Tuesday, May 31, 2016

 

 



Soy un nuevo usuario

Olvidé mi contraseña

Entrada usuarios

Lógica Matemáticas Astronomía y Astrofísica Física Química Ciencias de la Vida
Ciencias de la Tierra y Espacio Ciencias Agrarias Ciencias Médicas Ciencias Tecnológicas Antropología Demografía
Ciencias Económicas Geografía Historia Ciencias Jurídicas y Derecho Lingüística Pedagogía
Ciencia Política Psicología Artes y Letras Sociología Ética Filosofía
 

rss_1.0 Clasificación por Disciplina

Nomenclatura Unesco > (22) Física

Mostrando recursos 141 - 160 de 94,050

141. AVALIAÇÃO DA ROCHA FONOLITO COMO FERTILIZANTE ALTERNATIVO DE POTÁSSIO - Aline Maria dos Santos Teixeira; João Alves Sampaio; Francisco Manoel dos Santos Garrido; Marta Eloisa Medeiros
Nos últimos anos, vêm sendo realizadas pesquisas sobre o possível aproveitamento de silicatos de potássio para produção e/ou aplicação como fertilizantes potássicos, devido a crescente dependência externa do Brasil. A rochagem é uma prática de agricultura alternativa que ajuda a recuperar solos pobres e a renovar a fertilização de áreas de exploração agrícola por meio da incorporação de rochas moídas ao solo. Neste contexto, o objetivo deste trabalho é avaliar as características físicas e químicas da rocha fonolito, proveniente do Planalto de Poços de Caldas, MG, conforme os parâmetros para avaliação de fertilizantes potássicos, estabelecidos pelo Ministério da Agricultura, Pecuária...

142. A SUSTENTABILIDADE DA PRODUÇÃO DE MINERAIS INDUSTRIAIS EM REGIÕES METROPOLITANAS – UM ESTUDO DE CASO - Marcelo Soares Bezerra
O trabalho aborda o panorama dos minerais industriais na região metropolitana do Recife, os principais depósitos, bem como as características físicas e químicas destes bens minerais são apresentadas, focando a sua aplicação industrial e a estrutura produtiva implantada que engloba micro, pequena e média empresa. Em seguida, é analisada a cadeia produtiva que transforma estes recursos em bens para a sociedade e os impactos ambientais e conflitos com outras atividades no uso e ocupação do solo, face ao intenso processo de expansão urbana e industrial na região. Surgem, assim, restrições de ordem ambiental, social e institucional que entravam o desenvolvimento...

143. PROPRIEDADES FÍSICO – MECÂNICAS E AMBIENTAL DE CERÂMICA ESTRUTURAL COM ESTABILIZAÇÃO DO ÍON MANGANÊS - Ana Paula Costa Câmara
Neste trabalho estudou-se a adição do íon manganês bivalente a uma massa argilosa do estado do Rio Grande do Norte a fim de avaliar a viabilidade tecnológica e ambiental do material cerâmico. A matéria-prima cerâmica foi caracterizada por análise química (FRX) e difratometria de raios – X (DRX). O íon metálico foi adicionado na forma de soluções aquosas nas concentrações de 100, 150 e 200 mg/L. Os corpos de prova obtidos por extrusão e sinterizados nas temperaturas de 850, 950 e 1050 °C foram avaliados por ensaios cerâmicos e ambiental de solubilidade. As propriedades tecnológicas avaliadas foram: retração linear de...

144. MAPEAMENTO DOS RISCOS FÍSICOS AOS COLABORADORES NA ATIVIDADE DO CULTIVO DE MANGA EM IPANGUAÇU-RN - Carlos Enrique Jeronimo; Isabelli Sorrel de Oliveira Targino; Mairla Germana Pitombeira Viana; Michele da Costas Bezerra; Priscila G. V. Sampaio
A horticultura brasileira é uma das mais importantes do mundo. Além de ser o maior produtor de frutas cítricas o Brasil, ocupa posição destacada como produtor de frutas tropicais, como banana, manga, mamão, abacaxi, caju, goiaba e maracujá. Na região semiárida do Rio Grande do Norte o cultivo da manga tem seu destaque e assim como outras culturas. Essas atividades são realizadas em locais de trabalho, que pela própria natureza da atividade desenvolvida, podem comprometer a saúde e segurança do trabalhador em curto, médio e longo prazo, provocando lesões imediatas, doenças ou a morte. Desta forma, em qualquer tipo de...

