Recursos de colección

Repositório Institucional da Fundação João Pinheiro (2.243 recursos)

This institutional repository provides open access to scientific to the research out put of the João Pinheiro Foundation. The RI-FJP aims to collect, store, organize, preserve and disseminate scientific information produced by researchers at the institution published in book chapters, journal articles, presentations at events, theses and dissertations, technical report and others.The interface can be read in English, Portuguese and Spanish.

Centro de Estatística e Informações (CEI)

Mostrando recursos 1 - 20 de 52

  1. Vidas privadas em espa??os p??blicos: o caso dos censos da popula????o de rua em belo horizonte conceitos e exclus??o

    Machado, Sulamita Crespo Carrilho; Ferreira, Frederico Poley Martins
    O artigo tem como objetivo discutir o conceito de popula????o de rua, incluindo fatores que podem ser determinantes para a explica????o da forma????o e varia????o deste grupo social. Tamb??m se pretende abordar algumas das principais dificuldades relacionadas ?? mensura????o e ?? realiza????o de pesquisas censit??rias voltadas para esta popula????o, que em ??ltima an??lise n??o habitam domic??lios. Para isto, parte-se das experi??ncias do munic??pio de Belo Horizonte, onde foram realizados dois Censos, um em 1998 e outro em 2005. Nestes trabalhos, foram desenvolvidos e aperfei??oados conceitos e t??cnicas para a mensura????o da popula????o em situa????o de rua no munic??pio, sendo que,...

  2. Institui????es de longa perman??ncia para idosos: um estudo sobre a necessidade de vagas

    Camargos, Mirela Castro Santos
    Trata-se de notas de pesquisa acerca do aumento da participa????o relativa dos idosos na popula????o e, por essa raz??o, a necessidade de atendimento de novos tipos de demandase, com isso, a cria????o de vagas em determinados servi??os p??blicos.

  3. Crian??as e adolescentes em abrigos: uma regionaliza????o para Minas Gerais

    Ferreira, Frederico Poley Martins
    No Brasil, as crian??as abrigadas est??o entre os segmentos mais vulner??veis da popula????o. Uma pesquisa realizada em Minas Gerais, junto a todas institui????es que prestam servi??os de acolhimento no estado, permitiu identificar uma s??rie de caracter??sticas desses jovens e tamb??m dos locais para onde foram encaminhadas. Nesse trabalho, procurou-se identificar e classificar os principais motivos de encaminhamento. Essas causas foram mapeadas, permitindo constatar distintas concentra????es relativas nas v??rias regi??es do estado. Foram elaboradas algumas hip??teses explicativas para a ocorr??ncia dessas concentra????es.

  4. Mudan??as organizacionais na implementa????o do policiamento comunit??rio

    Marinho, Karina Rabelo Leite
    Discute as implica????es, de natureza organizacional, do processo de mudan??a do modelo convencional, profissional-burocr??tico de policiamento, para o modelo, hoje t??o difundido, de policiamento comunit??rio. Demonstra que a transi????o de uma estrat??gia organizacional para outra implica mudan??as significativas na estrutura e car??ter da organiza????o, com altos custos para a estabilidade organizacional. Foi feita uma discuss??o de natureza te??rica sobre tens??es estruturais entre modelos organizacionais distintos, buscando, oportunamente, ilustrar esta discuss??o com exemplos que sirvam como evid??ncias emp??ricas do argumento apresentado. Delineou-se, com o aux??lio da teoria das organiza????es, quais foram as altera????es relacionadas ao processo de implementa????o de tais mudan??as,...

  5. Avalia????o do Sistema de Informa????o sobre Nascidos Vivos ??? SINASC, Minas Gerais e Mesorregi??es, 2000

    Souza, Luiza Marilac de
    O objetivo principal desta disserta????o consistiu em estimar o grau de cobertura do SINASC (Sistema de Informa????es de Nascidos Vivos) para o estado de Minas Gerais e suas mesorregi??es permitindo, assim, que se pudesse conhecer a efic??cia do sistema em obter o real volume de nascimentos. O objetivo secund??rio foi avaliar aspectos relacionados ?? qualidade de algumas informa????es selecionadas preenchidas na Declara????o de Nascido Vivo (DN). Os dados utilizados foram os dados do SINASC de 1999 e 2000 e os do Censo Demogr??fico de 2000. Para avaliar o grau de cobertura, comparou-se o volume de nascimentos coletados pelo SINASC com os volume de nascimentos...

