Mostrando recursos 1 - 20 de 45

  1. Ovariossalpingohisterectomia – técnicas laparoscópicas e convencional em cadelas

    Silva, Nichollas da
    Nos últimos anos tem-se testemunhado um espantoso crescimento dos animais de companhia, tendo esses animais se tornado verdadeiros membros da família por parte de seus tutores, sendo muitas vezes não medidos os esforços para garantir o bem estar de seus animais. Dessa maneira, seja para evitar a ocorrência de enfermidades, ou simplesmente para restringir o crescimento populacional, a ovariossalpingohisterectomia (OSH) é um dos procedimentos atualmente mais encontrados nas rotinas cirúrgicas das clínicas e hospitais veterinários. Nesse sentido, devido à importância do procedimento e a crescente preocupação dos tutores com o bem estar de seus pets, o presente trabalho visou avaliar...

  2. Avaliação da absorção de imunoglobulinas em leitões recém-nascidos pela técnica do imunócrito

    Neis, Luísa Zasso
    O presente experimento constituiu em avaliar a absorção de imunoglobulinas em leitões recém-nascidos pela técnica do imunócrito. No estudo, foram analisados soros de 135 leitões provenientes de fêmeas de diferentes ordens de parto. Os partos foram acompanhados e os leitões permaneceram com suas mães biológicas. As amostras de sangue foram coletadas 24 horas após o parto por punção da veia cava cranial, sendo posteriormente centrifugadas (1258 g) por 2 min para obtenção do soro. As amostras foram refrigeradas para transporte até a UFRGS e congeladas a -20 °C. Após descongelamento foram homogeneizados 50 μl de soro com 50 μl de...

  3. Análise econômica de uma empresa rural utilizando o método do cálculo do valor agregado

    Camargo, Vinícius de Anhaia
    A compreensão da situação econômica de uma UPA é essencial para estabelecer os rumos a seguir. Somente os índices produtivos não nos mostram a sua real situação, pois o ideal produtivo deve necessariamente ser equilibrado pelo ideal econômico. E dessa maneira proporcionar longevidade da UPA. A metodologia do Cálculo do Valor Agregado permite estabelecer uma série de relações produtivas, econômicas e sociais tornando claras as condições e limitações da UPA estudada. No presente trabalho foi avaliado o ano agrícola 2015/2016 de uma UPA categorizada como empresa rural utilizando o método do Cálculo do Valor Agregado. Com 2058 ha próprios e...

  4. A agricultura familiar e os produtos de origem animal

    Führ, Nathalia Jobim
    A Agricultura Familiar tem grande importância no Brasil, pois além de produzir alimentos, gera empregos à população e enriquece os mercados locais. Para a manutenção da produção familiar é fundamental que o jovem permaneça no meio rural. A agroindustrialização é uma oportunidade de agregação de valor aos produtos provenientes da produção familiar, porém são enfrentadas algumas barreiras para a implantação das agroindústrias, entre elas está a dificuldade em atender às exigências das legislações. No presente trabalho objetivou-se realizar uma revisão bibliográfica sobre a Agricultura Familiar, abordando aspectos gerais sobre a agroindustrialização, políticas públicas e programas de incentivo voltados ao produtor...

  5. Associação entre isolamento de Candida spp. da mucosa oral de gatos acometidos por retroviroses/ou gengivoestomatite

    Franceschi, Natália Tomazi
    A gengivoestomatite crônica felina (GECF) é uma afecção frequente na clínica de felinos domésticos, caracterizada por uma inflamação crônica e grave na cavidade oral, com sinais como gengivite, estomatite, periodontite, proliferação gengival, halitose, sialorreia, disfagia e anorexia. A etiologia da doença ainda não é clara, mas parece ter origem multifatorial. Agentes infecciosos suspeitos de estarem associados à GECF incluem o vírus da imunodeficiência felina (FIV), vírus da leucemia felina (FeLV), calicivírus felino (FCV), herpervírus felino tipo 1 (FHV-1) e Bartonella spp. Outras causas incluem doença periodontal, hipersensibilidade à placa bacteriana e alergia alimentar. Candida spp. é uma levedura comensal da...

