Recursos de colección

Repositório do Hospital Prof. Doutor Fernando Fonseca (3.798 recursos)

The Hospital Prof. Dr. Fernando Fonseca E.P.E. (HFF) institutional repository collects, preserves and disseminates the intellectual output of its professionals in digital format. Its aims are to increase the HFF’s investigation visibility and citation impact, to foster scientific communication and to preserve the HFF’s intellectual memory.

Gastroenterologia

Mostrando recursos 1 - 20 de 63

  1. Gastric gastrointestinal stromal tumor presenting with an intraluminal draining abscess and left pleural effusion.

    Cardoso, M; Lourenço, L; Oliveira, AM; Boléo-Tomé, JP; Reis, J
    info:eu-repo/semantics/publishedVersion

  2. Accuracy of Faecal Calprotectin and Neutrophil Gelatinase B-associated Lipocalin in Evaluating Subclinical Inflammation in UlceRaTIVE Colitis-the ACERTIVE study.

    Magro, F; Lopes, S; Coelho, R; Cotter, J; Castro, F; Sousa, H; Salgado, M; Andrade, P; Vieira, A; Figueiredo, P; Caldeira, P; Sousa, A; Duarte, M; Ávila, F; Silva, J; Moleiro, J; Mendes, S; Giestas, S; Ministro, P; Sousa, P; Gonçalves, R; Gonçalves, B; Oliveira, A; Chagas, C; Torres, J; Dias, C; Lopes, J; Borralho, P; Afonso, J; Geboes, K; Carneiro, F; Portuguese IBD Study Group [GEDII].
    BACKGROUND AND AIMS: Mucosal healing and histological remission are different targets for patients with ulcerative colitis, but both rely on an invasive endoscopic procedure. This study aimed to assess faecal calprotectin and neutrophil gelatinase B-associated lipocalin as biomarkers for disease activity in asymptomatic ulcerative colitis patients. METHODS: This was a multicentric cross-sectional study including 371 patients, who were classified according to their endoscopic and histological scores. These results were evaluated alongside the faecal levels of both biomarkers. RESULTS: Macroscopic lesions [i.e. endoscopic Mayo score ≥1] were present in 28% of the patients, and 9% had active disease according to fht Ulcerative Colitis Endoscopic Index of...

  3. Obstipação crónica – Novos agentes farmacológicos

    Martins, I; Figueiredo, L
    A obstipação crónica idiopática (OCI), uma doença frequente no âmbito da gastrenterologia, tem sofrido grandes desenvolvimentos nos últimos anos no que diz respeito à sua abordagem terapêutica. Actualmente, antes da instituição de uma terapêutica em “cascata”, preconiza-se a descontinuação, se possível, de fármacos potencialmente causadores de obstipação. Posteriormente está preconizado o início da utilização de laxantes e, quando necessário, até mesmo associá-los. Na tentativa de uma maior eficácia terapêutica, têm sido desenvolvidos novos fármacos, dos quais destacamos o prucalopride (procinético), a lubiprostona e a linaclotida (agentes secretores). O prucalopride foi aprovado no tratamento da OCI, mas ainda não se encontra disponível em Portugal. A lubiprostona foi aprovada no tratamento da OCI e do...

  4. Acute Hepatitis in the DRESS Syndrome

    Oliveira, AM; Carvalho, R; Martins, A; Reis, J
    Drug reaction with eosinophilia and systemic symptoms (DRESS) syndrome is a severe, idiosyncratic reaction characterized by diffuse maculopapular rash, facial edema, lym- phadenopathy, fever, eosinophilia and/or other leukocyte abnormalities, and involvement of internal organs as liver, kidney, heart and lung. Diagnosing this entity is specifically complicated due to the multiplicity of organs involved. DRESS syndrome must be recognized promptly and the causative drug withdrawn in order to improve patient outcomes. Indeed, it is a potentially life-threatening condition, with a reported mortality between 5 and 20%. We describe a case of a 22-year old woman admitted to our hospital with acute diffuse, pruritic rash associated with crampy abdominal pain, vomiting,...

