Mostrando recursos 1 - 20 de 17.955

  1. O sabor no lugar não me deixes de Rachel de Queiroz

    Vieira Cavalcante, Tiago
    Rachel de Queiroz (1910-2003) foi uma escritora que, movida por suas experiências e lembranças, escreveu apaixonadamente sobre o sertão cearense, sobre suas paisagens, costumes, pessoas, comidas e bebidas típicas. Neste trabalho, abordamos a relação que Rachel possui com a sua querida fazenda Não Me Deixes, localizada em Quixadá, a partir do sabor dos alimentos, mais especificamente das histórias e receitas descritas em seu livro O Não Me Deixes: suas histórias e sua cozinha. Entendemos, assim, que o sabor é um sentido que intermedeia a experiência entre as pessoas e os lugares, fundando uma geograficidade, uma relação essencial entre o homem...

  2. Territorialidades religiosas em irradiação: um olhar geoturístico sobre a devoção alagoana às representações de Padre Cícero e Juazeiro do Norte, CE

    Esmeraldo Alves, Cícera Cecília
    A pesquisa intitulada: Territorialidades Religiosas em Irradiação: Um olhar geoturístico sobre a devoção alagoana às representações de Padre Cícero e Juazeiro do Norte-Ceará, Brasil, objetiva demonstrar como essa irradiação vem sendo documentada e apoiando a intercomunicação das romarias em seus lugares de origem e destino, bem como, também, analisar as territorialidades religiosas em irradiação, sobre a devoção alagoana às representações de Padre Cícero e Juazeiro do Norte-Ceará, no estado de Alagoas e suas implicações turístico-religiosas e culturais, mapeando uma nova geografia da fé, visando constatar se há um polo de irradiação dessa devoção ou se o mesmo encontra-se em fase...

  3. Os professores regentes frente aos estágios supervisionados: contribuições e desafios deste profissional

    Vieira Souza, Renata; Junqueira Bernardes, Maria Beatriz
    Afirma-se que uma das etapas da formação inicial do futuro professor se dá na imersão da sala de aula com a realização do estágio supervisionado o futuro professor é conduzido a vivenciar a realidade e os desafios da profissão, além disso, tem a oportunidade de construir vários saberes docentes. Desse modo, o Estágio Supervisionado pode ser compreendido como sendo um momento de formação no espaço escolar, o momento de efetivar as teorias vistas na graduação sob o direcionamento de um profissional experiente; o professor regente. Entretanto, percebe-se que este profissional, muitas vezes, não se sente inserido neste processo. Esta investigação...

  4. Indústria cultural e cidades locais: a geografia dos festivais em Guaramiranga, Ceará

    Alves Paiva, Márcio Luís
    O artigo objetiva delinear caminhos para a reflexão da cidade a partir da abordagem cultural na geografia. Partindo-se do conceito de indústria cultural, busca-se compreender o processo de mercantilização da arte e da cultura expressos na realização de festivais musicais na cidade local de Guaramiranga, no Estado do Ceará. A análise visa afirmar a importância que o aspecto cultural vem adquirindo nos estudos geográficos, buscando enaltecer a relevância concedida atualmente ao binômio cidade – cultura. Intenta-se assim contribuir para o fortalecimento das análises que privilegiam as cidades denominadas locais, por tanto tempo negligenciadas na ciência geográfica, enaltecendo as diversas possibilidades...

  5. Para além dos “condomínios fechados”: reflexões sobre medo, territórios fortificados e sociabilidade

    de Aquino Bayer, Hiram; Dantas, Eugenia María
    A geografia brasileira tem se debruçado sobre os estudos acerca dos chamados “condomínios fechados” e seus rebatimentos na dinâmica urbana, sobretudo, no que diz respeito a padrões de sociabilidade e em uma “negação da cidade”. Contudo, as dinâmicas atuais, cada vez mais complexas, nos pedem uma abrangência no olhar para ver essas situações além dessas formas de habitar. Tomando como ponto principal o medo nos propomos a refletir sobre essas dinâmicas para além dos condomínios fechados, considerando as formas mais “simples”, por assim dizer, de moradia. Assim, o objetivo do presente artigo é analisar a formação de enclaves territoriais que...