  6. A implantação e a adesão dos novos sistemas de equivalência de inspeção aos produtos de origem animal no Rio Grande do Sul

    Espíndola, Larissa de Borba
    Os sistemas de equivalência de inspeção de produtos de origem animal, são sistemas criados para garantir a inocuidade e qualidade dos alimentos, através da equiparação de métodos de inspeção, foram criados nos últimos anos no Brasil e também no Rio Grande do Sul, através do Sistema Brasileiro de Inspeção de Produtos de Origem Animal (SISBI-POA) e do Sistema Unificado Estadual de Sanidade Agroindustrial Familiar, Artesanal e de Pequeno Porte (SUSAF-RS), respectivamente. Como consequência das equivalências de inspeções, há um aumento de território comercializável dos produtos gerados em determinadas microrregiões. As equivalências, são sistemas criados para harmonizar e padronizar os padrões...

  7. Modelagem de exigências nutricionais de porcas gestantes e lactantes utilizando o inraporc

    Hansen, Vitória
    O presente trabalho foi realizado para avaliar o programa de alimentação utilizado em uma granja comercial no município de Tuparendi/RS e compará-lo com as exigências nutricionais dos animais obtidas através de simulação no modelo matemático InraPorc. O trabalho foi desenvolvido em quatro etapas: (1) definição do perfil animal, (2) estimação das exigências nutricionais, (3) definição do programa nutricional e alimentar, (4) avaliação dos dados simulados no modelo InraPorc em relação aos aplicados na granja. As variáveis inseridas no perfil animal foram: número de porcas produtivas distribuídas em cada ordem de parto (OP), consumo de ração durante as fases de gestação,...

  8. Fotossensibilização hepatógena causada por Brachiaria brizantha cv. marandu em ovino no Rio Grande do Sul: relato de caso

    Ramos, Daniela da Silva
    Relata-se um caso de fotossensibilização hepatógena em ovino decorrente de intoxicação por Brachiaria brizantha cv. Marandu. No exame clínico observaram-se lesões crostosas e ulceradas em torno dos olhos, focinho, lábios e base da orelhas, com discreta deposição de material purulento. Após tratamento insatisfatório, o animal foi encaminhado para eutanásia seguida de necropsia e exame histopatológico. O exame histopatológico evidenciou a presença de ocasionais cristais birrefringentes nos hepatócitos, nas células de kupffer e no interior dos ductos biliares. Acantose e hiperqueratose paraqueratótica acentuada, associada à dermatite piogranulomatosa também foram evidenciadas no mesmo exame. As manifestações clínicas associados aos achados da necropsia...

  9. Fotossensibilização hepatógena causada por Brachiaria brizantha cv. marandu em ovino no Rio Grande do Sul: relato de caso

    Ramos, Daniela da Silva
    Relata-se um caso de fotossensibilização hepatógena em ovino decorrente de intoxicação por Brachiaria brizantha cv. Marandu. No exame clínico observaram-se lesões crostosas e ulceradas em torno dos olhos, focinho, lábios e base da orelhas, com discreta deposição de material purulento. Após tratamento insatisfatório, o animal foi encaminhado para eutanásia seguida de necropsia e exame histopatológico. O exame histopatológico evidenciou a presença de ocasionais cristais birrefringentes nos hepatócitos, nas células de kupffer e no interior dos ductos biliares. Acantose e hiperqueratose paraqueratótica acentuada, associada à dermatite piogranulomatosa também foram evidenciadas no mesmo exame. As manifestações clínicas associados aos achados da necropsia...

  10. Ocorrência de Bacillus cereus em surtos de doenças transmitidas por alimentos notificados e investigados no município de Porto Alegre de 2003 a 2013

    Lentz, Silvia Adriana Mayer
    As doenças transmitidas por alimentos têm elevada prevalência mundial. Em Porto Alegre, observa-se que Bacillus cereus vem sendo responsabilizado pela maioria dos surtos ocorridos na última década. O presente estudo objetivou relatar o perfil desses surtos, a partir de levantamento de informações disponíveis nas fichas de registro da Equipe de Vigilância de Alimentos de Porto Alegre, quanto: mês de ocorrência, local de preparo do alimento, alimento incriminado, período de incubação apresentado no relatório de investigação final daquele surto, faixa etária da população exposta, sintomas apresentados pelos comensais e fatores desencadeadores dos surtos. Um total de 38 surtos, ocorridos entre 2003...