  5. Isolated Visceral Angioedema Induced by Angiotensin-Converting Enzyme Inhibitor

    Oliveira, AM; Santiago, I; Carvalho, R; Martins, A; Reis, J
    Visceral angioedema is a rare complication of therapy with angiotensin-converting enzyme (ACE) inhibitors. Clinical presentation includes nausea, vomiting, abdominal pain and diarrhea. Early detection of this entity can prevent recurrent episodes and unnecessary invasive procedures, including surgery. This article describes a 46-year-old-woman who presented to the emergency department with abdominal pain, associated with nausea and vomiting. She had been taking ramipril for 15 days. A computed tomography was performed which revealed thickening of a jejunal segment, with submucosal edema. ACE inhibitor-associated angioedema was suspected and the medication was discontinued, with resolution of symptoms in 48 h. After 7 months of follow-up, the patient is asymptomatic. Despite of its rarity, ACE inhibitor-induced...

  6. Granulomatous Cheilitis Associated With Crohn’s Disease

    Oliveira, AM; Martins, M; Martins, A; Deus, JR
    info:eu-repo/semantics/publishedVersion

  7. Ingestão de agentes cáusticos

    Alexandrino, G
    N/A

  8. Próteses metálicas auto-expansíveis na paliação da obstrução gastroduodenal maligna: a experiência de 5 anos de um serviço de gastrenterologia

    Alexandrino, G; Branco, J; Anapaz, V; Oliveira, A; Lourenço, L; Carvalho, R; Horta, D; Reis, J
    Introdução e Objetivos A obstrução gastroduodenal maligna em doentes com tumores avançados causa morbilidade significativa. A colocação de próteses metálicas auto-expansíveis é um procedimento endoscópico paliativo alternativo à cirurgia, eficaz, com baixa taxa de complicações e menor morbilidade associada. O sucesso clínico pode ser avaliado pelo Gastric Outlet Obstruction Score (GOOS) e está descrito como sendo >60%. O objetivo deste trabalho foi avaliar a eficácia do procedimento, a prevalência de reestenose e a sobrevida. Material Estudo retrospetivo em doentes consecutivos com obstrução gastroduodenal maligna submetidos a colocação de prótese metálica auto-expansível não coberta entre Janeiro/2012 e Dezembro/2016. Avaliou-se o sucesso técnico e a sobrevida e considerou-se sucesso clínico se...

  9. Avaliação e comparação dos scores de estratificação de risco na abordagem da hemorragia digestiva alta varicosa e não varicosa

    Alexandrino, G; Branco, J; Carvalho, R; Costa, M; Reis, J
    Introdução e Objetivos Existem vários scores validados para estratificar o risco na hemorragia digestiva alta (HDA). Permanece controverso qual utilizar. O nosso objetivo foi comparar a eficácia de 4 scores à admissão de doentes com HDA: Glasgow Blatchford score (GBS), Rockall à admissão (RA),  AIMS65 e Rockall completo (RC) e calcular os cut-offs que melhor classificam os doentes em risco. Material Estudo retrospetivo em doentes com HDA de Janeiro-Outubro/2015. Endpoints considerados: terapêutica endoscópica, recidiva hemorrágica aos 7 dias e mortalidade aos 30 dias. Considerou-se ainda um endpoint composto que avaliou a necessidade de qualquer intervenção (transfusão, cirurgia, tratamento endoscópico, admissão em UCI). Análise estatística no SPSS versão 24 (AUROC...

  10. Avaliação do impacto do timing da endoscopia na abordagem da hemorragia digestiva alta

    Alexandrino, G; Carvalho, R; Costa, M; Reis, J
    Introdução e Objetivos A hemorragia digestiva alta (HDA) é uma das urgências mais frequentes em Gastrenterologia.  Os autores apresentam um estudo que tem como objetivo avaliar o impacto do timing da endoscopia digestiva alta (EDA) em doentes com HDA. Material Estudo retrospetivo que incluíu os doentes consecutivos admitidos por HDA (presença de hematemeses, vómitos tipo borra de café ou melenas) entre Janeiro e Outubro de 2015. Definiu-se o timing da EDA relativamente ao momento de admissão hospitalar em "very early" (<12 horas), "early" (<24 horas) e "late" (>24 horas). Consideraram-se como endpoints os achados diagnósticos na endoscopia, a realização de terapêutica endoscópica, recidiva hemorrágica aos 7 dias e a mortalidade...