145. INCORPORAÇÃO DE RESÍDUO DE QUARTZITOS EM CERÂMICA VERMELHA - Michelle Pereira Babisk; Francisco Wilson Hollanda Vidal; Wagner Souza Ribeiro; Mariane Costalonga Aguiar; Mônica Castoldi Borlini Gadioli; Carlos Maurício Fontes Vieira
A incorporação de resíduos industriais em cerâmica vermelha vem sendo muito utilizada atualmente na busca de matérias-primas alternativas, e também buscando uma destinação ambientalmente correta aos resíduos. Durante os processos de beneficiamento das rochas ornamentais, há perdas significativas de material e geração de resíduos, os quais muitas vezes são dispostos de forma inadequada na natureza, sem previsão de utilização ou reuso. A indústria de extração e beneficiamento de quartzito do município de Várzea, região de Seridó, na Paraíba, gera cerca de 20 mil kg de resíduos por dia. O quartzito é classificado geologicamente como uma rocha metamórfica, composto quase que...

146. CORPO, APRENDIZAGEM E CULTURA DE MOVIMENTO: UMA EXPERIÊNCIA PEDAGÓGICA COM O ENSINO DO CONTEÚDO JOGO NAS AULAS DE EDUCAÇÃO FÍSICA DO IFRN - Alison Pereira Batista; Ingrid Patrícia Barbosa Oliveira; José Pereira de Melo
O presente artigo constitui-se de uma reflexão teórico-metodológica que teve como objetivo refletir sobre uma experiência pedagógica realizada nas aulas de Educação Física, ministradas no IFRN, no câmpus de Pau dos Ferros, com alunos do 1º ano do ensino médio integrado. Estabelecemos as seguintes questões de estudo: a) O que entendemos por aprendizagem? b) Que caminhos teórico-metodológicos podem ser traçados para que as aulas de Educação Física possibilitem aprendizagens mais significativas? Esse estudo caracterizou-se como qualitativo, de natureza descritiva. Um dos caminhos vislumbrados leva ao entendimento de que a aprendizagem poderá ocorrer de forma significativa quando estiver imbuída de sentidos/significados...

147. Editorial - José Yvan Pereira Leite
Editorial A Revista HOLOS apresenta o seu sexto e último volume do ano de 2012 acumulando resultados que mais uma vez nos surpreendem: os cinco volumes anteriores tiveram 27.692 downloads. O periódico avança nos acessos advindos do exterior, agora próximo dos sete pontos percentuais. Este volume traz dezenove artigos, distribuídos entre as áreas de artes (02), ciências agrárias (02), ciências contábeis (01), engenharia ambiental (02), engenharia de minas (02), engenharia de petróleo (01), engenharia de segurança (01), engenharia econômica (01), engenharia elétrica (01), ensino (02), geografia (02), recursos naturais (02) e saúde pública (01). Essa diversidade reafirma o caráter interdisciplinar do periódico. Os...

148. Editorial - André Luis Calado Araújo; J. Y. P. Leite
Editorial Ao lançar sua primeira edição de 2010, a Revista Holos anuncia o aumento do número de edições, que passa de quatro para cinco por ano. Entre outras razões, esse crescimento está baseado na ampliação da demanda de artigos submetidos ao periódico e das áreas avaliadas no Qualis CAPES, na disponibilização da revista no Portal de Periódicos da CAPES e, por conseguinte, no elevado número de artigos baixados e na difusão dos artigos publicados no cenário técnico-científico, bem como na melhoria de infraestrutura. Nesse contexto, vale salientar que as edições dos dois últimos anos tiveram seus artigos baixados em 34,5...

149. Editorial - Os Editores
O Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) amplia sobremaneira a sua presença no Estado com 11 campi distribuídos em todas as suas mesorregiões, quatro dos quais estão situados no Oeste Potiguar nos municípios de Apodi, Ipanguaçu, Mossoró e Pau dos Ferros. A expansão da Rede Federal de Educação Profissional nessa direção está repleta de significados, pois reflete uma alteração das políticas governamentais com vistas ao desenvolvimento regional. Nesse contexto, a Editoria da Holos, em sua primeira edição da nova institucionalidade, apresenta o espírito de cooperação que reflete as ações do IFRN, numa busca de...

150. AGENTES EXTERNOS INFLUENCIAM O COMPORTAMENTO MECÂNICO DOS COMPÓSITOS POLIMÉRICOS - ESTUDO DE CASOS - Ricardo Alex Dantas da Silva; Jayna Kátia Dionisío dos Santos; Renata Carla Tavares dos Santos Felipe; Raimundo Nonato Barbosa Felipe
A necessidade de se obter um melhor aproveitamento e desempenho técnico nas novas tecnologias (automotiva, petrolífera, naval), está levando o homem a descobrir novos tipos de materiais, exemplo de disso são os materiais compósitos que se caracterizam pela combinação de dois ou mais materiais que possuem propriedades mecânicas, físicas, químicas diferentes, os quais apresentam uma formação com um reforço e uma matriz, essas materiais vêm sendo estudados, com destaque nessas novas tecnologias de ponta, onde os mesmos estão desempenhando de forma satisfatória e promissora. Para melhor entendimento do comportamento desses materiais, esse trabalho faz uma abordagem, a partir de vários...