  6. Desigualdade de rendimentos e discrimina????o por g??nero no Brasil em 1999

    Santos, Renato Vale
    Esta disserta????o tem por objetivo estudar as diferen??as de rendimentos por g??nero no mercado de trabalho brasileiro em 1999. Especificamente, procuramos estudar e mensurar a discrimina????o e a exist??ncia do fen??meno glass ceiling, que representa uma barreira invis??vel no crescimento dos rendimentos das mulheres em rela????o aos homens nos quantis mais elevados da distribui????o de rendimentos. Utilizamos a metodologia de Machado e Mata (2004), que consiste na estima????o da distribui????o marginal de rendimentos consistente com a distribui????o condicional estimada pelo m??todo de regress??o quant??lica. Est?? t??cnica possibilita averiguar o impacto de cada covari??vel e sua respectiva contribui????o na diferen??a de...

  7. A distribui????o de hortifrutigranjeiros: estudo explorat??rio de alguns produtos comercializados nas centrais de abastecimento de Minas Gerais (CEASA-MG)

    Oleto, Ronaldo Ronan
    Na sequ??ncia da disserta????o h?? a descri????o da CEASA-MG (Capitulo 2) com sua estatut??ria, seus agentes de com??rcio, dimens??es f??sicas, volume de neg??cios, fun????es mercadol??gicas e sua base de dados. No Capitulo 3 faz-se uma resenha do marco te??rico para as fun????es e a????es do intermedi??rio e do canal de distribui????o. No Capitulo seguinte discute-se a forma????o de pre??os atrav??s do registro dos principais modelos da teoria dos pre??os, abordando a procura e a oferta na concorr??ncia pura, os conceitos de receitas e custos (m??dio, marginal e total), al??m da abordagem sobre a forma????o e administra????o de pre??os. No capitulo...

  8. A escolha por localiza????o dos domic??lios com idosos: o caso do munic??pio de Belo Horizonte

    Ferreira, Frederico Poley Martins
    O artigo tem como objetivo analisar as escolhas por localiza????o, entre as nove Administra????es Regionais que comp??em o Munic??pio de Belo Horizonte, dos domic??lios habitados por pelo menos uma pessoa com mais de 60 anos. Para a determina????o das categorias domiciliares utilizou-se o conceito de Unidades Domiciliares M??nimas (UDM) desenvolvido por Ermisch e Overton. Foi aplicado o modelo de escolhas discretas, que permite o c??lculo de probabilidades de escolha a partir dos diferentes atributos apresentados pelas regi??es. A escolha racional do consumidor ?? a base te??rica que subsidia a elabora????o do modelo.

  9. Fatores associados ?? inseguran??a alimentar nos domic??lios da Regi??o Nordeste do Brasil, 2004

    Souza, Luiza de Marilac de
    Inseguran??a alimentar pode ser definida como a limita????o ou a incerteza de se ter acesso a alimentos adequados, em qualidade e quantidade suficientes, sem que essa restri????o possa, necessariamente, afetar as condi????es biol??gicas dos indiv??duos. Neste trabalho, o objetivo central ?? investigar quais os principais fatores associados ?? inseguran??a alimentar e ?? inseguran??a alimentar com fome, tendo como universo de an??lise a Regi??o Nordeste. Os dados utilizados foram provenientes da PNAD 2004, representativos de uma popula????o composta de 12.531.052 domic??lios. Utilizou-se a regress??o log??stica de resposta bin??ria para avaliar os fatores associados ?? inseguran??a alimentar e ?? inseguran??a alimentar com fome....

  10. Informal mechanisms for risk-spreading in low-income rural credit markets

    Leal Filho, Raimundo de Souza
    Varia????es comportamentais entre propriet??rios rurais diferem de acordo com suas prefer??ncias individuais. Num contexto onde a cobertura na contrata????o de seguro depende da distribui????o da riqueza, n??s recuperamos de literatura selecionada o que poderia ser esperado, entre pequenos propriet??rios rurais com baixa renda, do papel desempenhado por mercados de cr??dito informais como um mecanismo para prote????o contra riscos estoc??sticos.

