Recursos de colección

Repositório do Instituto Politénico de Castelo Branco (14.183 recursos)

O Repositório Científico do Instituto Politécnico de Castelo Branco tem como objectivos fundamentais a divulgação, a preservação em formato digital e a partilha do conhecimento científico gerado na instituição, constituindo-se numa ferramenta de valor acrescentado porque permite aumentar a visibilidade e o impacto da investigação desenvolvida.

ESACB - Comunicações em encontros científicos e técnicos

Mostrando recursos 21 - 40 de 483

  1. Circuitos de comercialização e valorização dos produtos locais: caso estudo do pêssego na Beira Interior

    Alberto, D.; Dias, C.; Gomes, A.P.C.; Barateiro, N.; Gomes, P.F.
    Só está disponível o resumo.

  2. Monda mecânica de flores em pessegueiro com o equipamento Saflowers® na cv. Very Good: avaliação do impacto na produção e qualidade dos frutos.

    Ferreira, D.; Santos, C.; Barateiro, A.; Ramos, C.; Fragoso, P.; Lopes, S.; Simões, M.P.
    Só está disponível o resumo.

  3. Avaliação de ecótipos de figueira-da-índia [Opuntia ficus-indica (L.) Miller] para produção de fruto

    Reis, C.M.G.; Gazarini, L.C.; Ribeiro, M.M.A.
    A figueira-da-índia [Opuntia ficus-indica (L.) Miller] é uma espécie da família Cactaceae, com centro de origem e domesticação no México. Possui características morfofisiológicas particulares que permitem uma elevada eficiência de utilização da água. Esta espécie representa uma cultura alternativa para as regiões do interior de Portugal onde se prevê que as alterações climáticas possam vir a ter maior impacto. Neste estudo pretendeu-se avaliar o desempenho de ecótipos portugueses de O. ficus-indica quanto à produção de fruto. Em Maio de 2012 foram plantados, na Escola Superior Agrária de Castelo Branco, num solo de baixa aptidão agrícola, cladódios de dezasseis ecótipos portugueses de...

  4. Avaliação de ecótipos de figueira-da-índia [Opuntia ficus-indica (L.) Miller] para produção de fruto

    Reis, C.M.G.; Gazarini, L.C.; Ribeiro, M.M.A.
    A figueira-da-índia [Opuntia ficus-indica (L.) Miller] é uma espécie da família Cactaceae, com centro de origem e domesticação no México. Possui características morfofisiológicas particulares que permitem uma elevada eficiência de utilização da água. Esta espécie representa uma cultura alternativa para as regiões do interior de Portugal onde se prevê que as alterações climáticas possam vir a ter maior impacto. Neste estudo pretendeu-se avaliar o desempenho de ecótipos portugueses de O. ficus-indica quanto à produção de fruto. Em Maio de 2012 foram plantados, na Escola Superior Agrária de Castelo Branco, num solo de baixa aptidão agrícola, cladódios de dezasseis ecótipos portugueses de...

  5. Estudo do valor nutricional dos cladódios de ecótipos de figueira-da-índia (Opuntia ficus-indica)

    Reis, C.M.G.; Pitacas, F.I.; Rodrigues, A.M.
    A figueira-da-índia (Opuntia ficus-indica) (OFI), espécie da família Cactaceae, foi introduzida na Península Ibérica no início do Séc. XVI e encontra-se naturalizada em toda a bacia mediterrânica. A utilização de cladódios na alimentação de ruminantes é importante nalgumas regiões áridas e semiáridas do mundo. Nas regiões mediterrânicas, como acontece no Centro e Sul de Portugal, podem ser utilizados na alimentação animal, em pastoreio direto ou distribuídos à manjedoura, especialmente em períodos do ano em que a disponibilidade qualitativa e quantitativa de pastagem é baixa o que poderá afetar a produção de leite e de carne. Com o objetivo de avaliar...

  6. Estudo do valor nutricional dos cladódios de ecótipos de figueira-da-índia (Opuntia ficus-indica)

    Reis, C.M.G.; Pitacas, F.I.; Rodrigues, A.M.
    A figueira-da-índia (Opuntia ficus-indica) (OFI), espécie da família Cactaceae, foi introduzida na Península Ibérica no início do Séc. XVI e encontra-se naturalizada em toda a bacia mediterrânica. A utilização de cladódios na alimentação de ruminantes é importante nalgumas regiões áridas e semiáridas do mundo. Nas regiões mediterrânicas, como acontece no Centro e Sul de Portugal, podem ser utilizados na alimentação animal, em pastoreio direto ou distribuídos à manjedoura, especialmente em períodos do ano em que a disponibilidade qualitativa e quantitativa de pastagem é baixa o que poderá afetar a produção de leite e de carne. Com o objetivo de avaliar...

  7. Ácido ascórbico, betalaínas, e fenóis totais em ecótipos de Opuntia spp.