151. Editorial - André Luis Calado Araújo
Editorial A revista eletrônica Holos, periódico multidisciplinar do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN), apresenta à comunidade científica sua terceira edição de 2008, trazendo 11 artigos inéditos. Com este número, a revista atinge sua meta de publicação de três volumes anuais, que vem sendo alcançada há cinco anos, perfazendo um total de 15 edições no período. Fruto das contribuições contínuas dos grupos de pesquisa do IFRN, os quais apresentam resultados de pesquisas e experiências desenvolvidas nas diversas áreas do conhecimento, a Holos se consolida ainda mais como um canal de difusão científica e tecnológica, na...

152. ANÁLISE MICROBIOLÓGICA E FÍSICO-QUÍMICA DE DOCE DE LEITE VENDIDO NO COMERCIO INFORMAL DE CURRAIS NOVOS/RN - Ramon Araújo Dos Santos; Regina Célia Pereira Marques
O doce de leite é um importante alimento produzido e comercializado, principalmente, no Brasil e na Argentina, esse alimento apresenta elevado valor nutricional e é menos perecível que o leite e de grande aceitação sensorial. (DEMIATE et al., 2001).As DVAs (Doenças Veiculadas por Alimentos) são responsáveis, atualmente, pela maior parte dos surtos de diarréia em quase todos os países. Os alimentos artesanais têm maior possibilidade de se apresentarem contaminados pelo uso de matérias-primas de fontes não-seguras (DUARTE et al., 2005). A ANVISA estabelece por meio da Resolução RDC n°12 de 02 de janeiro de 2001 que o doce de leite...

153. CARACTERIZAÇÃO FÍSICA E SENSORIAL DAS BOLACHAS REDONDAS PRODUZIDAS E COMERCIALIZADAS NO MUNICÍPIO DE CURRAIS NOVOS/RN - Maria Luísa Rocha de Macedo; Odisséia Carla Pires Gaspareto; Dayene Louyse Lírio Dantas
Os biscoitos populares são produtos amplamente consumidos nas cidades do interior do estado e até em sua capital. No município de Currais Novos, a maioria das padarias e mercados possui fabricação própria, o que diversifica a distribuição e aumenta a concorrência entre as marcas. Dentre os biscoitos mais conhecidos e apreciados estão as bolachas redondas. O presente trabalho tem como objetivo caracterizar esse tipo de alimento quanto aos parâmetros físicos, envolvendo determinações de massa, comprimento, espessura, largura, volume, volume específico, densidade e expansão; e sensoriais, tais como cor, sabor, textura, aroma e aparência, assim como o teste de aceitação. Com...

154. AVALIAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA BÁSICA DA ÁGUA CONSUMIDA PELA POPULAÇÃO URBANA DO MUNICÍPIO DE PARNAMIRIM/RN - Levi Bernardo Ribeiro Neres
A cidade de Parnamirim/ RN é abastecida por água subterrânea oriunda do aqüífero Dunas/ Barreiras. A qualidade da água desse aqüífero tem sido ameaçada pelo desordenado crescimento urbano, e pela ausência de um sistema eficaz de saneamento básico. O presente trabalho buscou a averiguação da qualidade da água servida à população por meio do sistema de abastecimento público, através da análise de parâmetros físico-químicos básicos. O que ficou constatado foi à necessidade de melhorias no saneamento básico do município em questão. PALAVRAS-CHAVE: parâmetros físico-químicos, potabilidade, Parnamirim.

155. ANALISE E ADEQUAÇÃO DA PRÁTICA DOCENTE DE FÍSICA EXPERIMENTAL NA REGIÃO DO MATO GRANDE - Anderson Pablo Nascimento da Silva; Aldivan Soares Barbosa; José Evangelista Filho; Jacques Cousteau da Silva Borges
O presente trabalho realiza uma análise inicial a cerca da formação e da pratica docente na região do Mato Grande, Interior do Estado do Rio Grande do Norte, onde recentemente se instalou um campus do Instituto Federal de educação Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte – IFRN. Dessa forma, buscou-se conhecer a realidade do ensino de Física nessa região, em especial a abordagem experimental, bem como a formação dos professores nesse campo especifico e diante dessa realidade, propor melhorias, a partir da oferta de curso de capacitação em Física experimental. Verificou-se a existência de práticas experimentais no Ensino...

