Recursos de colección

Repositório do ISPA Instituto Superior de Psicologia Aplicada (11.586 recursos)

No Repositório do ISPA pode encontrar diversos tipos de documentos, em formato digital, resultantes da produção científica do ISPA designadamente: teses de doutoramento, teses de mestrado, artigos em publicações periódicas nacionais e internacionais, relatórios técnicos, artigos em actas de conferências nacionais e internacionais e capítulos de livros.

Psicologia Educacional

Mostrando recursos 1 - 20 de 554

  1. A implementação da educação sexual na escola: Atitudes dos professores

    Reis, Maria Helena; Vilar, Duarte
    Os objectivos deste estudo focalizaram-se nas atitudes dos professores relativas à educação sexual nas escolas, assim como em perceber o seu grau de conhecimento e conforto ao abordar temas de sexualidade. Procurámos relacionar o grau de religiosidade e os estilos de ensino com essas atitudes. Participaram neste estudo 600 professores dos 2.º, 3.º Ciclos e Secundário. Para responder a estas questões foram utilizados três instrumentos: o Questionário de Avaliação de Atitudes face à Educação Sexual (QAAPES) de Reis e Vilar (2002), a Escala de Religiosidade retirada do Estudo Europeu de Valores (Correia, 2000) e o Teaching Styles Inventory (TSI) de Grasha (1996). Nesta amostra os professores revelaram uma atitude favorável à implementação da educação...

  2. Concepções pessoais de inteligência e auto-estima: Que diferenças entre estudantes portugueses e italianos?

    Faria, Luísa; Pepi, Annamaria; Alesi, Mariana
    Neste artigo apresentam-se alguns dos resultados de um estudo intercultural sobre as concepções pessoais de inteligência e a auto-estima global, comparando alunos de dois níveis de ensino (secundário e superior) de Portugal e de Itália. A amostra total compreende 1540 alunos, 811 italianos e 729 portugueses, de ambos os sexos e de diferentes níveis sócio-económicos, frequentando os 10.º e o 12.º anos do ensino secundário e o 1.º ano de vários cursos universitários em ambos os países. Os instrumentos utilizados foram a Escala de Con- 763 cepções Pessoais de Inteligência (Faria, 2003), com 26 itens, e a Escala de Auto-Estima Global (Rosenberg, 1965), com 10 itens, traduzidas e adaptadas para as versões portuguesa e italiana. Os...

  3. «Ser ou Não Ouvida»: Perceções de Crianças Expostas à Violência Doméstica

    Azevedo, Vera; Sani, Ana Isabel
    Este estudo qualitativo, de caráter exploratório e descritivo, foi realizado junto de crianças vítimas de violência doméstica e teve como objetivo geral compreender como aquelas percecionam o facto de serem ou não ouvidas no âmbito dos processos em que estão envolvidas. A amostra intencional foi composta por dez crianças portuguesas, com idades entre os sete e os 17 anos, de ambos os sexos, que se encontravam acolhidas com as suas mães em casa de abrigo para vítimas de violência doméstica há pelo menos um mês. Os dados foram recolhidos através de entrevista semiestruturada, previamente testada. Da análise do conteúdo das respostas salienta-se a emergência de duas...

  4. «Ser ou Não Ouvida»: Perceções de Crianças Expostas à Violência Doméstica

    Azevedo, Vera; Sani, Ana Isabel
    Este estudo qualitativo, de caráter exploratório e descritivo, foi realizado junto de crianças vítimas de violência doméstica e teve como objetivo geral compreender como aquelas percecionam o facto de serem ou não ouvidas no âmbito dos processos em que estão envolvidas. A amostra intencional foi composta por dez crianças portuguesas, com idades entre os sete e os 17 anos, de ambos os sexos, que se encontravam acolhidas com as suas mães em casa de abrigo para vítimas de violência doméstica há pelo menos um mês. Os dados foram recolhidos através de entrevista semiestruturada, previamente testada. Da análise do conteúdo das respostas salienta-se a emergência de duas...

  5. “To learn, or to be the best?”: Achievement goal profiles in pre-adolescents

    Peixoto, Francisco; Pipa, Joana; Mata, Lourdes; Monteiro, Vera; Sanches, Cristina
    This study aimed to examine the achievement goal orientation profiles of 5th and 7th grade students and the profile differences in academic achievement and anxiety. Participants were 1652 Portuguese students who responded to the Achievement Goals Scale and the Achievement Emotions Questionnaire. Based on a person-centered approach, cluster analysis identified six groups of students with distinct motivational profiles: task oriented, ego oriented, success oriented, disengaged, selfdefeating oriented and diffuse. The largest number of participants were in the diffuse oriented group. In terms of the gender composition of clusters, differences manifested in the groups of disengaged and self-defeating orientations, with boys predominating in the former and girls in...

