Recursos de colección

Repositório Comum (25.459 recursos)

É um repositório para instituições de ensino e investigação produtoras de literatura científica cuja dimensão ainda não justifica a criação de um repositório próprio. Permite integrar instituições, grupos ou indivíduos na infra-estrutura do projecto, nomeadamente através das pesquisas do Portal RCAAP e da B-On.

Mostrando recursos 1 - 20 de 125

  1. Literatura como ponto de partida para o desenvolvimento das exoressões integradas em pré-escolar

    Cruz, Andreia
    Este trabalho consiste num relatório prático do ensino supervisionado e procura descrever e interpretar práticas pedagógicas na área de expressão e comunicação, tanto no domínio da linguagem oral como na abordagem à escrita. A opção metodológica dá ênfase às práticas observadas e vivenciadas no estágio e aplica sobre estas algumas categorias de análise, advindas da literatura utilizada nas Orientações Curriculares do Ministério da Educação. O enquadramento teórico revela, de modo mais aprofundado, as propostas de intervenção pedagógicas utilizadas nas orientações curriculares. As práticas derivadas das teorias que concebem a criança no centro de processo educativo confrontam-se com as práticas observadas e possíveis e estas tornam-se uma referência de intervenção pedagógica...

  2. Os contos populares de outras culturas na educação ambiental

    Henriques, Cecília
    No âmbito da Prática de Ensino Supervisionada em Educação Pré-Escolar, pretendeu-se perceber o modo como os contos populares de outras culturas se podem inserir na educação ambiental e explorar formas de abordá-los que sejam promotoras do interesse e do questionamento das crianças na primeira fase de um trabalho pela metodologia de projeto. Investigaram-se estas questões através de uma revisão de literatura científica e da elaboração, concretização e análise de um plano de ação pedagógica, sob a lente de investigação qualitativa e interpretativa, recorrendo-se à observação participante e à redação de notas de campo como instrumentos de recolha e análise de dados. Este plano destinou-se a apresentar, em duas...

  3. Aprender de forma lúdica no 1.º ano do 1.º Ciclo do Ensino Básico

    Máximo, Inês
    Este relatório inclui a análise do tema “Aprender de forma lúdica no 1.º ano do 1.º Ciclo do Ensino Básico”, um estudo circunscrito, em contexto do ensino de 1.º ano do Ensino Básico do 1.º Ciclo. A escolha do tema “Aprender de forma lúdica no 1.º ano do 1.º Ciclo do Ensino Básico” deve-se ao interesse em apresentar a ludicidade como forma de aprendizagem junto de crianças de pouca idade. Para tal, foi utilizada uma metodologia qualitativa de natureza descritiva e de análise bibliográfica sobre o tema de estudo. O local de estágio, situado numa escola de 1.º Ciclo na Área Metropolitana de Lisboa, forneceu um conjunto de informações...

  4. O jogo simbólico em contexto educativo numa sala de creche com crianças dos 2 aos 3 anos

    Cupido, Elisabete
    O presente relatório tem como intuito apresentar um tema de investigação, estudo e prática pedagógica. O tema aborda o jogo simbólico em contexto educativo numa sala de creche com crianças dos dois aos três anos, demonstrando a forma como contribui para o desenvolvimento das suas competências pessoais e sociais, da linguagem e da imaginação. Este trabalho foi desenvolvido numa Instituição Particular de Solidariedade Social de cariz católico, na cidade de Lisboa, com um grupo de crianças com o qual estive a estagiar na valência de creche. Através de actividades planeadas e orientadas (tais como contar/dramatizar histórias, dança criativa, jogos de faz-de-conta, histórias e elaboração de fantoches) e...

  5. Brincar: como, quando, com o quê? Como tornar o brincar da criança a sua atividade mais séria.

    Ramalhete, Sara
    Este relatório teve por base o trabalho desenvolvido ao longo da Prática de Ensino Supervisionada, realizado com um grupo de onze crianças em valência de creche, numa sala com crianças dos 12 aos 24 meses de idade, numa instituição de índole particular. Este estudo teve como objetivo perceber a importância do brincar na 1ª infância, que aprendizagens pode o adulto reconhecer na brincadeira da criança, o que usa para brincar quando brinca livremente e qual o papel do educador com a criança que brinca. Os autores escolhidos para fazer a revisão de literatura foram, nomeadamente, Piaget, Portugal, Ferland e Azevedo. Este estudo está focado nas brincadeiras espontâneas das...

