Recursos de colección

Repositório do ISPA Instituto Superior de Psicologia Aplicada (10.521 recursos)

No Repositório do ISPA pode encontrar diversos tipos de documentos, em formato digital, resultantes da produção científica do ISPA designadamente: teses de doutoramento, teses de mestrado, artigos em publicações periódicas nacionais e internacionais, relatórios técnicos, artigos em actas de conferências nacionais e internacionais e capítulos de livros.

PSAU - Artigos em revistas nacionais

Mostrando recursos 1 - 20 de 107

  1. Versão Portuguesa da Escala de Perceção da Criança sobre os Conflitos Interparentais – Versão para crianças dos 7 aos 9 anos (EPCCI-C)

    Sani, Ana Isabel; Almeida, Telma Catarina
    As perceções da criança acerca dos conflitos interparentais constituem um importante fator mediador do impacto que estes têm no seu desenvolvimento, pelo que se torna crucial uma adequada avaliação. Neste artigo apresentamos a versão portuguesa da Escala de Perceção da Criança dos Conflitos Interparentais (EPCCI-C), cujo original designado por Children’s Perception of Interparental Conflict Scale for Young Children (CPIC-Y) foi desenvolvido por Grych em 2000. Esta escala de autorrelato tem como objetivo avaliar as perceções produzidas pelas crianças entre os sete e os nove anos de idade acerca dos conflitos entre os pais, tais como as características dos incidentes, a perceção de ameaça, de culpa e a...

  2. Porque é que pais e mães fumadores fumam dentro de casa?

    Precioso, José; Araújo, Ana Carolina; Samorinha, Catarina; Correia, Cláudia
    Este estudo pretende identificar os fatores que influenciam os pais fumadores a fumar ou não dentro de casa. Realizaram-se, por telefone, entrevistas semiestruturadas a 10 pais e 10 mães, de crianças do 4º ano de escolaridade, fumadores que fumavam em casa, e a 10 pais e 10 mães fumadores, mas que não o faziam em casa. A análise de conteúdo mostrou que a preocupação com a saúde dos filhos e o mau cheiro foram os principais motivos mencionados pelos progenitores para não fumarem no domicílio. A comodidade e as condições meteorológicas foram as principais razões dos progenitores para fumarem no domicílio. Os pais fumadores que não...

  3. Representações sociais do envelhecimento ativo num olhar genderizado

    Daniel, Fernanda; Caetano, Elsa; Monteiro, Rosa; Amaral, Inês
    O objetivo deste estudo é analisar as representações sociais do envelhecimento ativo, procurando detetar os impactos das conceções diferenciadas de homens e mulheres idosos. Foi desenvolvido um estudo de coorte transversal. Foram inquiridas 123 pessoas idosas (M=76,84; DP=8,46). Utilizámos para aceder às evocações sobre o envelhecimento ativo a Técnica de Associação Livre de Palavras. As representações que emergiram com maior frequência foram a “família”, “passeio”, “convívio” e “saúde”. Foi possível destacar diferenças na representação social do envelhecimento ativo a partir de um olhar genderizado. Das evocações exclusivas do sexo masculino a evocação proeminente ancora no “desporto”, enquanto no sexo feminino a “atividade doméstica” predomina. Ambos os sexos elegeram a...

  4. O sono em adolescentes portugueses: Proposta de um modelo tridimensional

    Pinto, Teresa Rebelo; Pinto, Joana Carneiro; Pinto, Helena Rebelo; Paiva, Teresa
    O sono é uma necessidade básica que influencia e é simultaneamente influenciada pela diversidade de atividades, papéis e contextos de vida, assumindo particular importância nos adolescentes. Apresenta-se um estudo com 400 alunos do 9º e 11º ano de escolaridade, de duas escolas da região de Lisboa, avaliados através do Questionário Sobre Sono para Adolescentes – QSSA. Os resultados quantitativos da caracterização do sono incidiram sobre hábitos, auto perceções e conhecimentos. Da exploração qualitativa dos fatores invocados por uma subamostra de 100 adolescentes como fundamento das suas auto perceções, emergiram as categorias de qualidade, importância e atitudes. Com base nestes resultados, propõe-se um modelo tridimensional acerca do sono...

