Recursos de colección

Repositório do Hospital Prof. Doutor Fernando Fonseca (3.582 recursos)

The Hospital Prof. Dr. Fernando Fonseca E.P.E. (HFF) institutional repository collects, preserves and disseminates the intellectual output of its professionals in digital format. Its aims are to increase the HFF’s investigation visibility and citation impact, to foster scientific communication and to preserve the HFF’s intellectual memory.

Psilogos Vol.10 Nº1 (Jun 2012)

Mostrando recursos 1 - 7 de 7

  1. Psiquiatria comunitária na equipa da Brandoa: realidade assistencial em Dezembro de 2008

    Mendes, A; Morais, A; Melo, D; Bandeira, R; Gaião, S; Parente, J; Pinto, P; Maia, T; Cardoso, G
    O Serviço de Psiquiatria do Hospital Prof. Doutor Fernando Fonseca, EPE (HFF) foi o primeiro serviço em Portugal com base no hospital geral a desenvolver um modelo integrado de cuidados de saúde mental na comunidade, orientado para as necessidades da população e apoiado em equipas multidisciplinares. Este modelo assenta na continuidade de cuidados pela mesma equipa, no seguimento assertivo dos doentes na comunidade, na articulação com os cuidados de saúde primários e numa grande diversidade de intervenções1. A actividade do Serviço decorre a nível hospitalar e comunitário, mantendo-se uma estreita articulação entre as várias unidades que o constituem, de forma a garantir a indispensável continuidade de cuidados. A nível comunitário, as Equipas da Amadora, Brandoa, Damaia e Queluz...

  2. A temporalidade na experiência maníaca: uma revisão selectiva

    Trancas, B; Santos, N
    A vivência do tempo tem sido objecto de estudo, desde os filósofos da antiguidade aos investigadores da neurociência contemporânea. Algumas experiências podem perturbar a relação que o ser humano tem com o tempo, sejam estas mundanas e gerais – como uma criança a brincar com o seu brinquedo (Thomas Fuchs) – ou do domínio da experiência patológica, como experiências de estados depressivos, maníacos ou o modo-de-estar-no-mundo esquizofrénico. Após tecer algumas considerações sobre temporalidade, o presente artigo debruça-se sobre a perturbação da temporalidade na experiência maníaca. Em primeiro lugar versa sobre a perturbação do tempo do mundo (cronométrico, explícito) e seguidamente do tempo vivido (implícito), recorrendo a aportes de diversos autores, incluindo Eugène Minkowski, Leston Havens, Ludwig Binswanger, Medard Boss...

  3. Aspectos neuropsiquiátricos do cerebelo

    Xavier, S; Ferreira, B
    As funções neurológicas do cerebelo na regulação do equilíbrio e do movimento são conhecidas desde há longa data. No entanto, nas últimas décadas, a partir dos estudos seminais de Schmahmann, tem sido progressivamente reconhecida a sua participação em processos cognitivos e emocionais e no comportamento. As autoras pretendem rever de forma sumária os principais aspectos da fisiologia “clássica” do cerebelo. Serão depois revistas mais detalhadamente as funções neuropsiquiátricas do cerebelo e as alterações cerebelosas encontradas nas principais patologias psiquiátricas – esquizofrenia, perturbação bipolar e perturbação depressiva major.

  4. Educação terapêutica numa perspectiva comunitária em saúde mental

    Campos, C; Galante, J
    Este trabalho pretende ser uma análise reflexiva das intervenções de enfermagem relativamente à adesão terapêutica na Unidade Funcional Comunitária da Equipa da Amadora, do Serviço de Psiquiatria do Hospital Prof. Doutor Fernando Fonseca. Em primeiro lugar iremos fazer uma revisão teórica acerca dos vários conceitos relacionados com o tema, tendo em vista a melhor compreensão do fenómeno da adesão em todas as suas dimensões. É feita uma análise quantitativa relativamente à evolução dos utentes que beneficiam da supervisão terapêutica; é realizada uma caracterização desta população referente à faixa etária, género, diagnósticos e relação entre o início da supervisão terapêutica e ocorrências hospitalares em três utentes. A educação terapêutica na reabilitação comunitária tem sido um objectivo primordial nas nossas intervenções e...

  5. Sarcoidose: um caso clínico de apresentação neuropsiquiátrica

    Baptista, A; Mateiro, R; Moutinho, A; Alves, R
    A neurossarcoidose pode apresentar manifestações neuropsiquiátricas, constituindo uma rara forma de apresentação de sarcoidose, com amplo espectro de manifestações clínicas possíveis, o que dificulta o seu diagnóstico. Os exames de neuroimagem são uma ferramenta indispensável à detecção de lesões no sistema nervoso central (SNC), sendo o diagnóstico definitivo apenas estabelecido após biópsia e exame anátomo-patológico compatível com esta entidade. É apresentado um caso clínico de neurossarcoidose, em que as primeiras manifestações da doença foram constituídas por crise convulsiva tónico-clónica e surto psicótico

  6. A hostilidade e a raiva na dor crónica

    Oliveira, S; Ribeiro, L
    Introdução: O componente afectivo da dor incorpora uma gama variada de emoções, primariamente negativas em termos de qualidade. Foi tradicionalmente conferido um grande destaque ao papel da depressão e da ansiedade na dor crónica. Mais recentemente, o foco tem sido dirigido para a hostilidade e a raiva, como componentes fundamentais da experiência emocional da dor crónica. Objectivo: As autoras propõem-se fazer uma reflexão sobre a relevância da hostilidade e da raiva na dor crónica. Foi realizada uma revisão da literatura sobre o tema em questão. Discussão: Doentes com diversas perturbações de dor crónica caracterizam-se por níveis elevados dos traços raiva e hostilidade. Por outro lado, o modo como a raiva é gerida (anger management...

  7. Editorial

    Luis, A

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.