Mostrando recursos 1 - 20 de 455

  1. Basalto moído como fonte de nutrientes

    Escosteguy, Pedro Alexandre Varella; Klamt, Egon
    As rochas basálticas são predominantes, como material de origem, nos solos existentes em grandes áreas do Sul do Brasil, apresentando muitos dos principais nutrientes das plantas na sua composição. O objetivo deste estudo consistiu em avaliar o efeito da adição de doses crescentes de basalto moído sobre a disponibilidade de nutrientes no solo, durante três períodos de incubação. As rochas utilizadas foram um basalto microcristalino e uma olivina-basalto. As doses corresponderam a 0, 5, 10, 25, 50 e 100 t ha-1 e foram adicionadas em um Latossolo Vermelho-Escuro e em um Podzólico Vermelho-Amarelo. O experimento foi desenvolvido em casa de...

  2. Eficiência de absorção, translocação e utilização de fósforo por variedades de trigo

    Abichequer, Andre Dabdab; Bohnen, Humberto
    Com vistas em obter variedades de trigo mais eficientes na absorção e, ou, utilização de fósforo, é importante a investigação das causas da maior eficiência de certas variedades. Realizou-se um experimento em solução nutritiva, com quatro concentrações de fósforo (1,6; 4,8; 12,9 e 32,3 μmol L-1), comparando cultivares considerados eficientes (Toropi e IAC 5) e ineficientes (IAS 20 e CNT 8) quanto à absorção de fósforo, translocação e utilização do nutriente, matéria seca produzida e morfologia das raízes (comprimento, raio médio e área superficial). O cultivo foi realizado em outubro e novembro de 1993, em casa de vegetação da Faculdade...

  3. Efeitos de herbicidas aplicados no período reprodutivo sobre o crescimento inicial de plantas daninhas na geração seguinte

    Andres, Andre; Fleck, Nilson Gilberto
    Em 1990, 91 e 92 foi conduzido experimento na Faculdade de Agronomia da UFRS, em Porto Alegre, RS, com o objetivo de avaliar os efeito s de herbicidas aspergido s durante a fase reprodutiva em balãozinho (Cardiospermum halicacabum), corriola (Ipomoea grandifolia) e quinquilho (Datura stramonium). Foram testados dois compostos imidazolinonas (imazaquin e imazethapyr) e duas sulfoniluréias (chlorimuron e metsulfuron), e avaliadas as áreas foliar e cotiledonar, estatura e matéria seca das plântulas da geração seguinte. Em quinquilho, as áreas foliar e cotiledonar das plântulas aspergidas não diferiram da testemunha. Já as estaturas de balãozinho e quinquilho foram afetadas pelos herbicidas:...

  4. Decisão n.º026/2018, de 05 de janeiro de 2018 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Acordo Específico de Cooperação entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, e a Universidad Nacional del Nordeste, Argentina.

  5. Decisão n.º026/2018, de 05 de janeiro de 2018 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Acordo Específico de Cooperação entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, e a Universidad Nacional del Nordeste, Argentina.

  6. Decisão n.º023/2018, de 05 de janeiro de 2018 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Termo de Cooperação entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, a Associação Alfasol e a Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - FAURGS.

  7. Decisão n.º023/2018, de 05 de janeiro de 2018 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Termo de Cooperação entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, a Associação Alfasol e a Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - FAURGS.

  8. Decisão n.º316/2017, de 15 de dezembro de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Termo de Cooperação entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, e a Empresa BASF S.A., com a interveniência administrativa da Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - FAURGS.

  9. Decisão n.º316/2017, de 15 de dezembro de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Termo de Cooperação entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, e a Empresa BASF S.A., com a interveniência administrativa da Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - FAURGS.

  10. Decisão n.º307/2017, de 15 de dezembro de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Contrato de Cooperação Técnica entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - EMBRAPA, a Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - FAURGS, a Fundação de Apoio à Pesquisa Edmundo Ga

  11. Decisão n.º307/2017, de 15 de dezembro de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Contrato de Cooperação Técnica entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, a Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - EMBRAPA, a Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - FAURGS, a Fundação de Apoio à Pesquisa Edmundo Ga

  12. Decisão n.º272/2017, de 27 de outubro de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Acordo de Cooperação entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, e a Utah State University, EUA.

  13. Decisão n.º272/2017, de 27 de outubro de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Acordo de Cooperação entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, e a Utah State University, EUA.

  14. Decisão n.º223/2017, de 22 de setembro de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Terceiro Termo Aditivo ao Convênio entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, e a Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - FAURGS.

  15. Decisão n.º223/2017, de 22 de setembro de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Terceiro Termo Aditivo ao Convênio entre a UFRGS, através da Faculdade de Agronomia, e a Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - FAURGS.

  16. Module d'enseignement en formation ingénieur en agronomie sur le travail des agriculteurs à AgroSup Dijon. Plaquette diffusée sur le site internet de l’Institut de l’Elevage. Juillet 2016. 6 pages

    Mugnier, Sylvie; Servière, Gérard; Cournut, Sylvie; Hostiou, Nathalie
    Module d'enseignement en formation ingénieur en agronomie sur le travail des agriculteurs à AgroSup Dijon. Plaquette diffusée sur le site internet de l’Institut de l’Elevage. Juillet 2016. 6 pages

  17. Module d'enseignement en formation ingénieur en agronomie sur le travail des agriculteurs à AgroSup Dijon. Plaquette diffusée sur le site internet de l’Institut de l’Elevage. Juillet 2016. 6 pages

    Mugnier, Sylvie; Servière, Gérard; Cournut, Sylvie; Hostiou, Nathalie
    Module d'enseignement en formation ingénieur en agronomie sur le travail des agriculteurs à AgroSup Dijon. Plaquette diffusée sur le site internet de l’Institut de l’Elevage. Juillet 2016. 6 pages

  18. Module d'enseignement en formation ingénieur en agronomie sur le travail des agriculteurs à AgroSup Dijon. Plaquette diffusée sur le site internet de l’Institut de l’Elevage. Juillet 2016. 6 pages

    Mugnier, Sylvie; Servière, Gérard; Cournut, Sylvie; Hostiou, Nathalie
    Module d'enseignement en formation ingénieur en agronomie sur le travail des agriculteurs à AgroSup Dijon. Plaquette diffusée sur le site internet de l’Institut de l’Elevage. Juillet 2016. 6 pages

  19. Evolution d'un réseau d'irrigation ancien dans le Népal central : Aslewacaur

    Aubriot, Olivia
    Collation: multigr., ill, cartes HT, Note de thèse: Diplôme d'ingénieur, Agronomie tropicale : CNEARC, ESAT, IRAT

  20. Movimiento Estudiantil de Veterinaria y Agronomía. Fortalecer e integrar nuestro medio.

    Obregón, Pedro Walter
    El movimiento estudiantil surge para atender a un conjunto de necesidades detectadas: Los ingresantes se encuentran desorientados en la transición desde el colegio hacia la vida universitaria. Incertidumbre en el pasaje entre recibirse y empezar a ejercer la profesión. Dificultades en regularizar materias durante el transcurso de la carrera. Estrés en situaciones evaluativas. Falta de participación en las actividades que ofrece la universidad Falta de integración entre los alumnos de diferentes años y entre las dos carreras de la facultad.

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.