Mostrando recursos 61 - 80 de 2,806

  1. Carta ao Leitor

    Maria Amélia Máximo de Araújo
    A Revista Ciência em Extensão nestes últimos anos tem recebido um considerável número de artigos para submissão, o que demonstra a visibilidade que pouco a pouco é conquistada graças ao incessante trabalho de seu editor e comissão assessora. Nos sete anos de existência já publicou 226 artigos sendo: 36% na área de saúde, 20% na educação, 13% em Ciências Agrárias e Veterinárias, 10% relacionados ao Meio Ambiente, 4% em Direitos Humanos, Política e Economia e Espaços Construídos e 9% em outras áreas relacionadas à Extensão Universitária. As indexações já conseguidas no LATINDEX, PKP (Public Knowledge Project) e IBICT além do...

  2. Carta ao Leitor

    Mariângela Spotti Lopes Fujita

    CARTA AO LEITOR

    Estamos no final de 2013 encerrando um ano bastante proveitoso do ponto de vista acadêmico e editorial para esta Revista Ciência em Extensão, considerando-se que seus 3 fascículos publicaram no conjunto 20 artigos e 22 relatos de experiências, em diferentes temas, com autores, em sua maioria, externos à UNESP. Sem querer analisar quantitativamente os aspectos de autoria e de procedência institucional, é possível observar que houve boa repercussão acadêmica tanto geográfica, quanto cientifica e institucionalmente.

    Neste fascículo 3, o último do ano de 2013, houve um aumento de artigos originais em...

  3. Editorial

    Angela Cristina Cilense Zuanon; Eduardo Galhardo; José Arnaldo Frutuoso Roveda; Maria Candida Soares Del-Masso

    O conhecimento e experiências que a Extensão Universitária oferece ao ensino acadêmico de graduandos, pós-graduandos e professores das Universidades públicas e privadas deve ser divulgado, discutido e socializado mediante publicações voltadas para as diversas áreas do conhecimento. As diferentes ações dirigidas à extensão universitária, ao levarem benefícios, ciência e conhecimento às comunidades, acumulam, além de resultados importantes para a Universidade, bagagem humana, ética e cidadã.

    A UNESP, Universidade Pública, com um dos maiores números de Projetos de Extensão Universitária no país, abre este espaço como veículo de divulgação e publicação de estudos, ações e pesquisas extensionistas em todas as áreas...

  4. Editorial

    Eduardo Galhardo; Maria Candida Soares Del-Masso; José Arnaldo Frutuoso Roveda; Angela Cristina Cilense Zuanon

    A Revista Ciência em Extensão - RCE, publicação da Pró-Reitoria de Extensão Universitária – PROEX, da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" – UNESP tem como objetivo difundir os diferentes resultados das ações de extensão universitária e a sua indissociabilidade com o ensino e a pesquisa. Criada em 2004, a RCE passou a utilizar, a partir de 2008, a Plataforma SEER, sistema traduzido pelo IBICT, e todas as edições anteriores a essa data foram incluídas nesse sistema. Assim, neste ano de 2014 comemora os 10 anos de existência da RCE, momento em que se inicia a preparação de uma...

  5. Revista Ciência Em Extensão: 10 anos disseminando conhecimento e transformando a relação entre a Universidade e a Sociedade

    Mariângela Spotti Lopes Fujita; Benedito Barraviera

    A extensão universitária brasileira e a UNESP têm motivos para se orgulhar e comemorar os dez anos da Revista Ciência em Extensão - um periódico científico dedicado à extensão universitária. Iniciado em 2004 pela Pró-Reitoria de Extensão Universitária da UNESP publicou 24 fascículos com uma média de três anuais regulares e pontuais.  Nesses 10 anos observa-se em todos os fascículos o compromisso com as diversas ações de extensão em suas diferentes áreas temáticas, a saber: ciências agrárias e veterinárias, comunicação, cultura, direitos humanos, educação, espaços construídos, meio ambiente, política e economia, saúde, tecnologia e trabalho.

    Cada artigo publicado na Revista...