  6. O professor e a pedagogia participativa como promotores de uma educação assente em valores, no 1.º Ciclo do Ensino Básico

    Carvalho, Maria
    O presente relatório, na sua elaboração, teve como problema central uma intervenção pedagógica baseada na pedagogia participativa e nas competências do professor, perspetivando uma educação assente em valores. A prática valorizou a simbiose entre conteúdos e valores assim como a descoberta pelas crianças do benefício de comportamentos alicerçados em valores. Esta ação educativa foi desenvolvida numa turma de segundo ano, com vinte e seis crianças, em colaboração com a Professora cooperante, constituindo a base de dados, recolhidos através de uma amostragem não representativa. Pretendeu-se que a pesquisa bibliográfica pudesse ser diversificada em autores e fontes originais de referência, com obras alusivas ao tema. Na fundamentação procurou-se compreender os conceitos...

  7. Como o brincar da criança pode reflectir a importância que o Educador atribui às histórias

    Rodrigues, Filipa
    O presente estudo, de natureza qualitativa, surge ao verificar o gosto que as crianças, logo na 1ª infância, têm ao ouvir uma história e como a acção do educador nesse contar se reflecte no seu brincar. O questionamento sobre a importância que o educador atribui às histórias e ao modo como as contas de forma a tornarem-se um fator de aprendizagem para crianças de 18 a 24meses de idade motivou as perguntas de investigação. Os dados foram recolhidos na creche onde decorreu o estágio final. Os dados que constam deste trabalho, registados sob a forma de notas de campo, foram analisados e interpretados com sustentação de uma fundamentação teórica...

  8. A aprendizagem cooperativa como estratégia de intervenção em indisciplina na sala de aula

    Almeida, Carla
    O presente relatório da Prática de Ensino Supervisionada (PES), no âmbito do Mestrado em Educação Pré Escolar e Ensino do 1.º Ciclo do Ensino Básico, surge da observação e da prática pedagógica desenvolvida no contexto da PES, numa turma do 4.º ano do 1.º ciclo do Ensino Básico, da rede pública de educação da cidade de Lisboa. O estudo desenvolvido procura investigar e refletir sobre as potencialidades da aprendizagem cooperativa como estratégia de intervenção em indisciplina na sala de aula. Assim sendo, foram refletidos e aprofundados conceitos como: a indisciplina na sala de aula, relação pedagógica e gestão de qualidade de sala de aula, salientando-se as perspetivas preconizadas...

  9. Desenvolvimento da oralidade e da linguagem no Ensino Básico: uma experiência no 1º ano do 1º CEB

    Trindade, Carla
    O presente Relatório Final, intitulado Desenvolvimento da Oralidade e da Linguagem no Ensino Básico: Uma experiência no 1ºano do 1ºCEB está associada à unidade curricular, P.E.S. - Prática de Ensino Supervisionada do curso de Mestrado em Educação Pré-escolar e 1º Ciclo do ensino Básico. A temática selecionada foca o desenvolvimento da oralidade em contexto de sala de aula colocando em prática atividades com o objetivo de promover e colmatar as fragilidades observadas. Com esta finalidade, fundamento teoricamente este trabalho com a revisão de literatura acerca do objeto de estudo: a compreensão e a produção oral, elementos impulsionadores de um maior sucesso nos atos de ensino e aprendizagem. As metodologias...