  11. Ocorrência de Bacillus cereus em surtos de doenças transmitidas por alimentos notificados e investigados no município de Porto Alegre de 2003 a 2013

    Lentz, Silvia Adriana Mayer
    As doenças transmitidas por alimentos têm elevada prevalência mundial. Em Porto Alegre, observa-se que Bacillus cereus vem sendo responsabilizado pela maioria dos surtos ocorridos na última década. O presente estudo objetivou relatar o perfil desses surtos, a partir de levantamento de informações disponíveis nas fichas de registro da Equipe de Vigilância de Alimentos de Porto Alegre, quanto: mês de ocorrência, local de preparo do alimento, alimento incriminado, período de incubação apresentado no relatório de investigação final daquele surto, faixa etária da população exposta, sintomas apresentados pelos comensais e fatores desencadeadores dos surtos. Um total de 38 surtos, ocorridos entre 2003...

  12. Membrana amniótica na oftalmologia veterinária

    Neumann, Carolina Fonseca
    A córnea representa a porção mais externa do bulbo ocular e, devido a sua localização, está frequentemente sujeita a processos lesivos. As etiologias das enfermidades que acometem a córnea são variadas e dependendo da gravidade, a terapia medicamentosa não é suficiente, sendo necessário o tratamento cirúrgico concomitante. Vários são os procedimentos cirúrgicos sugeridos para o tratamento da superfície ocular, tais como o recobrimento com a terceira pálpebra, a tarsorrafia, os recobrimentos conjuntivais, os adesivos biológicos ou sintéticos, as lentes de contato terapêutica, o transplante de córnea e a utilização da membrana amniótica que tem merecido destaque na oftalmologia veterinária. Sua...

  13. Membrana amniótica na oftalmologia veterinária

    Neumann, Carolina Fonseca
    A córnea representa a porção mais externa do bulbo ocular e, devido a sua localização, está frequentemente sujeita a processos lesivos. As etiologias das enfermidades que acometem a córnea são variadas e dependendo da gravidade, a terapia medicamentosa não é suficiente, sendo necessário o tratamento cirúrgico concomitante. Vários são os procedimentos cirúrgicos sugeridos para o tratamento da superfície ocular, tais como o recobrimento com a terceira pálpebra, a tarsorrafia, os recobrimentos conjuntivais, os adesivos biológicos ou sintéticos, as lentes de contato terapêutica, o transplante de córnea e a utilização da membrana amniótica que tem merecido destaque na oftalmologia veterinária. Sua...

  14. Difilobotríase: zoonose parasitária transmitida por peixes

    Machado, Joseane Mazzo
    A difilobotríase, causada por cestódeos do gênero Diphyllobothrium, é uma infecção intestinal zoonótica que pode ser adquirida pelo consumo de peixe cru, mal cozido ou defumado que contenha a larva infectante do parasito. Sua disseminação se dá através da contaminação dos rios, lagos, açudes, mares e, consequentemente, de seus peixes, tornando-a, também, uma questão de saúde pública. A difilobotríase pode ser assintomática ou causar sintomas como flatulência, distensão abdominal, dor epigástrica, anorexia, vômitos, podendo também causar anemia por deficiência de vitamina B12. O crescente aumento do consumo de pratos contendo peixe cru, o turismo internacional, o comércio entre diferentes países...

  15. Epilepsia em cães

    Bing, Rafaela Scheer
    A epilepsia é uma das doenças neurológicas mais comuns na espécie canina e caracteriza-se por apresentar ataques convulsivos recorrentes. Sua fisiopatologia é muito complexa e, em alguns aspectos, pouco compreendida até os dias de hoje. Clinicamente os cães afetados podem demonstrar alteração no grau de consciência, fenômenos motores anormais, distúrbios psíquicos, sensoriais ou sinais nervosos autônomos. Seu diagnóstico baseia-se na história clínica, exame neurológico e exames complementares. Ela pode ser desencadeada por inúmeras causas e o seu tratamento pode variar de acordo com sua origem. O presente trabalho tem por objetivo apresentar, mediante revisão bibliográfica, a incidência, a etiologia, a...