  6. Os conflitos ambientais da implantação do imobiliário-turístico no litoral de Sergipe, Brasil

    Pereira, Priscila; Carvalho Vilar, José Wellington
    Entre casas de praia e turismo, o mercado imobiliário e o setor turístico articulam-se de maneira integrada e concebem o imobiliário-turístico. O objetivo do presente artigo é analisar os conflitos ambientais da implantação do imobiliário-turístico no litoral de Sergipe, especificamente na Praia da Costa, no município da Barra dos Coqueiros. Para tanto, os procedimentos metodológicos utilizados foram basicamente os seguintes: pesquisa bibliográfica, pesquisa documental e trabalho de campo. Os conflitos ambientais são analisados tendo em vista as repercussões territoriais apontadas pelos moradores permanentes e pelos Estudos de Impacto Ambiental (EIA) dos empreendimentos. Os conflitos ambientais da implantação do imobiliário-turístico mostram-se...

  7. Políticas públicas e apropriação do cerrado no Estado de Goiás: uma análise a partir da microrregião de Catalão

    Martins Peixoto, Ângela Maria
    O presente trabalho tem como objetivo compreender o atual processo de ocupação das áreas de Cerrado da Microrregião de Catalão, na região sudeste do estado de Goiás. Para isso, os procedimentos metodológicos foram: revisão bibliográfica acerca da temática; levantamento de dados secundários junto ao Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) – Produção Agrícola Municipal e Censos Agropecuários, além da coleta de informações de fonte primária por meio de pesquisa de campo. Assim, torna-se evidente que essa apropriação é resultado da incorporação capitalista dos cerrados, ou seja, um processo circunscrito ao aspecto produtivo, privilegiando o cultivo de commodities como a...

  8. Patrimônio geoeducacional na formação simbólica de municípios-santuários na América do Sul

    Dennys Monteiro de Oliveira, Christian; Marques Araújo, João Fernando; dos Santos Tavares, Kelly
    A investigação aqui apresentada sistematiza uma etapa preliminar de um projeto em Geografia da Comunicação. Ele estuda questão patrimonial, articulada ao conceito de geoeducação. Utiliza leituras epistemológicas sobre imaginação criadora e dialogismo responsável (com base em Bachelard e Bakhtin), para avaliarnove santuários sul-americanos (três em Brasil, Argentina e Bolívia). Objetivo central é dar relevância ao âmbito municipal das estratégias devocionais, por intermédio da irradiação do vetor midiático. O núcleo teórico-metodológico pretende desenvolver dois conceitos emergentes na educação geográfica: “Matergrafia” e “Teopolifonia”, usados nas tipologias dos municípios-santuários em escalas regionais distintas. A leitura preliminar da difusão midiática desses municípios indicou uma...

  9. O contexto histórico da geografia econômica: o caso dos encontros de geógrafos da América Latina

    de Oliveira, Jonatan Alexandre; Malveira Diógenes, Conceição
    Este trabalho tem como objetivo analisar as perspectivas da geografia econômica latino-americana, a ênfase da pesquisa esta pautada nos trabalhos de geografia econômica apresentados nos Encontro de Geógrafos da América Latina (EGAL) entre os anos de 1987-2013. O trabalho discute os novos enfoques da geografia econômica latino-americana. Para identificação dos artigos pesquisados, utilizamos o eixo socioeconômico e o sub-item geografia econômica, verificando artigos que trabalham com questões relacionadas a geografia econômica. A respeito da metodologia foi realizado um levantamento de 53% do universo de artigos publicados ao longo das treze edições. Como um breve conclusão, os trabalhos apresentados no fim...

  10. Formação docente e recursos didáticos: a charge como possibilidade da prática docente em geografia

    Fortes de Bustamante, Antenor; Pereira da Silva Filho, Francisco; Sousa Resende, Ana Célia
    Este artigo tem como objetivo discutir a formação docente do licenciado em Geografia, bem como analisar a relação de sua prática com relação à utilização de recursos didáticos e a aprendizagem de conteúdos geográficos. Dentre os diversos recursos didáticos optou-se pelo uso da charge. Toda a discussão do artigo se dá com base nas ideias de autores como: Alves (2013), Callai (2013), Cavalcanti (2002, 2012), Tardif (2012), Zabala (1998) e outros autores que discutem a temática da formação e prática docente. A metodologia utilizada baseia-se em pesquisa bibliográfica a cerca do tema discutido no artigo, bem como levantamento de charges...