  5. Inteligência espiritual: Propriedades psicométricas da escala de inteligência espiritual integrada (EIEI)

    Jorge, Diana Filipa Oliveira; Esgalhado, Graça; Pereira, Henrique Marques
    Amram e Dryer (2008) propõem o construto de Inteligência Espiritual [IE] e defendem a inclusão da mesma na Teoria das Inteligências Múltiplas de Gardner. Os autores apontam 5 dimensões para a IEs: “Consciência”, “Transcendência”, “Graça”, “Verdade” e “Significado” que compõem a Integrated Spiritual Inteligence Scale [ISIS]. A presente investigação visa apresentar os dados preliminares de validação de um novo instrumento para avaliação do conceito de inteligência espiritual, na população portuguesa. Participaram no estudo 714 sujeitos, 257 do sexo masculino e 461 do sexo feminino, com idades compreendidas entre os 14 e os 81 anos. A aplicação dos instrumentos realizou-se online e além da utilização da Escala de...

  6. Avaliação de um programa de promoção de habilidades sociais para idosos

    Carneiro, Rachel Shimba; Falcone, Eliane Falcone
    Evidências na literatura apontam a importância da qualidade nos relacionamentos sociais, mas não fornecem dados suficientes que indiquem como auxiliar os idosos a se tornarem socialmente competentes. O presente estudo pretende avaliar a eficácia de um Programa de Promoção de Habilidades Sociais para Idosos (PHSI). A pesquisa contou com a participação de 40 idosos de uma Universidade da Terceira Idade. O grupo experimental reuniu 20 pessoas com idades que variavam de 62 a 83 anos (M=69,4; DP=6,05) e o grupo controle apresentou 20 idosos com idades que variavam de 60 a 74 anos (M=67,1; DP=4,61). As habilidades sociais foram avaliadas antes e depois da intervenção com follow-up...

  7. Um conceito de reabilitação no sistema judicial

    Silva, Clara Matos
    Aborda-se o conceito de Reabilitação no Sistema Judicial numa perspectiva de potencialização de capacidades pessoais com vista A Integração, sendo o Técnico de ajuda um agente facilitador deste processo. São referidos e caracterizados os programas de «Diversion» existentes em diversos países ao longo das duas últimas décadas e dirigidos a jovens e menores. Estes programas têm um sentido base de reabilitar jovens que cometeram algum delito.

  8. Evaluación de las habilidades sociales de alumnos con deficiencias visuales : Un estudio de investigación

    Verdugo, Mguel Angel; Caballo, Cristina
    Se presenta un estudio de evaluación de las habili - dades sociales de alumnos con deficiencia visual integrados en colegios ordinarios, de edades comprendidas entre 6 y 16 años. La evaluación se realiza a través de un sistema comprensivo y multimodal en el que se utilizan distintas fuentes de evaluación y distintos instrumentos (autoinformes, informes de los padres, informes de los profesores y observación siste - mática en el ambiente natural). Se realiza un estudio de comparación entre un grupo de 29 alumnos con de - ficiencia visual y un grupo de 28 alumnos sin deficiencia. Los resultados indican que los alumnos con deficiencia visual obtienen puntuaciones más bajas en: adecuación de la...

  9. Alexitimia, saúde e doença Estudo exploratório da alexitimia em sujeitos com doença crónica

    Barros, Sara; Lobo, Sofia; Trindade, Isabel; Teixeira, José A. Carvalho
    Utilizando a TAS-20 (Escala de Alexitimia de Toronto de 20 items de Taylor, Bagby, & Parker, 1992) foi realizado um estudo para averiguar a distribuição da alexitimia numa população de 631 doentes crónicos. Aproximadamente 23,4% dos sujeitos apresentavam valores elevados de alexitimia. A alexitimia pareceu correlacionar-se negativamente com o nível de escolaridade. Os valores de alexitimia foram ainda comparados com uma amostra de 100 utentes de Centros de Saúde tendo sido encontrada uma diferença significativa (os doentes crónicos apresentaram valores mais elevados de alexitimia que os utentes de Centros de Saúde). Este estudo discute a alexitimia no campo da psicologia da saúde.

  10. Evaluación y tratamiento del síndrome del suelo pélvico espástico : Un estudio bibliometrico

    Lara, M. J.; Simón, M. A.
    Este trabajo tiene por objeto el análisis de la investigación realizada en los últimos veinte años acerca de la evaluación y tratamiento del síndrome del suelo pélvico espástico. Para alcanzar este objetivo se realizó un estudio bibliométrico de los artículos 303 publicados en las revistas especializadas incluidas en las bases MEDLINE y PSYC-LIT, llevándose a cabo el posterior análisis no sobre los resúmenes, sino sobre la versión íntegra de los trabajos. Una vez efectuada la exploración general de los estudios, se analizaron un total de siete características relevantes: sujetos participantes, técnicas de evaluación utilizadas, diseño experimental, características de la intervención terapéutica (tipo de tratamiento, tratamiento simple «versus» complejo, componentes del tratamiento y duración de la intervención),...

