Recursos de colección

Repositório Institucional da Fundação João Pinheiro (2.339 recursos)

This institutional repository provides open access to scientific to the research out put of the João Pinheiro Foundation. The RI-FJP aims to collect, store, organize, preserve and disseminate scientific information produced by researchers at the institution published in book chapters, journal articles, presentations at events, theses and dissertations, technical report and others.The interface can be read in English, Portuguese and Spanish.

CEI – Dissertações de mestrado

Mostrando recursos 1 - 11 de 11

  1. Mudan??as organizacionais na implementa????o do policiamento comunit??rio

    Marinho, Karina Rabelo Leite
    Discute as implica????es, de natureza organizacional, do processo de mudan??a do modelo convencional, profissional-burocr??tico de policiamento, para o modelo, hoje t??o difundido, de policiamento comunit??rio. Demonstra que a transi????o de uma estrat??gia organizacional para outra implica mudan??as significativas na estrutura e car??ter da organiza????o, com altos custos para a estabilidade organizacional. Foi feita uma discuss??o de natureza te??rica sobre tens??es estruturais entre modelos organizacionais distintos, buscando, oportunamente, ilustrar esta discuss??o com exemplos que sirvam como evid??ncias emp??ricas do argumento apresentado. Delineou-se, com o aux??lio da teoria das organiza????es, quais foram as altera????es relacionadas ao processo de implementa????o de tais mudan??as,...

  2. Avalia????o do Sistema de Informa????o sobre Nascidos Vivos ??? SINASC, Minas Gerais e Mesorregi??es, 2000

    Souza, Luiza Marilac de
    O objetivo principal desta disserta????o consistiu em estimar o grau de cobertura do SINASC (Sistema de Informa????es de Nascidos Vivos) para o estado de Minas Gerais e suas mesorregi??es permitindo, assim, que se pudesse conhecer a efic??cia do sistema em obter o real volume de nascimentos. O objetivo secund??rio foi avaliar aspectos relacionados ?? qualidade de algumas informa????es selecionadas preenchidas na Declara????o de Nascido Vivo (DN). Os dados utilizados foram os dados do SINASC de 1999 e 2000 e os do Censo Demogr??fico de 2000. Para avaliar o grau de cobertura, comparou-se o volume de nascimentos coletados pelo SINASC com os volume de nascimentos...

  3. Desigualdade de rendimentos e discrimina????o por g??nero no Brasil em 1999

    Santos, Renato Vale
    Esta disserta????o tem por objetivo estudar as diferen??as de rendimentos por g??nero no mercado de trabalho brasileiro em 1999. Especificamente, procuramos estudar e mensurar a discrimina????o e a exist??ncia do fen??meno glass ceiling, que representa uma barreira invis??vel no crescimento dos rendimentos das mulheres em rela????o aos homens nos quantis mais elevados da distribui????o de rendimentos. Utilizamos a metodologia de Machado e Mata (2004), que consiste na estima????o da distribui????o marginal de rendimentos consistente com a distribui????o condicional estimada pelo m??todo de regress??o quant??lica. Est?? t??cnica possibilita averiguar o impacto de cada covari??vel e sua respectiva contribui????o na diferen??a de...

  4. A distribui????o de hortifrutigranjeiros: estudo explorat??rio de alguns produtos comercializados nas centrais de abastecimento de Minas Gerais (CEASA-MG)

    Oleto, Ronaldo Ronan
    Na sequ??ncia da disserta????o h?? a descri????o da CEASA-MG (Capitulo 2) com sua estatut??ria, seus agentes de com??rcio, dimens??es f??sicas, volume de neg??cios, fun????es mercadol??gicas e sua base de dados. No Capitulo 3 faz-se uma resenha do marco te??rico para as fun????es e a????es do intermedi??rio e do canal de distribui????o. No Capitulo seguinte discute-se a forma????o de pre??os atrav??s do registro dos principais modelos da teoria dos pre??os, abordando a procura e a oferta na concorr??ncia pura, os conceitos de receitas e custos (m??dio, marginal e total), al??m da abordagem sobre a forma????o e administra????o de pre??os. No capitulo...

  5. Efici??ncia do gasto p??blico em educa????o fundamental nas prefeituras mineiras: uma abordagem via an??lise envolt??ria de dados

    Morais, Reinaldo Carvalho de
    O tema educa????o vem ganhando cada vez mais espa??o nas discuss??es acerca da sustentabilidade do crescimento e desenvolvimento econ??mico de longo prazo. A partir da d??cada de 50, diversas pesquisas sobre o tema v??m ganhando espa??o, tendo por objetivo avaliar a import??ncia do capital humano para o crescimento de longo prazo do produto. Al??m disso, os pesquisadores passaram a discutir tamb??m os determinantes do sucesso dos estudantes nos exames escolares. O presente trabalho levantou alguns pontos discutidos na literatura subjacente. Al??m disso, foi realizado um exerc??cio emp??rico atrav??s da t??cnica conhecida como an??lise envolt??ria de dados. Foram comparados 281 munic??pios...