  6. Revista Ciência em Extensão: 10 anos discutindo Extensão Universitária

    José Arnaldo Frutuoso Roveda; Angela Cristina Cilense Zuanon; Eduardo Galhardo; Maria Candida Soares Del-Masso

    A Revista Ciência em Extensão (RCE), publicação da Pró-Reitoria de Extensão Universitária (PROEX), da Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP) apresenta, nesta edição comemorativa dos dez anos de existência, vinte e um trabalhos desenvolvidos em onze Universidades Brasileiras do Amazonas ao Rio Grande do Sul, evidenciando atividades de extensão universitária focando uma diversidade de temas conforme proposto pelo Fórum de Pró-Reitores de Extensão Universitária das Universidades Públicas Brasileiras.

    Com ênfase extensionista, a RCE divulga ações, estudos e pesquisas tendo como eixo norteador as 11 áreas temáticas propostas pela PROEX/UNESP sendo elas: (1) comunicação, (2) cultura, (3) direitos humanos,...

  7. Carta ao Leitor

    Eduardo Galhardo

    Este é o fascículo comemorativo dos dez anos de existência da Revista Ciência e Extensão – RCE, da Universidade Estadual Paulista, veículo acadêmico de divulgação de atividades de extensão de universidades de todo o Brasil. Nele, temos a publicação de dez trabalhos de universidades federais, do Amazonas ao Rio Grande do Sul, além de oito trabalhos da Universidade Estadual Paulista, um dos quais, no contexto da Economia Solidária, elaborado a muitas mãos, por autores de diversas Unidades Universitárias.

    Nesta edição, publicam-se 21 trabalhos nas seguintes áreas temáticas de extensão universitária: Saúde, com quatro artigos e seis relatos de experiências extensionistas;...

  8. Cultivo hidropônico de cultivares de alface em soluções nutritivas organominerais otimizadas com a ferramenta SOLVER

    Antonio F. Monteiro Filho; Gilmara L. Pereira; Márcia R. Q. A. Azevedo; Josely D. Fernandes; Carlos A. V. de Azevedo
    Objetivou-se, com este trabalho, avaliar o cultivo de cultivares de alface em sistema hidropônico tipo floating com soluções nutritivas otimizadas pela ferramenta SOLVER, do Microsoft Office Excel. O experimento foi conduzido no Centro de Ciências Agrárias e Ambientais da Universidade Estadual da Paraíba adotando-se o delineamento experimental inteiramente casualizado disposto em esquema fatorial 4 x 3, com três repetições. Os fatores foram 4 soluções nutritivas (S1 = 100% de solução mineral; S2 = 90% de solução mineral + 10% de solução orgânica; S3 = 84% de solução mineral + 16% de solução orgânica e S4 = 78% de solução mineral...

  9. Mudas de oiticica irrigadas com águas salinas no solo com biofertilizante bovino e potássio

    Manoel A. Diniz Neto; Ivandro de F. da Silva; Lourival F. Cavalcante; Belísia L. M. T. Diniz; José C. A. da Silva; Edcarlos C. da Silva
    Um experimento foi conduzido entre março e junho de 2012 no Centro de Ciências Agrárias da UFPB, Areia, PB, para avaliar o crescimento inicial de plantas de oiticica (Licania rigida Benth), pela altura, diâmetro caulinar, área foliar, teor de clorofila total, biomassa das raízes e da parte aérea de plantas em função da salinidade da água, biofertilizante bovino e potássio no solo. Os tratamentos foram arranjados em delineamento inteiramente casualizado, com seis repetições, em esquema fatorial 5 x 2 x 2, correspondendo a cinco águas com condutividade elétrica de 0,5; 1,5; 3,0; 4,5 e 6,0 dS m-1, dois tratamentos sem...

  10. Metais pesados no solo e mamoneira adubada com biossólido e silicato de cálcio e magnésio

    Altina L. Nascimento; Geraldo R. Zuba Junio; Regynaldo A. Sampaio; Luiz A. Fernandes; João P. Carneiro; Cristiane F. Barbosa
    O biossólido é excelente fonte de nutrientes de plantas; entretanto, pode contaminar o solo. O trabalho teve por objetivo avaliar a influência da adubação com composto de lodo de esgoto e silicato de cálcio e magnésio, nos teores de metais pesados no solo e em plantas de mamona. O experimento foi conduzido no Instituto de Ciências Agrárias da UFMG em Montes Claros, MG, no período de junho a dezembro de 2010. O cultivo foi realizado em área de Cambissolo Háplico utilizando-se a mamona (Ricinus communis L.) variedade BRS Energia. O delineamento foi em blocos casualizados em arranjo fatorial 2 x...