156. ANÁLISE DO ENSINO DE CIÊNCIAS NAS ESCOLAS DA REDE PÚBLICA DE SANTA CRUZ/RN - Josiel Moreira da Silva; Lauricéia Lays Santos Valença; Falconiere Leone Bezerra de Oliveira; Leandro Silva Costa
O quadro atual do ensino de Ciências no Brasil, principalmente nas escolas públicas, é extremamente preocupante, seja pela falta de recursos nas escolas, inexistência de laboratórios e/ou equipamentos adequados e ainda pela existência de docentes sem formação específica e com métodos de ensino ultrapassados. Baseado nesses dados, nós desenvolvemos um trabalho cujo objetivo foi realizar um diagnóstico do ensino de ciências nas escolas públicas do município de Santa Cruz/RN. A pesquisa foi executada através de entrevistas estruturadas com auxilio de questionários destinados a 20 professores de 7 escolas públicas, tendo como eixos temáticos o perfil socioeconômico e a formação profissional...

157. MONITORAMENTO DAS ÁGUAS DO RIO MOSSORÓ/RN, NO PERÍODO DE ABRIL/2005 A JULHO/2006 - Valdiery Silva de Araújo; Jerônimo Pereira dos Santos; André Luis Calado Araújo
O trabalho tem por objetivo realizar uma comparação da qualidade físico-química e microbiológica entre três pontos de monitoramento do Rio Mossoró: Barragem do Genésio (utmx-681464; utmy-9422890), Barragem Central (utmx-683867; utmy-9425546) e Barragem Passagem de Pedra (utmx-690119; utmy-9429968) no município Mossoró/RN. Os pontos encontram-se sob diferentes influências antrópicas e foram monitorados no período de abril/2005 a julho/2006, sendo analisadas as seguintes variáveis: coliformes totais, coliformes termotolerantes, oxigênio dissolvido (OD), demanda química de oxigênio (DQO), nitrato, zinco, cobre, chumbo, cromo, mercúrio, cádmio, pH, temperatura, cor e turbidez. Além dessas análises, ainda houve outras variáveis como nitrogênio total, sólidos totais, fósforo total, demanda...

158. ESTUDO EXPERIMENTAL DAS PROPRIEDADES FÍSICAS DE ARGAMASSAS COM ADIÇÃO DE RESÍDUOS DE CERÂMICAS VERMELHAS RECICLADAS - Bruno Silva Mendes; Edilberto Vitorino de Borja
O uso de argamassas como meio de reciclagem materiais orgânico e inorgânicos não é de hoje. Vários estudos já foram realizados nesta área, já que a sociedade e a indústria da construção civil estão sempre procurando desenvolver novas tecnologias. Tendo em vista essa visão que este trabalho foi desenvolvido, propondo analisar as propriedades físicas de argamassas de revestimento de alvenaria produzidas a partir de diferentes proporções de resíduos de cerâmicas vermelhas recicladas (RCV) através do processo de trituração, objetivando, assim, a redução dos custos de produção e da quantidade desses resíduos descartados no ambiente. Para se realizar a proposta estabelecida,...

159. MOSTRA ANUAL DE FÍSICA DO RN: Ciência acessível a todos - Jacques Cousteau da Silva Borges; Amadeu Albino Junior
No ano de 2003, os professores de Física do CEFET-RN, tiverem a idéia de expor aos seus alunos os equipamentos e experimentos de Física presentes em seus laboratórios. O evento de apenas dois dias foi intitulado “I Mostra de Física do Rio Grande do Norte”, e teve como seu principal público os próprios alunos do CEFET-RN. Nestes dois dias, praticamente todos os servidores e alunos da instituição se deparam com experiências de mecânica, óptica, eletricidade e tantas outras, que despertaram o interesse de muitos alunos, pela ciência e tecnologia. Nos anos seguintes, a mostra cresceu e evoluiu, contanto não apenas...

160. REJEITO DE CAULIM DE APL DE PEGMATITO DO RN/PB – UMA FONTE PROMISSORA PARA CERÂMICA BRANCA - Lídia D. A. de Sousa; Eiji Harima; José Yvan Pereira Leite
O presente trabalho visa à caracterização tecnológica do resíduo de caulim do ponto de vista cerâmico, gerado por pequenos mineradores da região da Província Pegmatítica de Borborema do Seridó do APL (Arranjo Produtivo Local) de Base Mineral. Estas plantas operam com até 55% de recuperação levando a rejeito com ricos. O artigo apresenta resultados de análises química, mineralógica e térmica. Também foram abordados ensaios físicos-mecânicos para verificar a retração linear de queima, a absorção de água, porosidade aparente, resistência à flexão, além da análise da microestrutura dos corpos-de-prova sinterizados a 1450ºC. Os corpos-de-prova do caulim adquirido a partir do rejeito...

 

Busque un recurso