  11. An??lise da avalia????o da alfabetiza????o de Minas Gerais: evolu????o e desigualdade

    Riani, Juliana de Lucena Ruas
    Esse trabalho analisou os resultados do Programa de Avalia????o da Alfabetiza????o nos anos de 2006 e 2010 e a evolu????o das desigualdades regionais entre escolas e entre os alunos da rede p??blica de Minas Gerais. Seus resultados indicam que no per??odo estudado os alunos aumentaram consideravelmente sua alfabetiza????o. Por??m esse resultado representa uma m??dia das profici??ncias dos estudantes e n??o leva em conta como estes se distribuem, deixando de lado, portanto, as desigualdades entre as regi??es, as escolas e os pr??prios alunos. Com o objetivo de apontar tais diferen??as, este trabalho analisou a evolu????o dos n??veis de profici??ncia entre as...

  12. As pequenas cidades e sua import??ncia para o Brasil atual

    Ferreira, Frederico Poley Martins
    Nos estudos j?? realizados sobre urbaniza????o brasileira, pouco se tem falado a respeito das pequenas cidades. Mesmo passando despercebidas, na sua import??ncia vem se consolidando no cen??rio urbano brasileiro,n??o apenas no que se refere ao seu n??mero,mas tamb??m em asp??ctos que v??o desde a qualidade de vida de seus habitantes ??s oportunidades de desenvolvimento econ??mico.

  13. Evolu????o urbana e demogr??fica do envelhecimento em Belo Horizonte

    Ferreira, Frederico Poley Martins
    Este trabalho tem como tema a an??lise do processo de envelhecimento da popula????o do munic??pio de Belo Horizonte e sua evolu????o no espa??o urbano da cidade. Desse modo, s??o utilizadas as chamadas Unidades de Planejamento como subdivis??es do munic??pio (em n??mero de 81), nas quais s??o comparadas as diferentes propor????es da popula????o acima de sessenta anos, no munic??pio, em 1991, com a evolu????o da ocupa????o da cidade em diferentes anos.

  14. Trabalho de crian??as e adolescentes nas ruas: o caso de Minas Gerais

    Ferreira, Frederico Poley Martins
    Esse trabalho analisa uma experi??ncia conjunta de combate ?? ocupa????o de crian??as e adolescentes nas ruas dos 21 maiores munic??pios de Minas Gerais. Parte-se da constata????o de que ?? muito dif??cil desenvolver pol??ticas de car??ter intermunicipal e inter-setorial, como as de ??mbito Estadual para quest??es relativas ao trabalho infantil e especialmente, aquele realizado nas ruas das grandes cidades. Observa-se que existem experi??ncias e uma legisla????o bem desenvolvida a respeito desse tema, por??m e concomitantemente uma diversidade enorme de conceitos, a????es, institui????es e formas de lidar com a quest??o.

  15. Desenvolvimento regional e planejamento estrat??gico: aplica????es para o sudeste do Tocantins

    Ferreira, Frederico Poley Martins
    Este trabalho tem como objetivos, dados os contextos econ??micos e sociais do Estado do Tocantins, a descri????o e a discuss??o do processo metodol??gico de elabora????o de um plano estrat??gico de desenvolvimento para a Regi??o Sudeste do Tocantins. Essa Regi??o composta por vinte e tr??s munic??pios tradicionalmente foi caracterizada pelo isolamento e pelas baixas densidades demogr??ficas. No entanto, na ultima d??cada, esse espa??o tem passado por intensos processos de transforma????o socioecon??mica. Isso tem gerado novos desafios para as pol??ticas p??blicas e tamb??m para a sociedade local, tanto no que se refere ??s novas oportunidades de crescimento econ??mico, como tamb??m no aprofundamento e no...