  6. “To learn, or to be the best?”: Achievement goal profiles in pre-adolescents

    Peixoto, Francisco; Pipa, Joana; Mata, Lourdes; Monteiro, Vera; Sanches, Cristina
    This study aimed to examine the achievement goal orientation profiles of 5th and 7th grade students and the profile differences in academic achievement and anxiety. Participants were 1652 Portuguese students who responded to the Achievement Goals Scale and the Achievement Emotions Questionnaire. Based on a person-centered approach, cluster analysis identified six groups of students with distinct motivational profiles: task oriented, ego oriented, success oriented, disengaged, selfdefeating oriented and diffuse. The largest number of participants were in the diffuse oriented group. In terms of the gender composition of clusters, differences manifested in the groups of disengaged and self-defeating orientations, with boys predominating in the former and girls in...

  7. Father’s involvement and parenting styles in Portuguese families. The role of education and working hours

    Monteiro, Lígia; Fernandes, Marília; Torres, Nuno; Santos, Carolina
    Early studies on fathers focused mainly on their presence in or absence from children’s lives, and the amount of time they spent with them. More recently, several authors have stated the importance of understanding the quality of father involvement to comprehend fully its impact on child development. However, studies have also reported that socio-demographic variables, namely, father educational levels and employment status affect parenting and children outcomes. The aims of this study were to analyze a sample of 465 Portuguese two-parent families with pre-school age children, looking for associations between father involvement in care/socialization activities and paternal parenting styles while testing for the moderating effect of father...

  8. Father’s involvement and parenting styles in Portuguese families. The role of education and working hours

    Monteiro, Lígia; Fernandes, Marília; Torres, Nuno; Santos, Carolina
    Early studies on fathers focused mainly on their presence in or absence from children’s lives, and the amount of time they spent with them. More recently, several authors have stated the importance of understanding the quality of father involvement to comprehend fully its impact on child development. However, studies have also reported that socio-demographic variables, namely, father educational levels and employment status affect parenting and children outcomes. The aims of this study were to analyze a sample of 465 Portuguese two-parent families with pre-school age children, looking for associations between father involvement in care/socialization activities and paternal parenting styles while testing for the moderating effect of father...

  9. Enhancing student persistence: Lessons learned in the United States

    Tinto, Vincent
    Thirty years of experience in trying to enhance student persistence in the United States has taught us some important lessons as to the essential features of success policies and practices. Among other things, we have learned that successful efforts require that universities do more than simply add-on services. They must establish conditions within universities that enable students to find academic and social support, obtain feedback about their work, and become actively involved with other students. No where is that involvement more important than in the classrooms and laboratories of the universities, the one place, perhaps only place, where students meet each other and engage with faculty in learning. An increasingly popular strategy that promotes...

  10. Enhancing student persistence: Lessons learned in the United States

    Tinto, Vincent
    Thirty years of experience in trying to enhance student persistence in the United States has taught us some important lessons as to the essential features of success policies and practices. Among other things, we have learned that successful efforts require that universities do more than simply add-on services. They must establish conditions within universities that enable students to find academic and social support, obtain feedback about their work, and become actively involved with other students. No where is that involvement more important than in the classrooms and laboratories of the universities, the one place, perhaps only place, where students meet each other and engage with faculty in learning. An increasingly popular strategy that promotes...

  11. Aconselhamento psicológico a jovens do Ensino Superior: Uma abordagem psicodinâmica e desenvolvimentista

    Dias, Graça Figueiredo
    Neste artigo propomo-nos explanar um modelo teórico do desenvolvimento psicológico, que consideramos permitir compreender a maioria das dificuldades que os jovens do Ensino Superior trazem para o aconselhamento, e um modelo de intervenção no aconselhamento individual dele resultante. O modelo teórico surgiu ele próprio de um vaivém dialéctico entre a prática clínica e a reflexão sobre essa prática, à luz dos modelos do desenvolvimento de vários autores psicodinâmicos. Reflexão que nos permitiu encontrar comunalidades e complementaridades entre esses modelos, apesar da utilização de terminologias diferentes pelos seus autores. O modelo teórico elaborado serviu de quadro de leitura a uma investigação empírica que permitiu consubstanciar a sua pertinência. A partir deste modelo propõe-se um modelo de...

