Recursos de colección

Repositório Institucional da Fundação João Pinheiro (3.007 recursos)

This institutional repository provides open access to scientific to the research out put of the João Pinheiro Foundation. The RI-FJP aims to collect, store, organize, preserve and disseminate scientific information produced by researchers at the institution published in book chapters, journal articles, presentations at events, theses and dissertations, technical report and others.The interface can be read in English, Portuguese and Spanish.

Centro de Estudos de Políticas Públicas (CEPP)

Mostrando recursos 1 - 20 de 57

  1. Proteção social não contributiva: gestão e articulação territorial dos agentes e da rede de serviços em três municípios da Região Metropolitana de Belo Horizonte

    Fundação João Pinheiro
    Equipe de pesquisa: Laura da Veiga (coordenação geral da pesquisa); Equipe de pesquisadores em Belo Horizonte: Laura da Veiga, Carla Bronzo, Maria de Fátima A. Barbosa Gomes, Maria Clara Mendes; Equipe de pesquisadores em Santa Luzia: Vera Westin, Elieth Amélia Sousa; Equipe de pesquisadores em Santa Luzia: Bruno Lazzarotti Diniz Costa, Agnez Lelis Saraiva; Apoio especial de outros profissionais da FJP: Vera Scarpelli, Julia Mara.

  2. Tempo dos femininos e a educa????o da mulher

    Amorim, Marina Alves
    Investigou-se alguns aspectos dos processos educativos dos femininos, pensados a partir de cinco momentos da vida de mulheres: a menarca, o primeiro namoro, a perda da virgindade, o casamento e a maternidade. Analisou-se as experi??ncias de mulheres brancas, de tr??s gera????es, de uma fam??lia belo-horizontina da classe m??dia, com o objetivo de observar as rupturas e as perman??ncias dos femininos e dos seus aprendizados. Realizou-se entrevistas com as tr??s mulheres envolvidas na pesquisa, que constituem as principais fontes hist??ricas utilizadas, no desenvolvimento do trabalho, sendo analisado ?? luz da micro-hist??ria.

  3. Social and Environmental Management in the Municipalities of Minas Gerais, Brazil

    Pereira, Jos?? Roberto; Rezende, Jo??o Batista; Boas, Ana Alice Vilas
    O objetivo deste estudo ?? analisar a habilidade da administra????o p??blica sobre os problemas ambientais que os munic??pios do estado de Minas Gerais enfrentam. Os elementos te??ricos que sustentam este artigo est??o relacionados com a administra????o ambiental e com a administra????o p??blica municipal. N??s utilizamos os resultados da vulnerabilidade ambiental e o papel social do indicador da administra????o municipal ambiental, al??m de informa????es sobre medidas sanit??rias e deposi????o do lixo. Essa fraqueza da administra????o p??blica est?? localizada nos munic??pios de baixo contingente populacional. Esses munic??pios n??o possuem nem estrutura compat??vel, nem organiza????es formais, ou ainda, poder para lidar com os problemas ambientais.

  4. Estrat??gias intersetoriais de gest??o municipal de servi??os de prote????o social: a experi??ncia de Belo Horizonte

    Veiga, Laura da; Bronzo, Carla
    As perspectivas da administra????o p??blica burocr??tica ou da nova gest??o p??blica est??o em xeque e novas estruturas de governan??a s??o necess??rias para que os governos alcancem maior efetividade no enfrentamento de problemas complexos ??? como ?? o caso da pobreza, por exemplo ???, que n??o aceitam solu????es lineares ou unissetoriais. O artigo analisa a experi??ncia do Programa BH Cidadania, desenvolvido pela Prefeitura de Belo Horizonte desde 2002, uma estrat??gia de articula????o intersetorial de servi??os e setores na ponta para ampliar as possibilidades de a????es mais efetivas de inclus??o social. O artigo explicita o desenho da interven????o e explora os desafios e...

  5. O arranjo federativo e o processo de descentraliza????o

    Biondini, Isabella Virg??nia Freire
    A Constitui????o Federal de 1988 inova o modelo tradicional de Federalismo, ao conceder aos munic??pios status de ente aut??nomo, e que, portanto, possuem legitimidade politico-institucional e independ??ncia administrativa. As implica????es desse reconhecimento resultam em uma disputa vertical com os demais n??veis de governo, tanto por recursos como pelas responsabilidades de atendimento ??s demandas sociais, e em uma disputa horizontal que remete ao problema da equidade entre os governos subnacionais. Portanto, a cria????o de mecanismos e instrumentos que visem a redu????o das desigualdades ?? condi????o fundamental para a manuten????o do pacto federativo. Este trabalho busca discutir as estrat??gias adotadas pela Federa????o para enfrentar as...