  11. ACG clinical guideline: epidemiology, risk factors, patterns of presentation, diagnosis, and management of colon ischemia (CI)

    Alexandrino, G
    N/A

  12. Encefalopatia hepática

    Alexandrino, G
    N/A

  13. Diagnóstico diferencial de ascite em doente AgHBs positivo: caso clínico

    Alexandrino, G; Cardoso, M; Oliveira, AM; Carvalho, R; Reis, J
    N/A

  14. Diagnóstico diferencial de ascite em doente AgHBs positivo: caso clínico

    Alexandrino, G; Cardoso, M; Oliveira, AM; Carvalho, R; Reis, J
    N/A

  15. Oclusão intestinal: uma causa rara na mulher jovem: caso clínico

    Alexandrino, G; Carvalho, R; Lourenço, L; Sobrinho, C; Horta, D; Reis, J
    N/A

  16. Oclusão intestinal: uma causa rara na mulher jovem: caso clínico

    Alexandrino, G; Carvalho, R; Lourenço, L; Sobrinho, C; Horta, D; Reis, J
    Sexo feminino, 30 anos, sem antecedentes. Recorre à urgência por vómitos, paragem de emissão de gases e fezes, distensão abdominal e dor abdominal difusa tipo cólica. Observação: abdómen distendido, timpanizado, ligeiramente doloroso, sem defesa. PCR 0.51 mg/dL. Radiografia simples abdómen: distensão cólica e stop na transição reto-sigmoideia. TC abdominal: “espessamento parietal concêntrico na transição reto-sigmoideia com dilatação das ansas a montante. Ascite ligeira”. Submetida a laparotomia exploradora constatando-se processo inflamatório peri-uterino com envolvimento da parede anterior do reto. Fez-se resseção anterior do reto com anastomose primária e ileostomia de proteção. Anátomo-patologia: endometriose rectal e nodal, margens cirúrgicas livres. Três meses depois fez...

  17. Uma causa rara de insuficiência hepática aguda fulminante num jovem adulto

    Alexandrino, G; Bernardo, S; Bagulho, L; Marcelino, P; Lopes, V
    N/A

  18. Uma causa rara de insuficiência hepática aguda fulminante num jovem adulto

    Alexandrino, G; Bernardo, S; Bagulho, L; Marcelino, P; Lopes, V
    A existência de alterações ligeiras nas provas hepáticas é uma manifestação comum do golpe de calor. Geralmente, existe uma elevação transitória e assintomática das transaminases. No entanto, formas graves de insuficiência hepática aguda (IHA) são extremamente raras neste contexto. Descreve-se um caro raro de IHA fulminante induzida por golpe de calor. Trata-se de um rapaz de 20 anos, saudável, que colapsou subitamente enquanto realizava exercícios de treino militar. À observação destacava-se temperatura timpânica de 41ºC, hipotensão e GCS 9. A avaliação analítica revelou lesão renal aguda e alterações moderadas das provas hepáticas (ureia 131 mg/dL creatinina 4.52 mg/dL, bilirrubina total 1.9...

  19. Endoscopic Full-thickness Resection (EFTR) for Gastrointestinal Subepithelial Tumors

    Cai, M; Zhou, P; Lourenço, L; Zhang, D
    There has been booming interest in the endoscopic full-thickness resection (EFTR) technique since it was first described. With the advent of improved and more secure endoscopic closure techniques and devices, such as endoscopic suturing devices, endoscopists are empowered to perform more aggressive procedures than ever. This article focuses on the procedural technique and clinical outcomes of EFTR for gastrointestinal subepithelial tumors.

  20. The who-when-why triangle of CAM use among Portuguese IBD patients

    Portela, F; Dias, C; Caldeira, P; Cravo, M; Deus, JR; Gonçalves, R; Lago, P; Morna, H; Peixe, P; Ramos, J; Sousa, H; Tavares, L; Vasconcelos, H; Magro, F; Ministro, P
    The use of complementary and alternative medicines is increasing among chronic patients, particularly those afflicted with inflammatory bowel diseases. AIM: This study aimed to address the prevalence of complementary and alternative medicines use among Portuguese inflammatory bowel diseases' patients. METHODS: Patients were invited to fill an anonymous questionnaire concerning the use of complementary and alternative medicines. RESULTS: Thirty-one per cent of the patients reported having used complementary and alternative medicines in the past, whereas 12% were using them by the time the questionnaire was administered. Fifty-nine per cent of the users did not share this information with their physician, whereas 14% and 8% discontinued their medication...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.