  16. Demodicidose canina: revisão de literatura

    Silva, Karina Camaratta
    A demodicidose canina, uma das dermatopatias mais frequentes na clínica veterinária atualmente, é causada pela excessiva proliferação dos ácaros Demodex canis, D. injai ou D. cornei. Possui caráter hereditário e manifesta-se devido a imunossupressão. É classificada segundo sua distribuição corpórea em demodicidose localizada ou generalizada e conforme a faixa etária de ocorrência das primeiras manifestações clínicas em juvenil ou adulta. Em cães idosos, as desordens imunosupressoras podem aumentar a suscetibilidade a esta dermatopatia. Acredita-se que esta doença tenha origem multifatorial, na qual poderão intervir fatores imunológicos, genéticos, parasitológicos, ambientais, bacterianos e individuais. Os sinais clínicos da infecção são variáveis, tendo...

  17. Classificação da subespécie e do biovar de isolados de Pasteurella Multocida de origem aviária através de testes bioquímicos e pesquisa da presença do gene exBD-tonB

    Rodrigues, Suelle Vencato
    Pasteurella multocida é um bactéria gram-negativa causadora de diversas doenças de importância econômica, incluindo-se rinite atrófica em suíno, septicemia hemorrágica em ungulados, doenças respiratórias em coelhos e cólera aviária (CA) em aves. A CA deve ser considerada como diagnóstico diferencial de doenças de notificação obrigatória que cursam com morte súbita A caracterização fenotípica é uma ferramenta de diagnóstico demorada e pouco empregada, mas que apresenta grande importância para obtenção de dados epidemiológicos e melhor conhecimento das propriedades do patógeno estudado. Os objetivos deste estudo foram a identificação, através de testes bioquímicos, da subespécie e do biovar a que pertencem 59...

  18. Perfil bioquímico plasmático de leitões neonatos com ênfase na hipoglicemia

    Koller, Priscila Raquel
    A hipoglicemia neonatal em suínos é caracterizada pela baixa concentração de glicose plasmática, acometendo todos os leitões da ninhada, em diferentes graus de gravidade. É causada pela incapacidade destes animais ao nascimento de produzir glicose por uma imaturidade em seu sistema gliconeogênico. Tomando as medidas de manejo adequadas, incluindo o aleitamento pelo colostro logo após o nascimento, fornecimento de fontes de calor, entre outras medidas, o índice de mortalidade fica em torno 40%. A baixa glicemia diminui a imunidade, tornando os leitões suscetíveis a outras doenças, agravando ainda mais o quadro. O melhoramento das raças de suínos industriais vem incluindo...

  19. Hipertensão arterial sistêmica secundária a endocrinopatias em cães e gatos

    Machado, Leticia
    Como consequência da evolução da medicina veterinária em termos diagnósticos e terapêuticos e do aumento de cuidados por parte dos proprietários, tem-se observado um aumento significativo na expectativa de vida dos animais de companhia. Com isso, as doenças associadas ao envelhecimento também tornaram-se mais frequentes na rotina do clínico de pequenos animais. Dentre elas estão as doenças de fundo endocrinometabólico, que representam menos de 10% do volume total de uma rotina clínica, e são conhecidas por afetar diversos sistemas do organismo. Um dos achados mais importantes durante o atendimento de pacientes endocrinopatas é a hipertensão arterial sistêmica, definida como um...

  20. Fraturas de pelve: revisão de literatura

    Degrazia, Bruna Leão
    Estima-se que as fraturas pélvicas representem cerca de 20% a 30% de todas as fraturas que ocorrem nos cães, com as fraturas do ílio ocorrendo em aproximadamente 46% das pelves traumatizadas e apresentam-se geralmente oblíquas ou transversas no corpo desse osso, sendo, muitas vezes, múltiplas ou cominutivas. Fraturas no ísquio e no púbis geralmente ocorrem juntamente com as de ílio. A causa mais comum de fratura pélvica são traumas por acidentes automobilísticos, mas também podem ocorrer por quedas e lesões por arma de fogo. São considerados fatores predisponentes as doenças metabólicas, doenças ósseas hereditárias e, com menor frequência, tumores ósseos....

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.