  6. Redesenhando o estado no ??mbito municipal: principais contribui????es do or??amento participativo de Belo Horizonte

    Caixeta, Giovanni Jos??
    A sociedade, frente a um mundo em constante transforma????o, marcado por novidades tecnol??gicas e por fatos que produzem impactos importantes nos processos econ??micos, pol??ticos e sociais, exige um Estado redesenhado, com novo perfil, apto a enfrentar desafios e a lidar com situa????es in??ditas, com r??pidas e profundas mudan??as estruturais, descentralizado e mais perme??vel ?? sua participa????o e controle. Nesse sentido, in??meras experi??ncias t??m sido propostas e implementadas. O Or??amento Participativo ?? uma dessas propostas inovadoras de gest??o p??blica experimentada no Brasil e fundada num modelo de Estado que caminha nessa dire????o. A partir de estudos realizados sobre este tema, levantamentos,...

  7. Marketing tur??stico urbano e interven????o patrimonial em tempos de globaliza????o

    Bessa, Altamiro S??rgio Mol; Teixeira, Luiz Ant??nio Antunes; Vieira Filho, Nelson Ant??nio Quadros
    O principal objetivo deste artigo ?? o de mostrar o papel do marketing tur??stico urbano e as suas estrat??gias de atua????o no planejamento de destina????es tur??sticas, principalmente, aquelas com um corpus patrimonial expressivo, como forma de contribuir com os especialistas das ??reas de turismo e marketing na compreens??o de um assunto que, normalmente, tem ficado restrito a arquitetos, urbanistas e especialistas em patrim??nio. O trabalho recorre ?? revis??o bibliogr??fica sobre marketing urbano, patrim??nio material e imaterial e interven????es patrimoniais, procurando demonstrar como a solu????o de diversas quest??es relacionadas ?? problem??tica do turismo podem ser subsidiadas pelos conhecimentos das ??reas estudadas sendo, portanto, o seu dom??nio...

  8. Velhos mapas, novas leituras: revisitando a hist??ria da cartografia

    Gomes, Maria do Carmo Andrade
    O artigo trata do processo de renova????o te??rica e metodol??gica que atingiu o campo da hist??ria da cartografia nas duas ou tr??s ??ltimas d??cadas. A partir de um profundo questionamento do estatuto de objetividade e transpar??ncia dos mapas, os novos estudos e pesquisas tratam os documentos cartogr??ficos como objetos t??cnicos, produtos de constru????es sociais e culturais e meios de comunica????o dotados de linguagem visual pr??pria. O artigo aponta os principais autores, eventos e id??ias que promoveram essa nova hist??ria da cartografia, um movimento rico e multifacetado ainda pouco conhecido no Brasil.

  9. Gest??o por compet??ncias e rela????es de trabalho no Brasil: notas de pesquisa sobre a perspectiva sindical

    Amorim, Wilson Aparecido Costa de; Sarsur, Amyra Moyz??s; Cruz, Marcus Vinicius Gon??alves da; Fischer, Andr?? Luiz
    Este artigo apresenta as hip??teses e primeiros resultados de um projeto de pesquisa voltado ao dimensionamento da presen??a da Gest??o por Compet??ncias em organiza????es no Brasil, tendo por base a percep????o coletiva dos trabalhadores e seus representantes ??? sindicato; quanto ?? sua aplica????o em termos de pr??ticas, pol??ticas e estrat??gias empresariais, dentro do campo das Ci??ncias Sociais Aplicadas, situado na conflu??ncia das ??reas da Economia, Administra????o e da Sociologia do Trabalho. De forma mais espec??fica vincula-se ??s tem??ticas das Rela????es de Trabalho e sua inser????o entre os processos da Gest??o de Pessoas que toma como eixo a Gest??o por Compet??ncias.

  10. Mudan??as ?? vista: processo de prepara????o para a venda em uma empresa do setor de telecomunica????es

    Can??ado, Vera; Mesquita, Sandra; Cruz, Marcus Vinicius Gon??alves da; Guimar??es, Eloisa Helena Rodrigues
    Este artigo teve como objetivo analisar o processo de mudan??a ocorrido na prepara????o para venda de uma empresa do setor de telecomunica????es. Foram utilizados dois modelos: o de Beer e Nohria (2000), para analisar a estrat??gia da mudan??a, verificando o seu prop??sito, a lideran??a, o foco, o planejamento, a motiva????o e a consultoria; e o de Motta (1997), para analisar as mudan??as ocorridas, considerando as perspectivas de an??lise estrat??gica, estrutural, tecnol??gica, humana, cultural e pol??tica. Foi realizado um estudo de caso, de natureza qualitativa e descritiva, sendo os dados coletados por meio de entrevista semi-estruturada, grupo focal, observa????o participante e tamb??m...