  12. Aconselhamento psicológico a jovens do Ensino Superior: Uma abordagem psicodinâmica e desenvolvimentista

    Dias, Graça Figueiredo
    Neste artigo propomo-nos explanar um modelo teórico do desenvolvimento psicológico, que consideramos permitir compreender a maioria das dificuldades que os jovens do Ensino Superior trazem para o aconselhamento, e um modelo de intervenção no aconselhamento individual dele resultante. O modelo teórico surgiu ele próprio de um vaivém dialéctico entre a prática clínica e a reflexão sobre essa prática, à luz dos modelos do desenvolvimento de vários autores psicodinâmicos. Reflexão que nos permitiu encontrar comunalidades e complementaridades entre esses modelos, apesar da utilização de terminologias diferentes pelos seus autores. O modelo teórico elaborado serviu de quadro de leitura a uma investigação empírica que permitiu consubstanciar a sua pertinência. A partir deste modelo propõe-se um modelo de...

  13. Sucesso e desenvolvimento psicológico no ensino superior: Estratégias de intervenção

    Pereira, Anabela M. S.; Motta, Elisa Decq; Vaz, António Luzio; Pinto, Carolina; Bernardino, Olga; Melo, Ana Carvalhal de; Ferreira, Joana; Rodrigues, Maria João; Medeiros, Augusto; Lopes, Pedro Nuno
    O insucesso escolar destaca-se, actualmente, como uma das grandes preocupações em todas as reflexões sobre o Ensino Superior, situação que tem conduzido ao desenvolvimento de estratégias para intervir ao nível do combate a este fenómeno. O presente trabalho tem como objectivo apresentar um programa de intervenção interdisciplinar ao nível da promoção do sucesso académico, aliando apoio psicológico, suporte social e promoção de estilos de vida saudável, concretizado no desenvolvimento do modelo do GAP-SASUC. Tendo por base as quatro áreas de intervenção que suportam o modelo (Consultas de Psicologia, Apoio de Alunos por Alunos, Serviço Social e Investigação), são apresentados os resultados referentes à identificação das necessidades e problemas dos estudantes do Ensino Superior, às estratégias...

  14. Sucesso e desenvolvimento psicológico no ensino superior: Estratégias de intervenção

    Pereira, Anabela M. S.; Motta, Elisa Decq; Vaz, António Luzio; Pinto, Carolina; Bernardino, Olga; Melo, Ana Carvalhal de; Ferreira, Joana; Rodrigues, Maria João; Medeiros, Augusto; Lopes, Pedro Nuno
    O insucesso escolar destaca-se, actualmente, como uma das grandes preocupações em todas as reflexões sobre o Ensino Superior, situação que tem conduzido ao desenvolvimento de estratégias para intervir ao nível do combate a este fenómeno. O presente trabalho tem como objectivo apresentar um programa de intervenção interdisciplinar ao nível da promoção do sucesso académico, aliando apoio psicológico, suporte social e promoção de estilos de vida saudável, concretizado no desenvolvimento do modelo do GAP-SASUC. Tendo por base as quatro áreas de intervenção que suportam o modelo (Consultas de Psicologia, Apoio de Alunos por Alunos, Serviço Social e Investigação), são apresentados os resultados referentes à identificação das necessidades e problemas dos estudantes do Ensino Superior, às estratégias...

  15. Estratégias de promoção do sucesso académico: Uma intervenção em contexto curricular

    Tavares, José; Pereira, Anabela; Gomes, Ana A.; Cabral, Ana Paula; Fernandes, Cláudia; Huet, Isabel; Bessa, José; Carvalho, Rita; Monteiro, Sara
    Apresentamos uma intervenção curricular, na Universidade de Aveiro, no âmbito de uma disciplina de opção livre, denominada Estratégias de Promoção do Sucesso Académico no Ensino Superior (E.P.S.A.E.S.). Discutimos os princípios orientadores, concepção, estruturação, execução e avaliação desta disciplina que entrou em funcionamento no ano lectivo de 2004/05. Os seus conteúdos foram organizados em módulos decorrentes de investigações realizadas em projectos de doutoramento. A interacção entre alunos e equipa docente e de investigação foi feita mediante sessões presenciais e através de uma plataforma de e-learning (Blackboard). Realçamos a pertinência da escolha dos conceitos que estiveram na base da nomenclatura da disciplina e apresentamos a estruturação e implementação da sua primeira edição. Descrevemos os seus cinco módulos...