  11. Potencial antioxidante de 10 accesiones de yacón, Smallanthus sonchifolius (Poepp. & Endl.) H. Robinson, procedentes de Cajamarca - Perú

    Inés Arnao; Juan Seminario; Ruth Cisneros; Juan Trabucco
    El yacón (Smallanthus sonchifolius) es parte de nuestra biodiversidad alimentaria y medicinal, utilizándose tanto las raíces como las hojas, por sus propiedades antioxidantes, hipoglicemiantes y antibacterianas. Por estas características, su uso como alimento funcional y/o nutracéutico es promisorio. Objetivos: Evaluar la capacidad antioxidante de 10 accesiones de yacón procedentes de Cajamarca. Diseño: Estudio descriptivo, transversal y prospectivo. Instituciones: Centro de Investigación de Bioquímica y Nutrición, Facultad de Medicina, UNMSM y Universidad Nacional de Cajamarca (UNC), Perú. Material biológico: Hojas y raíces de yacón. Intervenciones: Se usó hojas y raíces de plantas de yacón cultivadas en el Campo Experimental del Programa...

  12. A colaboração Brasil-França na pesquisa em ciências agrárias (2004-2013)

    Arcanjo De Lima, Ricardo; Aventurier, Pascal; Fausto, Sibele
    Este trabalho objetiva investigar como se apresenta a colaboração Brasil-França na pesquisa em Ciências Agrárias, verificando aspectos bibliométricos dessa parceria no período de dez (10) anos, entre 2004 a 2013, além de visualizar a rede institucional formada por essas colaborações através de uma ferramenta de Análise de Redes Sociais (ARS).

  13. Grupos de insetos visitantes florais da lichieira (Litchi chinensis Sonn.) em Jaboticabal, estado de São Paulo, Brasil

    Ivan Carlos Fernandes Martins; Ludmilla de Lima Cavallari; Gianni Queiroz Haddad; Tiago Augusto; Francisco Jorge Cividanes; Antonio Baldo Geraldo Martins
    Os objetivos deste estudo foram identificar grupos de insetos visitantes de flores da lichieira (Litchi chinensis Sonn.), determinar horários de maior visitação, analisar a influência da altura das inflorescências na ocorrência desses visitantes florais e verificar se a incidência de sol beneficia sua presença. O experimento foi desenvolvido na Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias da Universidade Estadual Paulista FCAV/UNESP. As observações ocorreram em agosto e setembro de 2008, totalizando cinco em todo o período. Foram estabelecidos dois períodos diários de observação das 10:00 às 12:00 h e 16:00 às 18:00 h, sendo observado quatro pontos na área. Os dados...

  14. Influencia del porta-injertos y la época de cosecha sobre la calidad de pomelo (Citrus paradisis Macfad) variedad Rio Red

    Andrés José Armadans Rojas; Nancy Virginia Villalba Romero; Hugo Rodríguez
    En el campo experimental de la Facultad de Ciencias Agrarias de la Universidad Nacional de Asunción San Lorenzo, Paraguay, se estudió la influencia del tipo de porta-injerto y la época de cosecha sobre la calidad del fruto del pomelo rosado (Citrus paradisis. Macfad) var. Rio Red. Se utilizó un diseño experimental de bloques completos al azar con arreglo en parcelas subdivididas, siendo la parcela principal las épocas (abril, mayo y junio) de cosecha y la subparcela los porta-injertos [tangelo Orlando -Citrus tangerina Hort. ex Tanaka x Citrus paradisi Macfad., limón rugoso -Citrus jambhiri Luch, lima Rangpur -Citrus limonia y Citrange...

  15. Destino del nitrógeno aplicado en un cultivo de sésamo (Sesamum indicum L.) en un suelo degradado de Paraguay: Fate of nitrogen applied to a sesame crop (Sesamum indicum L.) in a degraded soil of Paraguay

    Alba Liz González; Héctor Javier Causarano Medina
    En Paraguay el cultivo de sésamo (Sesamum indicum L.) es cada vez menos productivo debido a la degradación de la fertilidad de los suelos. La fertilización nitrogenada eleva los rendimientos en suelos pobres en este nutriente, pero su eficiencia aún no es bien conocida. En el estudio se utilizó la técnica isotópica para determinar el destino del N aplicado a un cultivo de sésamo. En el campo experimental de la Facultad de Ciencias Agrarias de la Universidad Nacional de Asunción, Paraguay, en un diseño experimental de bloques completos al azar se estudió la eficiencia en la aplicación de N como...