  11. Ensino de geografia e suas diferentes linguagens no processo de ensino e aprendizagem: perspectivas para a educação básica e geográfica

    Esmeraldo Alves, Cícera Cecília
    A pesquisa enfatiza questões contemporâneas do ensino da geografia a partir das diferentes linguagens para uma melhor metodologia que valorize a educação básica, numa perspectiva da educação geográfica do educando, tendo como objetivo geral refletir e propor métodos que favoreçam um ensino onde seja possível educador e educando construírem diversos saberes geográficos com o uso de linguagens que propiciem a sistematização do conhecimento geográfico e uma postura educacional-cidadã. Fundamenta-se em literatura sobre metodologia, aprendizagem, ensino de geografia, linguagens e educação básica, sendo necessário e importante para uma prática pedagógica que repense o ensino de geografia e discuta a inserção e...

  12. Cinema e ensino de geografia na escola Maria Luiza Sabóia Ribeiro, Paracuru, CE

    da Silva Moreira, Kaline; Fernandes da Costa, Luis Ricardo
    O objetivo do artigo é trabalhar o cinema como recurso didático nas aulas de geografia, discutindo a inserção do cinema no processo de ensino-aprendizagem, como aponta Barbosa (2000) e Neves & Ferraz (2007). Para a efetivação do trabalho foram aplicados o filme “O homem que copiava” e o documentário “Os rios e a vida – Amazonas” (2° e 3° ano) na escola de Ensino Médio Maria Luiza Sabóia Ribeiro, no Município de Paracuru-CE. Metodologicamente o trabalho foi realizado em quatro etapas: pesquisa bibliográfica, elaboração e aplicação das atividades cinematográficas, tratamento dos dados e aplicações dos questionários. A aplicação dos recursos...

  13. Caminhar em peregrinação

    Arilson Xavier de Souza, José
    O presente texto aborda a peregrinação a pé como uma cultura reveladora dos anseios religiosos do homem e fundadora de uma experiência unívoca em referência às paisagens percorridas e horizontes formulados – experiência espacial, física e simbólica. Propõe-se ao leitor que se coloque na condição de caminhante e, imaginariamente, encontre-se em tal geografia, podendo gerar as suas interpretações.

  14. Vulnerabilidade socioambiental em escala de detalhe: o caso de Mãe Luiza, Natal, RN, Brasil

    Marques Macedo, Yuri; Queiroz de Almeida, Lutiane; Lima Troleis, Adriano; Câmara Maciel, Ana Beatriz
    Este artigo tem como objetivo a elaboração de indicadores de risco relacionados a desastres socioambientais, sobre concepção teórico-metodológica dos estudos sobre o tema em Geografia. Tem como estudo de caso o bairro Mãe Luiza, em Natal, Estado do Rio Grande do Norte. Escolha que se deu pela ocorrência de desastres socioambientais no bairro. Visa evidenciar como foi transposto o desafio de produção de metodologia para análise do Índice de Vulnerabilidade Socioambiental (IVSA) exequível em escala de detalhe, de maneira mais simplificada possível. Para composição do IVSA, foram produzidos e correlacionados dois índices: o Índice de Vulnerabilidade Social (IVS); e o...

  15. Linguagem cartográfica no ensino de geografia

    da Silva Pereira, Débora
    O presente trabalho vem a elencar elementos dos saberes da linguagem cartográfica no ensino de geografia. Os conteúdos do saber cartográficos no ensino fundamental e médio apresentam-se, conforme depoimento de alunos e professores, como os que têm um maior grau de dificuldades no processo de ensino/aprendizagem. Tais dificuldades, por vezes, levam a uma secundarizarão desses conteúdos, seja por falta de materiais adequados, seja por carências nos domínios dos seus fundamentos teóricos e metodológicos. Tomando essa argumentação como verdadeira e sob tudo, entendendo que há de fato dificuldades nos desenvolvimentos desses conteúdos, fundamentais para a compreensão do mundo atual, seja na...