  11. Servi??os de aloca????o/recoloca????o de executivos: estudo de caso

    Cruz, Eymar Barbosa da; Cruz, Marcus Vin??cius Gon??alves da
    Este artigo analisa os procedimentos utilizados por uma Assessoria de Recursos Humanos ??? Empresa Alfa, para atender ??s demandas de seus clientes ??? indiv??duos/ organiza????es, no tocante ?? aloca????o/ recoloca????o profissional. Realizou-se pesquisa de natureza qualitativa e descritiva, analisando-se os processos internos, a percep????o de empresas contratantes para preenchimento de vagas de executivos, bem como de profissionais - recolocados ou n??o, no mercado de tarbalho. Os resultados mostraram que os processos de aloca????o/recoloca????o da organiza????o estudada acompanharam as mudan??as do mercado de trabalho brasileiro, e fatores como redes de relacionamento, comprometimento e tecnologia s??o fundamentais para os servi??os de uma...

  12. Problemas inerentes ao sistema penitenci??rio brasileiro: estudo de caso de Minas Gerais

    Ribeiro, Ludmila Mendon??a Lopes; Batitucci, Eduardo Cerqueira
    O prec??rio estado do sistema penitenci??rio do pa??s revela a aus??ncia de planejamento de pol??ticas voltadas ao adequado encarceramento daqueles indiv??duos punidos pelo sistema de justi??a criminal. O objetivo deste estudo foi de relatar a atual configura????o do problema penitenci??rio nacional, destacando a peculiaridade do sistema prisional de Minas Gerais. Al??m da revis??o da literatura dispon??vel sobre o assunto, foram utilizados os dados do Departamento Penitenci??rio Nacional - DEPEN, ??rg??o integrante do Minist??rio da Justi??a - MJ, bem como entrevistas realizadas com dirigentes e visitas a todas as unidades penitenci??rias do Estado de Minas Gerais. Foi tra??ado um paralelo com...

  13. A intera????o entre contexto, atividades e caracter??sticas organizacionais no mundo acad??mico

    Veiga, Laura da
    Aborda as preocupa????es com a influ??ncia de contextos hist??ricos ou organizacionais sobre a ci??ncia, an??lises sistematicamente orientadas para explicar as l??gicas que informam a produ????o de conhecimento cient??fico ou a emerg??ncia de corpora????es de profissionais que se dedicam a esta atividade, controv??rsias sobre o car??ter cumulativo ou n??o da ci??ncia s??o alguns dos temas tratados por trabalhos das Ci??ncias Sociais, Filosofia e Hist??ria, dedicados ao entendimento do processo mais geral do crescente aumento de import??ncia das ci??ncias modernas como parte dos sistemas culturais das sociedades industrializadas.

  14. Desafio e inova????o em pol??ticas p??blicas: programa para crian??as e adolescentes em situa????o de risco

    Costa, Bruno Lazzarotti Diniz; Bronzo, Carla; Veiga, Laura da
    Este artigo pretende avaliar, no contexto da municipaliza????o iniciada com a constitui????o de 1988, alguns aspectos da experi??ncia de reforma de pol??ticas sociais que vem sendo realizada nos ??ltimos anos no Brasil, focalizando especificamente as iniciativas voltadas para crian??as e adolescentes, apresentadas por ocasi??o do pr??mio Gest??o P??blica e Cidadania, em 1996. Reflete sobre as pol??ticas sociais contexto maior dos programas voltados para inf??ncia e juventude ??? suas especificidades e condicionantes, sistematizando algumas quest??es mais recentemente levantadas nesse campo, que t??m orientado o debate e norteado a pr??tica e a inova????o no campo das pol??ticas p??blicas. Aborda as experi??ncias consideradas...

  15. As limita????es da contabilidade oficial de crimes no Brasil: o papel das institui????es de pesquisa e estat??stica

    Batitucci, Eduardo Cerqueira
    O artigo objetiva examinar as limita????es dos sistemas de produ????o de dados e informa????es oficiais em Seguran??a P??blica e Justi??a Criminal no Brasil, sugerindo-se que a participa????o dos institutos de pesquisa ?? fundamental para a constru????o de qualidade nas informa????es produzidas.