  16. Macroscopic description of the external and middle ear of paca (Cuniculus paca Linnaeus, 1766)

    Leandro L. Martins; Ijanete Almeida-Silva; Maria Rossato; Adriana A.B. Murashima; Miguel A. Hyppolito; Marcia R.F. Machado
    Abstract: Paca (Cuniculus paca), one of the largest rodents of the Brazilian fauna, has inherent characteristics of its species which can conribute as a new option for animal experimantation. As there is a growing demand for suitable experimental models in audiologic and otologic surgical research, the gross anatomy and ultrastructural ear of this rodent have been analyzed and described in detail. Fifteen adult pacas from the Wild Animals Sector herd of Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinárias, Unesp-Jaboticabal, were used in this study. After anesthesia and euthanasia, we evaluated the entire composition of the external ear, registering and ddescribing the...

  17. Modificações na estrutura vertical de pastos de capim-xaraés sob lotação intermitente por bovinos

    L. Galzerano; E. B. Malheiros; E. Raposo; E. S. Morgado; A. C. Ruggieri
    RESUMOO objetivo deste trabalho foi avaliar os efeitos dos índices de área foliar residual (IAFr), dos anos de avaliação e dos ciclos de pastejo sobre as modificações na estrutura vertical do dossle, bem como a proporção de componentes morfológicos de pastos capim-xaraés submetidos a intensidades de pastejo, durante dois verões. O experimento foi conduzido na Faculdade de Ciências Agrárias e Veterinária da Unesp, Câmpus de Jaboticabal, SP, e as intensidades de pastejos foram definidas por IAFr: 0,8; 1,3; 1,8 e 2,3. Quando o dossel interceptou 95% da luz incidente, os animais foram colocados no piquete para o pastejo e permaneceram...

  18. Padrões tipológicos da função interpessoal modalidade em artigos científicos de ciências agrárias: diferenças e similitudes entre português e inglês

    Tania Regina de Souza Romero; Norma Lírio de Leão Joseph
    Pautando-se pelo propósito de subsidiar o ensino de inglês para fins acadêmicos para pós-graduandos de ciências agrárias, as autoras identificam padrões tipológicos de modalidade entre o inglês e o português brasileiro, especificamente em artigos científicos de ciências agrárias. Os artigos são processados no software AntConc 3.2.1w para identificação de estruturas modalizadas. Em seguida, categoriza-se os itens foco para que, então, se contraste o uso e frequência em uma língua e outra. Os resultados mostram uma grande convergência de uso, o que indica a possibilidade de abordagens de ensino baseadas em familiaridade com o gênero. Concluindo, as autoras refletem sobre a...

  19. Vigor de sementes de milho cv. 'Sertanejo' por testes baseados no desempenho de plântulas

    Daniela Vieira dos Anjos Sena; Edna Ursulino Alves; Dayana Silva de Medeiros
    RESUMO: Os testes de vigor são importantes no monitoramento da qualidade dos lotes de sementes, pois possibilitam a diferenciação entre eles, fornecendo informações adicionais ao teste de germinação. Dessa forma, no presente trabalho, o objetivo foi avaliar a sensibilidade de diferentes testes de vigor baseados no desempenho de plântulas para separação de lotes de sementes de milho cv. 'Sertanejo'. O experimento foi realizado no Laboratório de Análise de Sementes do Centro de Ciências Agrárias da Universidade Federal da Paraíba, utilizando-se 20 lotes de sementes, em delineamento inteiramente ao acaso, com exceção do teste de emergência em campo, para o qual...

  20. A produção científica do Rio Grande do Sul em Ciências Agrárias representada na base Web of Science

    Rosely de Andrade Vargas; Samile Andréa de Souza Vanz
    Este trabalho caracteriza a produção científica do Rio Grande do Sul em Ciências Agrárias representada na base de dados Web of Science de 2000 a 2010. A partir da análise de 6.617 registros, feita com o auxílio do software Bibexcel, são identificados documentos, idiomas e revistas mais utilizadas pelos pesquisadores gaúchos na divulgação de suas investigações. Apresenta-se também a evolução anual da produção e as instituições de ensino e pesquisa mais produtivas. Os resultados mostram que a produção científica do Estado em Ciências Agrárias indexada na base registrou forte crescimento, ascendendo de 179 documentos em 2000 para 1.107 documentos em...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.