    Reis, C.M.G.; Gouveia, C.; Vitorino, M.C.; Gazarini, L.C.; Ribeiro, M.M.A.; Peres, M.F.
    O género Opuntia spp. pertence à família Cactaceae, sendo a espécie Opuntia ficus-indica (OFI) a que tem maior importância económica. Em frutos de vinte populações provenientes de quatro espécies do género Opuntia spp. (OFI, O. robusta, O. dillenii and O. elata), com origem em Portugal, foram estudadas as características cromáticas, a acidez, o pH, o teor em sólidos solúveis totais (SST) e ainda os teores em ácido ascórbico (AA), betalaínas e fenóis totais (FT). As cultivares Italianas de OFI ‘Bianca’, ‘Gialla’ e ‘Rossa’ foram incluídas como termo de comparação. Os valores mais elevados de acidez foram registados nos frutos de...

  8. Ácido ascórbico, betalaínas, e fenóis totais em ecótipos de Opuntia spp.

    Reis, C.M.G.; Gouveia, C.; Vitorino, M.C.; Gazarini, L.C.; Ribeiro, M.M.A.; Peres, M.F.
    O género Opuntia spp. pertence à família Cactaceae, sendo a espécie Opuntia ficus-indica (OFI) a que tem maior importância económica. Em frutos de vinte populações provenientes de quatro espécies do género Opuntia spp. (OFI, O. robusta, O. dillenii and O. elata), com origem em Portugal, foram estudadas as características cromáticas, a acidez, o pH, o teor em sólidos solúveis totais (SST) e ainda os teores em ácido ascórbico (AA), betalaínas e fenóis totais (FT). As cultivares Italianas de OFI ‘Bianca’, ‘Gialla’ e ‘Rossa’ foram incluídas como termo de comparação. Os valores mais elevados de acidez foram registados nos frutos de...

  9. Agroforestal Suitability Evaluation of a Subregional Area in Portugal Using Multicriteria Spatial Analysis.

    Quinta-Nova, L.C.; Roque, N.
    It is generally agreed that the choice of the most suitable uses based in soil and climatic factors, complemented with socio-economic criteria, promotes sustainable use of rural land. There are, however, different methodologies for defining the soil suitability to agroforestal systems or natural and seminatural ecosystems, including agricultural uses, forest plantations, agro-forestry areas and priority areas for nature conservation. Many of these methods rely on decision support systems based on multicriteria spatial analysis. In this study we intended to determine the different levels of suitability for agro-forestry use in a subregion located in the center of Portugal, near the border...

  10. Búsqueda de indicadores de sostenibilidad para la región transfronteriza Alentejo-CentroExtremadura - OTALEX C

    Cabezas Fernández, J.; Fernández Pozo, L.; Ramírez Rosario, B.; Flores Guerrero, E. M.; Batista, T.; Carriço, C.; Pinto-Gomes, C.; Martins Vila-Viçosa, C.; Mendes, P.; Quinta-Nova, L.C.; Fernandez, P.; Cabaceira, S.
    Encontrar indicadores comunes a una región tan grande como el Alentejo, Centro (Portugal) y Extremadura (España) no es una tarea sencilla. Este es el objetivo del grupo de trabajo del proyecto OTALEX C, una asociación constituida para la colaboración directa de entidades portuguesas y españolas, pertenecientes a los tres niveles de administración: nacional, regional y local, que comparten problemas comunes. Esta región rural transfronteriza con baja densidad poblacional está cambiando y la presión a la que está sometida requiere una monitorización detallada.En el proyecto anterior (OTALEX II) se ha desarrollado una estructura con 61 indicadores básicos a partir de distintas...

  11. IDE-OTALEX C. A Primeira Infraestrutura de Dados Espaciais transfronteiriça entre Portugal e Espanha

    Ceballos, F.; Vivas, P.; Batista, T.; Garrido, A.; Rojas, M.; Péres, M.; Reis, S.; Quinta-Nova, L.C.; Fernandez, P.; Roque, N.; Cabaceira, S.; Cabezas, J.; Pinto-Gomes, C.; Carreira, D.
    Em 2007 criou-se a primeira Infraestrutura de Dados Espaciais transfronteiriça entre Portugal e Espanha (IDE-OTALEX - www.ideotalex.eu), que constituiu o Observatório Territorial e Ambiental Alentejo e Extremadura, ao qual se incorporou, em 2011, a região Centro de Portugal, que no total abrange uma superfície de 92.500 km2. Assim, surgiu o Observatório Territorial Alentejo-Extremadura-Centro (OTALEX C), possibilitando a integração da informação produzida pelas diversas instituições que desenvolvem as suas competências de planeamento e gestão territorial, nestas três regiões. Tem como objetivo a monitorização e análise de alterações decorrentes de fenómenos naturais e da atividade humana sobre o território, bem como a...