  16. A evolu????o institucional da pol??cia no s??culo XIX: Inglaterra, Estados Unidos e Brasil em perspectiva comparada

    Batitucci, Eduardo Cerqueira
    O artigo apresenta uma reflex??o sobre as caracter??sticas do desenvolvimento institucional da Pol??cia durante o s??culo XIX no Brasil, Inglaterra e Estados Unidos, de forma comparada, procurando evidenciar as principais caracter??sticas da consolida????o do aparato policial nestas tr??s realidades, bem como as poss??veis continuidades entre caracter??sticas hist??ricas do desenvolvimento institucional da pol??cia no Brasil e alguns dos dilemas colocados para a profissionaliza????o das nossas pol??cias.

  17. A pol??cia prende mas a justi??a solta

    Martins, Herbert Toledo; Versiani, Dayane Aparecida; Batitucci, Eduardo Cerqueira
    Diante do aumento das taxas de criminalidade, a sociedade brasileira apela para o poder repressivo do Estado e para a pris??o como solu????o dos males causados pela escalada do crime e da viol??ncia. A sociedade quer paz e, ingenuamente, acredita que a pol??cia ?? a ??nica institui????o respons??vel por ela. Por sua vez, policiais se defendem alegando que fazem o trabalho que lhes ?? prescrito prendendo os criminosos, mas que, lamentavelmente, ???a pol??cia prende, mas a justi??a solta???. Promotores e ju??zes das varas criminais reclamam da satura????o do sistema carcer??rio, da legisla????o e do trabalho da pol??cia. Assim, o jarg??o em tela sugere v??rios...

  18. Reflex??es sobre a atua????o governamental na promo????o da seguran??a p??blica

    Peixoto, Bet??nia; Souza, Let??cia Godinho de; Batitucci, Eduardo Cerqueira; Cruz, Marcus Vinicius Gon??alves da
    Belo Horizonte apresentou, no in??cio dos anos 2000, um acentuado crescimento da criminalidade. Entre 1997-2003, houve crescimento de 300% nos crimes violentos contra patrim??nio e de 250% nos homic??dios. As principais medidas de enfrentamento do problema come??am em 2003 e se concentram, segundo a literatura, em a????es que partem do governo do estado. Este artigo sistematiza a discuss??o acad??mica que levanta os diferentes mecanismos de redu????o da criminalidade entre 2003 e 2010. Observou-se um consenso de que o governo estadual seria o principal ator desse processo; por outro lado, identificamos diferentes hip??teses acerca das a????es que teriam propiciado essa redu????o....

  19. Estado, burocracia e privil??gios em Minas Gerais

    Fortes, F??tima Beatriz Carneiro Teixeira P.
    O presente trabalho prop??e-se a explicitar a estrutura complexa e heterog??nea do sistema previdenci??rio dos servidores p??blicos de Minas Gerais e a associar a sua constitui????o ao processo de diferencia????o da burocracia p??blica do estado. Procurou-se demonstrar que o arranjo institucional da previd??ncia dos servidores estaduais reflete a diversificada rede de interesses e grupos de press??o e suas capacidades de imporem ao Estado exig??ncias e privil??gios para minorias, como parte do arranjo mais geral que condiciona o jogo de poder das elites mineiras desde o per??odo imperial. Concluiu-se que o sistema de previd??ncia dos servidores p??blicos de Minas Gerais ?? fragmentado...

  20. A parceria entre a Pol??cia Militar de Minas Gerais e a Funda????o Jo??o Pinheiro: uma busca de legitimidade em ambientes altamente institucionalizados?

    Silva, S??rgio Luiz F??lix da Silva
    Esta disserta????o teve por objetivo principal analisar a rela????o de "parceria" entre uma organiza????o policial militar e uma institui????o de ensino e pesquisa. O objeto de estudo foi o conv??nio estabelecido, em 1985, numa iniciativa considerada "pioneira", entre a Pol??cia Militar de Minas Gerais e a Funda????o Jo??o Pinheiro. ?? luz da teoria das organiza????es trabalhou-se com o pressuposto de que em ambientes altamente institucionalizados, as organiza????es s??o premidas mais por demandas de efici??ncia institucional que por efici??ncia t??cnica. Assim, a iniciativa da Pol??cia Militar de Minas Gerais, considerado inserir-se num ambiente altamente institucionalizado da seguran??a p??blica, teria se orientado mais...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.