  11. Os Médicos e a SIDA : Estudo exploratório das representações sociais da SIDA entre Clínicos Gerais, Psiquiatras, Infecciologistas, Cirurgiões e Dentistas

    Teixeira, José A. Carvalho; Rasga, Bruno; Antão, Pedro; Costa, Vanda; Flores, Vilma; Marques, Isabel
    As representacões que os médicos têm da SIDA podem ter consequências a 3 níveis: na qualidade dos cuidados de saúde que são prestados a sujeitos seropositivos para o VIH e a doentes com SIDA; no desempenho dos médicos enquanto transmissores de informação e conhecimentos sobre VIWSIDA e técnicos de saúde que influenciam atitudes e comportamentos dos outros; no papel que podem ter na prevenção da disseminação do vírus através da realização de aconselhamento de saúde @ré e pós-teste, por exemplo). Assim, neste artigo os autores apresentam os resultados de um estudo que incidiu sobre uma amostra de 245 médicos, sendo 105 Clínicos GeraidMédicos de Família, 30 Psiquiatras, 25 Infecciologistas, 25 Cirurgiões e 60 Dentistas,...

  12. Suporte social e doença mental

    Ornelas, José H.
    O estudo do Suporte Social aplicado A população doente mental tem demonstrado ter um papel relevante em domínios como a intervenção em situações de crise, socialização e desinstitucionalização. Numa análise global de investigações realizadas neste âmbito, podemos identificar algumas características específicas das redes sociais de suporte nos doentes mentais, como, por exemplo, redes compostas por um número reduzido de pessoas, predominantemente membros da família ou profissionais e com um baixo índice de utilização dos recursos disponíveis. A planificação dos serviços e das intervenções ao nível do suporte social individual tem que ter em conta que existe uma relação significativa entre as redes sociais, os sistemas de suporte e a integração social da população doente mental

  13. Intervención psicológica en adquisición de hábitos de salud bucodental

    RoalesS-Nieto, Jesús Gil
    Este artículo revisa las intervenciones psicológicas diseñadas con el propósito de favorecer la adquisición y el mantenimiento de hábitos de salud bucodental para prevenir la aparición de caries y enfermedad pe - riodontal. Se revisan las intervenciones basadas en un modelo de educación para la salud tradicional y las basadas en un modelo de análisis de la conducta, dis - cutiendo su efectividad comparada. Finalmente, se analizan las razones por las que las intervenciones conductuales, las mas eficaces, fallan en el mantenimiento a largo plazo de los hábitos de salud bucodental y se proponen algunos componentes que debe - rian ser incorporados a los programas para lograr una eficacia a largo plazo.

  14. Stress parental em pais de crianças com obesidade e com doença renal crónica

    Santos, Salomé Vieira; Ataíde, Sofia; João, Paula
    Apresentam-se os resultados decorrentes da aplicação do Índice de Stress Parental (versão portuguesa do Parenting Stress Index de R. Abidin, 1983) a quatro grupos de pais de crianças: com Problemática Emocional (n=15), com Obesidade (n=16), com Doença Renal Crónica (n=16) e Sem Problemas Físicos ou Psicológicos (n=15). Na sequência de um estudo anterior (Santos, 1994), que integrou pais de crianças com outras doenças (Fibrose Quística e Doença Celíaca), pretende-se agora estudar as respostas dadas pelos pais das crianças com Obesidade e com Doença Renal Crónica, comparando-as com as dos outros grupos. Verifica-se que o grupo com Obesidade não se distingue do saudável, enquanto que o grupo com Doença Renal Crónica se diferencia deste no...

  15. Contribuição do estudo das significações sobre saúde e doença para as intervenções em psicologia pediátrica

    Barros, Luísa
    No domínio da Psicologia Pediátrica as metodologias que têm provado maior eficácia são as que valo - rizam as características da compreensão infantil sobre a doença, tanto na elaboração das explicações sobre os procedimentos médicos, como na própria estruturação das metodologias de confronto. Neste trabalho, a autora considera que é necessário alargar esta centração na compreensão da causalidade para um ênfase mais alargado e abrangente nos processos de significação pessoal sobre saúde e doença. O reconhecimento do primado das significações na sua complexidade cognitiva e emocional conduz a definir três linhas de força para a definição das intervenções em Psicologia Pediátrica: I) reconhecimento da importância dos estudos da Psicopatologia do Desenvolvimento sobre o...