  12. Morphological and physiological effects of two different light sources on in vitro multiplication of chestnut and prickled broom

    Gonçalves, J.C.; Skec, A.; Krnjac, A.; Delgado, T.; Frazão, D.; Farinha, N.; Domingues, J.; Coelho, M.T.
    The morphology and physiology of plants grown in vitro are regulated by various environmental factors such as light, temperature, humidity and carbon dioxide. Light, in its various parameters such as spectral quality, photon flux and photoperiod, is an important factor among these and generally influences the overall growth and development of plants in vitro. Light sources commonly used for in vitro plant culture are fluorescent lamps, although some research and commercial laboratories also use sodium metal or incandescent metal halide lamps. The spectral of those lamps range from 350 to 750 nm and contain blend lights that differentially affect in...

  13. Multicriteria Spatial Analysis to evaluate strawberry tree biophysical suitability

    Quinta-Nova, L.C.; Ribeiro, S.; Roque, N.; Ribeiro, M.M.A.
    The strawberry tree (Arbutus unedo L.) is a native species, water stress and low fertility soils tolerant, actively resistant to wild fires and widely distributed in Portugal. In this study we intend to identify the most suitable habitat to the species in the Center region of Portugal based on the integration of a set of biogeophysical factors.For that purpose we estimated descriptors based in topography, soil, fire history,and the current and potential vegetation cover. Climatological data were collected to calculate bioclimatic indexes, using geostatistical tools. The different layers were classified in to three suitability levels for Arbutus: unfavorable, indifferent and...

  14. Multifuncionalidade dos espaços florestais usando a análise espacial multicritério

    Navalho, I.; Alegria, C.M.M.; Quinta-Nova, L.C.
    Desenvolvimento de uma metodologia de análise espacial com recurso à análise espacial multicritério (Processo Analítico Hierárquico - AHP), tendo por base variáveis biofísicas e condicionantes legais que possibilitem definir a compartimentação e organização espacial da área a gerir, na perspetiva da multifuncionalidade dos espaços florestais, contemplando: a função de produção; a função de proteção; a função de conservação de habitats, fauna e da flora e de geomonumentos; a função de silvopastorícia, caça e pesca nas águas interiores; e a função de recreio, enquadramento e estética da paisagem.

  15. Utilização de minhocas (Eisenia fetida Savigny, 1826) na alimentação de achigãs (Micropterus salmoides, Lacépède, 1802) - resultados preliminares

    Rodrigues, A.M.; Lourenço, J.M.; Mateus, P.; Blasco Ruís, M.
    A minhoca (Eisenia fetida Savigny, 1826) é uma boa fonte de proteína. O elevado teor em humidade (82,80% ±2,128) e cinzas (10,70% ±2,345), principalmente terra, poderão ser um fator limitante à sua utilização como alimento para peixes. Com o objetivo de avaliar o interesse da utilização de E. fetida na alimentação de peixes, em 23 setembro 2014 foram capturados 22 juvenis de achigã (Micropterus salmoides Lacépède, 1802) (0+ anos) numa pequena barragem de rega Os achigãs foram colocados em três aquários para habituação a um alimentos compostos comercial. Três semanas depois 86,4% já ingeriam o alimento. A taxa de sobrevivência...

  16. Os repositórios das instituições de ensino superior portuguesas : estudo comparativo

    Rodrigues, M.E.P.; Amante, M.J.; Pais, C.; Lopes, S.; Segurado, T.; Rodrigues, A.M.
    Artigo relativo a comunicação oral apresentada na 7.ª Conferência Luso-Brasileira de Acesso Aberto que decorreu de 2 a 4 de novembro em Viseu.

  17. A função preservação no contexto dos repositórios científicos portugueses : estudo comparativo

    Rodrigues, M.E.P.; Rodrigues, A.M.
    Comunicação apresentada no 12.º Congresso Nacional da BAD.

  18. APISIG - ordenamento apícola na região de Castelo Branco

    Anjos, O.; Silva, G.; Roque, N.; Fernandez, P.

  19. GIS based analysis to support the beekeeping planning

    Anjos, O.; Silva, G.; Roque, N.; Frenandez, P.

  20. Application of GIS in potential beekeeping assessment: Case study of Montesinho Natural Park (Portugal)

    Vilas-Boas, M.; Frenandez, P.; Garção, H.; Roque, N.; Peres, M.F.; Gonçalves, M.; Anjos, O.
    Planners require solutions that address routine work needs and seems essential to improving efficiency and productivity. There are a great number of different factors related to beekeeper activity as well the quality and productivity of different bee products. The spatial analysis is a powerful tool for overlap and relates various levels of information on a map, and consequently a very useful for beekeeping activity planning. This work proposes and applies a methodology to potential beekeeping assessment in Montesinho Natural Park, a region in the northwest of Portugal. The beekeeping potential maps were developed with the following data sources: legal standards, vegetation, land use, topography, water resources,...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.