  16. Estratégias de promoção do sucesso académico: Uma intervenção em contexto curricular

    Tavares, José; Pereira, Anabela; Gomes, Ana A.; Cabral, Ana Paula; Fernandes, Cláudia; Huet, Isabel; Bessa, José; Carvalho, Rita; Monteiro, Sara
    Apresentamos uma intervenção curricular, na Universidade de Aveiro, no âmbito de uma disciplina de opção livre, denominada Estratégias de Promoção do Sucesso Académico no Ensino Superior (E.P.S.A.E.S.). Discutimos os princípios orientadores, concepção, estruturação, execução e avaliação desta disciplina que entrou em funcionamento no ano lectivo de 2004/05. Os seus conteúdos foram organizados em módulos decorrentes de investigações realizadas em projectos de doutoramento. A interacção entre alunos e equipa docente e de investigação foi feita mediante sessões presenciais e através de uma plataforma de e-learning (Blackboard). Realçamos a pertinência da escolha dos conceitos que estiveram na base da nomenclatura da disciplina e apresentamos a estruturação e implementação da sua primeira edição. Descrevemos os seus cinco módulos...

  17. Vivências e percepções do estágio pedagógico: Contributos para a compreensão da vertente fenomenológica do “Tornar-se professor”

    Caires, Susana
    Correspondendo o estágio pedagógico ao último ano do curso de formação inicial de professores, e ao momento em que os candidatos a professores se estreiam na profissão, são múltiplos os desafios e tarefas desenvolvimentais associados a esta etapa. Deste, decorre um conjunto de cognições e afectos cuja diversidade, riqueza e intensidade, fazem do estágio um momento marcante do percurso destes jovens, com um significativo impacto no seu processo de capacitação e integração pessoal e profissional no mundo da docência e no mundo adulto. No presente trabalho é explorada a dimensão fenomenológica deste “Tornar-se professor”, dando-se a conhecer as vivências e percepções de um grupo de 229 professores-estagiários da Universidade do Minho relativamente a algumas...

  18. Vivências e percepções do estágio pedagógico: Contributos para a compreensão da vertente fenomenológica do “Tornar-se professor”

    Caires, Susana
    Correspondendo o estágio pedagógico ao último ano do curso de formação inicial de professores, e ao momento em que os candidatos a professores se estreiam na profissão, são múltiplos os desafios e tarefas desenvolvimentais associados a esta etapa. Deste, decorre um conjunto de cognições e afectos cuja diversidade, riqueza e intensidade, fazem do estágio um momento marcante do percurso destes jovens, com um significativo impacto no seu processo de capacitação e integração pessoal e profissional no mundo da docência e no mundo adulto. No presente trabalho é explorada a dimensão fenomenológica deste “Tornar-se professor”, dando-se a conhecer as vivências e percepções de um grupo de 229 professores-estagiários da Universidade do Minho relativamente a algumas...

  19. A importância da afectividade na aprendizagem da matemática em contexto escolar: Um estudo de caso com alunos do 8.º ano

    Neves, Maria do Carmo; Carvalho, Carolina Fernandes de
    Este artigo foi escrito tendo como base uma investigação realizada na sala de aula, numa escola de Lisboa, a uma turma de 8.º ano, na disciplina de Matemática. A metodologia foi qualitativa de tipo naturalista com abordagem descritiva e interpretativa. Os métodos de recolha de dados foram: observação presencial e gravação vídeo de algumas aulas; análise das respostas dos alunos a três questionários e entrevistas semi-estruturadas. Estabeleceram- se as seguintes questões de investigação: (a) Qual a relação entre dimensão afectiva e Matemática?; (b) Que elementos sustentam essa relação?; (c) Que relação existe entre a atitude dos alunos nas aulas e as suas aprendizagens em Matemática? e (d) Como envolver os alunos, emocionalmente,...

  20. A importância da afectividade na aprendizagem da matemática em contexto escolar: Um estudo de caso com alunos do 8.º ano

    Neves, Maria do Carmo; Carvalho, Carolina Fernandes de
    Este artigo foi escrito tendo como base uma investigação realizada na sala de aula, numa escola de Lisboa, a uma turma de 8.º ano, na disciplina de Matemática. A metodologia foi qualitativa de tipo naturalista com abordagem descritiva e interpretativa. Os métodos de recolha de dados foram: observação presencial e gravação vídeo de algumas aulas; análise das respostas dos alunos a três questionários e entrevistas semi-estruturadas. Estabeleceram- se as seguintes questões de investigação: (a) Qual a relação entre dimensão afectiva e Matemática?; (b) Que elementos sustentam essa relação?; (c) Que relação existe entre a atitude dos alunos nas aulas e as suas aprendizagens em Matemática? e (d) Como envolver os alunos, emocionalmente,...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.