  16. Rehabilitación post-infarto de miocardio : Propuesta de un modelo de intervención psicológica

    Bueno, Ana Maria
    RESUMEN: Numerosos estudios epidemiológicos han señalado la importancia de diversas variables psicológicas como factores de riesgo de infarto de miocardio, así como la frecuente presencia de problemas psicológicos en la rehabilitación después de un ataque cardíaco. Sin embargo, a pesar de la importancia de la intervención psi - cológica en este área, los programas terapéuticos tradicionalmente empleados parecen presentar múltiples deficiencias que limitan los resultados obtenidos. Con el fin de superar tales deficiencias, en el presente artículo se propone un modelo de intervención específicamente diseñado para la atención psicológica a los pacientes post-infarto de miocardio. El modelo parte de la consideración del infarto de miocardio como un evento altamente estresante en cuyo manejo el...

  17. Mecanismos de defesa e de coping e níveis de saúde em adultos

    Geada, Manuel
    Partindo da definição de saúde da OMS, procura-se genericamente neste artigo realçar o carácter multidimensional da saúde nas suas vertentes física, psicológica e social, assim como articular os conceitos de saúde e doença. Mais especificamenrte, o estudo pretende investigar empiricamente a possível interacção entre aspectos do funcionamento da personalidade e níveis de saúde, averiguando em que medida os mecanismos de defesa e de coping são preditores eficientes do estado de saúde auto-percepcionado pelo sujeito. Os resultados obtidos com uma amostra de 114 adultos de ambos os sexos com idades compreendidas entre os 19 e os 58 anos, mostraram que enquanto os mecanismos de coping medidos pelo SOC Questionnaire de Antonovsky eram preditores consistentes do estado...

  18. Saúde e desenvolvimento

    Ribeiro, José Luís Pais
    A Saúde é o domínio mais importante na Qualidade de Vida das Pessoas. A investigação mostra que, se uma pessoa levar um Estilo de Vida adequado terá melhor saúde, melhor Qualidade de Vida e viverá mais tempo. A Saúde pode ser conceptualizada de um ponto de vista desenvolvimental, útil para a Psicologia Clínica da Saúde. Propomos três formas em que a saúde pode ser vista numa perspectiva desenvolvimental: a) como as doenças afectam as pessoas ao longo do ciclo de vida, da concepção h morte; b) como é que o funcionamento cognitivo pode influenciar a compreensão da saúde e das doenças; c) justificar como é que a definição da Organização Mundial de Saúde...

  19. Psicologia clínica da saúde

    Ribeiro, José Luís Pais; Leal, Isabel Pereira
    No presente artigo, após explicarmos a evolução da Psicologia Clínica das suas origens até ao presente, defendemos que a Psicologia da Saúde e a Psicologia Clínica atingiram um ponto de fusão que é fruto das mudanças sociais e políticas e, principalmente das mudanças ocorridas no campo específico da saúde. Assim, embora o título profissional do psicólogo que exerce a sua prática no Sistema de Saúde em geral e no de Cuidados de saúde, seja o de Psicólogo Clínico, na realidade o conteúdo das suas funções seria melhor chamado de Psicologia Clínica da Saúde.

  20. Novas e antigas dinâmicas familiares : Influência no bem-estar dos adolescentes e seus cuidadores

    Matos, Margarida Gaspar de; Leandro, Armando; Machado, Maria do Céu; Leal, Isabel Pereira; Vilar, Duarte; Gonçalves, Carlos; Moreno, Mari Carmen; Löhr, Suzane Schmidlin
    Que a família é o primeiro contexto social e tem importância fundamental no desenvolvimento e bem estar das crianças e adolescentes, já está amplamente documentado. Os pais influenciam os filhos, pela herança genética e muito particularmente pela herança comportamental, modelagem e estilo parental. Sabemos que tanto pais negligentes como mais superprotectores , ou ainda pais autoritários, (sem falar de pais abusadores), podem acarretar consequências muito negativas no potencial, no desenvolvimento e no bem estar de crianças e adolescentes. Sabemos que ser pai e mãe é um desafio único pela dificuldade, mas também, em geral, pela gratificação. Não somos ensinados a ser pais e, como dizia Kundera, também neste caso a...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.