorrência. Os dois tipos de coloração mais frequentes não diferem na sua distribuição em profundidade e são igualmente frequentes nos dois arquipélagos. Onze...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.