  10. Como pode o educador, promover uma introdução às ciências e iniciar uma consciência ecológica?

    Rocha, Arizlaine
    O presente relatório enquadra-se no âmbito do mestrado em Educação Préescolar para a profissionalização do docente e visa apresentar um estudo sobre a problemática do meio ambiente como recurso educativo no processo do desenvolvimento de competências ao nível do pré-escolar. A problemática escolhida visa a exploração de histórias infantis e dos elementos da natureza para a aprendizagem das ciências e simultaneamente sensibilizar as crianças para uma consciência mais ecológica. A partir de uma proposta de atividades, pretende-se contribuir para a reflexão de estratégias de ensino que proporcionem às crianças aprendizagens significativas e diferenciadas com os elementos que a natureza oferece, de modo divertido e lúdico. Com esta abordagem pretende-se fomentar nas...

  11. A criança um Ser social: o Jardim de Infância promotor da socialização

    Velez, Ana Patrícia
    O presente Relatório Final surge depois de uma Prática Ensino Supervisionada realizada numa sala de Jardim de Infância com crianças entre os 3 e os 4 anos. O tema escolhido visa compreender a criança como Ser Social. Este objeto de estudo surgiu no contexto do estágio, visto que as crianças demonstravam comportamentos face aos outros que não eram os ideais para uma boa socialização. Assim sendo, com este relatório tento compreender que de forma o Jardim de Infância e um bom ambiente educativo podem ser promotores e ajudar à criação de boas bases de socialização para as crianças. Para que este Relatório pudesse ser realizado, existiu uma...

  12. Materiais manipuláveis no processo de ensino/aprendizagem da matemática no 1ºCEB

    Silva, Ana Mafalda
    O presente Relatório Final foi desenvolvido no âmbito do Mestrado em Educação Pré- Escolar e Ensino do 1º CEB e procura refletir sobre a minha Prática do Ensino Supervisionada (PES) no 1º Ciclo do Ensino Básico realizada numa instituição da rede pública nos subúrbios de Lisboa. Este relatório tem como objeto de estudo a importância dos materiais manipuláveis em sala de aula do 1º Ciclo, no que toca ao ensino da matemática bem como ao papel do professor na mediação destes materiais. Depois de uma leitura cuidada a autores de referência, foram explicadas e refletidas as atividades e práticas por mim realizadas no contexto de sala de aula,...

  13. Aprendizagem das ciências através do ensino experimental no pré-escolar

    Agostinho, Ana Isabel
    O conhecimento do mundo é uma parte importante na formação do individuo. Através desta formação conhecemos o mundo que nos rodeia. Assim, este projeto tem como principal objetivo compreender a importância e a necessidade do ensino experimental das ciências no pré-escolar. O presente trabalho decorreu no âmbito da unidade curricular de Investigação em educação, inserida no mestrado em educação pré-escolar. Para a realização deste estudo tive como participantes um grupo de pré- escolar, com idades entre os 4 e 6 anos. Com este trabalho pretendo dar resposta a utilização do ensino experimental na área das ciências. O estudo que aqui se apresenta tem como base uma abordagem qualitativa,...

  14. A descoberta de lugares na natureza. Experiências significativas

    Nascimento, Salomé

  15. Brincar: não é só uma forma de passar o tempo

    Soares, Rita

  16. A consciência do corpo. Um facto inserido no mundo. A importância da fotografia

    Cavaco, Joana

  17. O "Clima" educativo no jardim de infância

    Correia, Brenda
    Este estudo analisou a atuação dos adultos no âmbito das relações interpessoais, nomeadamente, entre si no contexto de jardim-de-infância, evidenciando a relevância que o clima exerce na vida organizacional, de forma a contribuir para o seu conhecimento e permitir atuar sobre o mesmo. Inevitavelmente, a relação com o outro está presente desde que somos gerados e ao longo de toda a nossa vida, assim sendo, é importante que os relacionamentos sejam harmoniosos, contributivos, espontâneos, geradores de satisfação e progressos em qualquer contexto, neste caso, em específico na instituição escolar e na relação adulto-adulto que por sua vez tem influência na relação adulto-criança. Segundo Fernando Nogueira Dias, “ [pode depreender-se a...

  18. A importância dos trabalhos para casa no 1º ano do 1ºCEB

    Figueiredo, Elsa

  19. Fatores que influenciam a relação entre pares

    Matos, Sara

  20. Contar o projeto "A rua do Colégio" em contexto de 1º Ciclo

    Silva, Ana Rita

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.