  16. Educação geográfica no projeto camponês de convivência com o semiárido

    de Oliveira, Alexandra Maria
    A escola camponesa se revela como um projeto que se recusa a aceitar o desaparecimento do campesinato e a desigualdade social no campo. Foi, portanto, uma proposta que nasceu da resistência camponesa. Este artigo apresenta uma analise sobre a educação geográfica na Escola Família Agrícola (EFA) Dom Fragoso, localizada no município de Independência, Ceará. A pesquisa foi desenvolvida por meio de visitas de campo e rodas de conversas com alunos e professores entre os anos de 2010 e 2012. Ficou constatado que a Geografia tem desenvolvido uma leitura crítica sobre a dinâmica da sociedade atual. Nessa leitura, adotar uma postura...

  17. Descobrindo o entorno escolar: estudo do meio aplicado na análise da paisagem

    Carvalho Macedo, Rebeka; Otávio Landim Neto, Francisco; da Silva, Edson Vicente
    Este trabalho tem como finalidade demonstrar as possibilidades de trabalhar o entorno escolar, compreendido como a paisagem inserida no entorno da escola EIEF Tecla Gonzaga Sales no município de Caucaia-CE, contextualizando com o ensino de Geografia para alunos no 8º ano do ensino fundamental. Efetivou-se a análise da paisagem através do estudo do meio, apontando suas contribuições para a ciência geográfica e formação docente, associando técnicas e metodologias que auxiliaram no desenvolvimento desse estudo, de forma a contribuir na formação discente e fomentando a construção de uma aprendizagem geográfica significativa. Buscou-se compreender como a análise da paisagem associada ao meio...

  18. A geografia escolar cearense: uma breve história

    Gonzaga Mendes, Eluziane
    A história da Geografia como disciplina escolar apresenta longa trajetória. Seguiu o desenvolvimento dos currículos escolares, da expansão das escolas e institucionalização da instrução pública. O período da pesquisa se desenrola a partir de 1840, momento da instalação do Liceu do Ceará, até o surgimento do primeiro curso superior de formação de professores na disciplina, datado de 1947. Das evidências periféricas da historiografia cearense foram sendo reconstruídas a estrutura e dinâmica da formação do saber geográfico local. O trabalho de investigação baseou-se, em registros de arquivos públicos e privados, bibliotecas, leituras de dissertações e teses acerca da temática e, sobretudo,...

  19. Um olhar sobre a cidade e alguns dos seus cenários: perspectivas do interacionismo simbólico e a metodologia de Erving Goffman, uma contribuição ao estudo da geografia do cotidiano

    Corrêa de Freitas Gil, Ana Helena
    Ana Helenelena Corrêa de Freitas Gil* *Doutora em Geografia – Professora de Geografia do Instituto Federal do Paraná Corêa de Freitas Gil* *Doutora em Geografia – Professora de Geografia do Instituto Federal do Paraná     O modo como as pessoas se apresentam frente as outras em suas relações sempre foi algo instigante as mais variadas correntes de pesquisas. Dentre elas, o interacionismo simbólico, que nos revela o cotidiano por meio de análises profundas. Cabe ao investigador nessa ótica, observar atentamente os processos sociais nas interações diretas entre os atores. A nossa leitura se deve especificamente à proposta da metodologia...

  20. Territorialidade dos jovens da periferia: uma etnogeografia de diversão noturna em cidades médias

    Madureira Ramos, Élvis Christian
    Este trabalho faz uma interface entre a geografia urbana e cultural, buscamos compreender como as territorialidades e sociabilidades de jovens das camadas populares, que vivem em condição de segregação socioespacial promovem suas territorialidades na cidade, para além dos espaços segregados, no âmbito do lazer noturno. Questionamos se mesmo em condição de segregação socioespacial, tais jovens conseguem saltar as escalas geográficas na cidade. Estas questões têm orientado uma pesquisa em duas cidades médias brasileiras, Bauru e Marília, cujos resultados visam contribuir para o entendimento do fenômeno da inserção destes jovens nas áreas centrais e na ampliação do entendimento dos processos socioespaciais,...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.