  6. Relev??ncia da estat??stica p??blica gerada por ag??ncias estaduais para o planejamento governamental: o caso do CEI/FJP na vis??o dos usu??rios

    Freitas, Danilo Gomes de
    O presente estudo versa sobre a relev??ncia da informa????o estat??stica oficial gerada por ag??ncias governamentais, segundo a avalia????o de grupos de gestores selecionados em ??rg??os p??blicos das esferas estaduais e municipais. Discute-se a capacidade de uso destas informa????es junto aos usu??rios selecionados e a rela????o entre oferta e demanda das estat??sticas oficiais proporcionado pelas mudan??as organizacionais, com a introdu????o dos novos recursos baseados em tecnologia da informa????o. Os conceitos de qualidade e relev??ncia da informa????o s??o investigados atrav??s de um e-survey, no sentido de dimensionar se os produtos estat??sticos gerados especificamente pelo Centro de Estat??stica e Informa????es da Funda????o Jo??o Pinheiro, enquanto...

  7. ??rea Metropolitana de Belo Horizonte versus ??rea Metropolitana de Curitiba: um estudo comparativo dos fatores de atra????o

    Aguilar, Carla Cristina
    O trabalho faz uma compara????o entre o crescimento econ??mico das regi??es metropolitanas de Curitiba e Belo Horizonte utilizando dados do per??odo de 1985-1997. Trata dos modelos te??ricos usados na an??lise e explica a din??mica de crescimento dessas regi??es atrav??s do m??todo Shift-Share e da an??lise dos coeficientes de exporta????o e importa????o. Conclui-se que o crescimento das duas regi??es est?? mais ligado a desconcentra????o econ??mica de S??o Paulo e n??o a uma capacidade de crescimento end??geno destas regi??es.

  8. Incuba????o de empresas de base tecnol??gica: proposta e aplica????o do ??ndice de dimensionamento do processo de incuba????o de empresas de base tecnol??gica

    Souza, Maria Ramos de
    Este estudo trata de um aspecto relevante do desenvolvimento cient??fico e tecnol??gico: o processo de incuba????o de empresas de base tecnol??gica no Brasil. Ele prop??e e aplica um ??ndice sint??tico que procura retratar dimens??es importantes do processo de incuba????o de empresas de base tecnol??gica. O trabalho, de natureza explorat??ria e descritiva, utiliza como instrumentos de pesquisa, o levantamento bibliogr??fico e documental, a explora????o de dados e informa????es estat??sticas, e a aplica????o do m??todo distancial para padroniza????o de vari??veis. O ??ndice proposto, ??ndice de dimensionamento do processo de incuba????o de empresas de base tecnol??gica ??? IEBT ?? composto por quatro dimens??es: Prioridade governamental ?? pol??tica p??blica...

  9. Diferenciais de ingresso escolar segundo o tempo de resid??ncia nos munic??pios de Minas Gerais em 1991

    Miranda-Ribeiro, Adriana de
    Esta disserta????o analisou os diferenciais de efici??ncia no ingresso escolar para os residentes em Minas Gerais, em 1991, separados em tr??s grupos, conforme o status migrat??rio: natural, migrante antigo e migrante recente; de cinco ??reas, definidas de acordo com a Taxa L??quida de Migra????o (TLM) do munic??pio de enumera????o. A efici??ncia no ingresso escolar foi obtida a partir da taxa de cobertura escolar, aplicandose o Modelo PROFLUXO, de Philip Fletcher, utilizando-se os microdados do Censo Demogr??fico de 1991. Procurou-se responder: como se comporta o ingresso escolar dos tr??s grupos, de ??reas diferentes; o que se pode inferir sobre o fen??meno migrat??rio, ?? luz das caracter??sticas educacionais dos...

  10. Estimativas de expectativa de vida livre de e com incapacidade funcional: uma aplica????o de m??todo de Sullivan para idosos paulistanos

    Camargos, Mirela Castro Santos
    A popula????o idosa tende a apresentar, proporcionalmente, um maior n??mero de doen??as cr??nicas que, conseq??entemente, levam a maior preval??ncia de incapacidade funcional e depend??ncia. Considerando esta realidade, o objetivo do presente estudo foi medir, para os idosos da cidade de S??o Paulo, em 2000, por sexo e idade, a expectativa de vida livre de e com incapacidade funcional. No ??ltimo caso, foram mensurados os anos a serem vividos com e sem depend??ncia. Para estimar a expectativa de vida em cada condi????o de sa??de, foi utilizado o m??todo de Sullivan, combinando a t??bua de vida, com experi??ncia de mortalidade corrente na popula????o em 2000, e...

  11. A espiral do conhecimento interorganizacional: a for??a dos valores s??cio-culturais dos arranjos produtivos locais (APLs) ??? o caso das Confec????es do Prado/Bh

    Moraes, Leonardo Barbosa de
    Esta pesquisa examinou um agrupamento produtivo de confec????es no sentido de verificar sua constitui????o enquanto arranjo produtivo local (APL). Pesquisamos sua hist??ria enquanto agrupamento produtivo e a constru????o de sua cultura coletiva, verificando seu grau de coopera????o e compartilhamento informacional. Identificamos na sua vis??o compartilhada de mundo um conte??do informacional que os agrega, relacionados a sua pr??tica produtiva cotidiana. Sugerimos, finalmente, interven????es no agrupamento que permitam aumentar o grau de confian??a e coopera????o, o que pode ampliar a troca de informa????es, o aumento do aprendizado coletivo, a gera????o de inova????es e o conseq??ente fortalecimento do arranjo produtivo local.

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.