  16. Efici??ncia do gasto p??blico em educa????o fundamental nas prefeituras mineiras: uma abordagem via an??lise envolt??ria de dados

    Morais, Reinaldo Carvalho de
    O tema educa????o vem ganhando cada vez mais espa??o nas discuss??es acerca da sustentabilidade do crescimento e desenvolvimento econ??mico de longo prazo. A partir da d??cada de 50, diversas pesquisas sobre o tema v??m ganhando espa??o, tendo por objetivo avaliar a import??ncia do capital humano para o crescimento de longo prazo do produto. Al??m disso, os pesquisadores passaram a discutir tamb??m os determinantes do sucesso dos estudantes nos exames escolares. O presente trabalho levantou alguns pontos discutidos na literatura subjacente. Al??m disso, foi realizado um exerc??cio emp??rico atrav??s da t??cnica conhecida como an??lise envolt??ria de dados. Foram comparados 281 munic??pios...

  17. Relev??ncia da estat??stica p??blica gerada por ag??ncias estaduais para o planejamento governamental: o caso do CEI/FJP na vis??o dos usu??rios

    Freitas, Danilo Gomes de
    O presente estudo versa sobre a relev??ncia da informa????o estat??stica oficial gerada por ag??ncias governamentais, segundo a avalia????o de grupos de gestores selecionados em ??rg??os p??blicos das esferas estaduais e municipais. Discute-se a capacidade de uso destas informa????es junto aos usu??rios selecionados e a rela????o entre oferta e demanda das estat??sticas oficiais proporcionado pelas mudan??as organizacionais, com a introdu????o dos novos recursos baseados em tecnologia da informa????o. Os conceitos de qualidade e relev??ncia da informa????o s??o investigados atrav??s de um e-survey, no sentido de dimensionar se os produtos estat??sticos gerados especificamente pelo Centro de Estat??stica e Informa????es da Funda????o Jo??o Pinheiro, enquanto...

  18. As organiza????es policiais e os processos de transi????o entre modelos: mitos, racionalidade e o campo institucional da pol??cia

    Marinho, Karina Rabelo Leite
    O presente trabalho tem como objetivo discutir ??? te??rica e empiricamente ??? o alcance explicativo da sociologia das organiza????es e suas proposi????es alternativas ao modelo econ??mico de a????o social e mudan??a organizacional, mais especificamente em sua abordagem institucional. De um ponto de vista emp??rico tem como objetivo abordar tais discuss??es por meio das implica????es, de natureza organizacional, do processo de mudan??a do modelo convencional, profissional-burocr??tico de policiamento, para o modelo de policiamento comunit??rio, em organiza????es policiais militares. Em outras palavras, procura demonstrar que a transi????o de uma estrat??gia organizacional para outra implica mudan??as significativas na estrutura e ???car??ter??? da organiza????o, com altos custos...

  19. ??rea Metropolitana de Belo Horizonte versus ??rea Metropolitana de Curitiba: um estudo comparativo dos fatores de atra????o

    Aguilar, Carla Cristina
    O trabalho faz uma compara????o entre o crescimento econ??mico das regi??es metropolitanas de Curitiba e Belo Horizonte utilizando dados do per??odo de 1985-1997. Trata dos modelos te??ricos usados na an??lise e explica a din??mica de crescimento dessas regi??es atrav??s do m??todo Shift-Share e da an??lise dos coeficientes de exporta????o e importa????o. Conclui-se que o crescimento das duas regi??es est?? mais ligado a desconcentra????o econ??mica de S??o Paulo e n??o a uma capacidade de crescimento end??geno destas regi??es.

  20. A nova geografia econ??mica: tr??s ensaios para o Brasil

    Aguilar, Carla Cristina
    Esta tese tem como proposta analisar a desigualdade da distribui????o das atividades econ??micas e da renda per capita no Brasil, utilizando dados censit??rios para as microrregi??es do Nordeste, Sudeste e Centro-Oeste. Para isso, s??o apresentados tr??s artigos. No primeiro artigo, Acessibilidade e desigualdade regional no Brasil: uma proposta metodol??gica, prop??e-se um indicador de acessibilidade que ?? uma medida de mercado potencial, mas que considera as diferen??as de infra-estrutura existentes no Brasil. O segundo, Aglomera????es: quais seus fatores explicativos?, atrav??s de uma metodologia de an??lise de vari??ncia, procura responder quais os fatores explicativos das aglomera????es. Os resultados mostram que os principais...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.