Mostrando recursos 1 - 20 de 17.214

  1. Operação Balada Segura uma análise da implementação do programa no RS

    Vieira, Jane de Souza
    A violência no trânsito é um problema atual e preocupante. Nos últimos anos, milhares de pessoas perderam a vida nas estradas ou sofreram sequelas irreversíveis em todo o mundo. Segundo a ONU, os acidentes de trânsito são considerados a nona causa de mortes no planeta. Dados da OMS afirmam que se nenhuma ação mundial for empreendida, até 2020 o número de mortes por acidentes de trânsito poderá chegar a 1,9 milhão. Diante deste quadro de insegurança, a ONU estabeleceu a Década de Ação pela Segurança no Trânsito, cujo intuito é reduzir em 50% os níveis atuais de mortalidade e lesões...

  2. Avaliação do efeito antiproliferativo do ditelureto de difenila em células de câncer colo retal

    Juchem, André Luiz Mendes
    O câncer colorretal (CCR) é o terceiro tipo de neoplasia maligna mais frequente no mundo, o qual apresenta elevadas taxas de mortalidade. Os compostos organotelurados (OT) possuem interessantes efeitos biológicos, como potenciais antioxidantes e ações antiproliferativas. O ditelureto de difenila (DTDF), um composto OT, simples e estável, atualmente é investigado quanto aos seus efeitos biológicos. Em estudos anteriores, o DTDF apresentou ação antigenotóxica e antimutagênica em baixas concentrações. No entanto, em concentrações mais elevadas, o DTDF mostrou-se citotóxico em células de mamífero (V79) pela indução de genotoxicidade, parada do ciclo celular e inibição de topoisomerase I (TopoI). Por conseguinte, a...

  3. A intervenção do enfermeiro especialista em enfermagem de reabilitação na promoção da permeabilidade da via aérea do utente com patologia respiratória

    Silva, Maria João Santos
    Segundo a DGS (2014), a mortalidade global por doenças respiratórias tem vindo a aumentar de forma consistente nos últimos 20 anos, constituindo a terceira principal causa de morte a seguir às doenças do aparelho circulatório e aos tumores malignos. Este aumento traduz-se em custos diretos e indiretos para o estado. A DGS (2005) refere que são necessárias medidas que permitam promover a recuperação da capacidade ventiladora e respiratória do doente, reduzindo tempos de internamento e gastos medicamentosos e melhorar a qualidade de vida e o seu bem-estar, do qual beneficia a família, em particular, e a sociedade, em geral. O...

  4. Tratamento da hipertensão arterial no diabetes melito

    Reck, Luciana Loss; Silveiro, Sandra Pinho; Leitão, Cristiane Bauermann
    A associação de hipertensão arterial sistêmica (HAS) e diabetes melito (DM) é bastante comum, acometendo mais de 60% dos pacientes com DM tipo 2. Os benefícios do tratamento da HAS nesses pacientes são bem definidos, entretanto há controvérsia em relação ao alvo de pressão a ser atingido nesses pacientes com o tratamento. O esquema terapêutico a ser utilizado deve levar em consideração não só o efeito dos medicamentos sobre a pressão arterial, mas também seus efeitos em mortalidade e complicações do DM. Na maior parte das recomendações nacionais e internacionais, os inibidores da enzima conversora da angiotensina são considerados drogas...

  5. Cofilina-1 (CFL-1) correlaciona-se à sobrevida mediana em pacientes com carcinoma de pulmão não de pequenas células tratados com radioterapia

    Leal, Matheus Hermes
    Base teórica: O câncer de pulmão é uma doença com alta incidência e mortalidade, cujo prognóstico permanece discreto apesar do melhor entendimento da doença nas últimas décadas. A radioterapia tem papel terapêutico em todos os estágios da doença. A expressão da cofilina-1, uma proteína relacionada à mobilidade celular, determinou maior radiossensibilidade a células de adenocarcinoma brônquico em estudos in vitro, porém pior sobrevida em estádios iniciais Objetivo: Avaliar se a expressão da cofilina-1 interfere na sobrevida e no controle local em pacientes com câncer de pulmão submetidos a tratamento com radioterapia definitiva Métodos: Foram avaliados pacientes com câncer de pulmão...

  6. Análise da resistência de Klebsiella pneumoniae aos carbapenêmicos e opções terapêuticas disponíveis

    Pioner, Karine
    A resistência bacteriana tem causado uma grande preocupação mundial e cada vez mais tem despertado a atenção dos órgãos e profissionais da saúde. Dentre os diversos microrganismos resistentes, a Klebsiella pneumoniae produtora de carbapenemases (KPC) tem sido um problema sério na área da saúde, devido ao aumento crescente do número de casos com altas taxas de mortalidade. A KPC ocorre mais frequentemente em K. pneumoniae porém, também pode ser identificada em outras bactérias. Os pacientes infectados pela K. pneumoniae produtora de KPC apresentam sinais e sintomas como febre, taquicardia, piora do quadro respiratório e, nos casos mais graves, hipotensão, inchaço...

  7. Paciente obeso crítico : desafio no desmame da ventilação mecânica invasiva

    Schmidt, Débora; Araújo, Tatiane Gomes de; Coelho, Ana Claudia
    Objetivos: Identificar as principais características de pacientes obesos durante a internação em uma Unidade de Terapia Intensiva (UTI) e compará-los a um grupo de pacientes não obesos e identificar se a obesidade influencia no desmame da ventilação mecânica (VM). Método: Trata-se de uma coorte retrospectiva de 60 pacientes adultos (30 obesos e 30 não obesos) admitidos na UTI de um hospital público terciário de Porto Alegre/RS, pareados quanto a idade, sexo e motivo da internação. Resultados: A idade média dos pacientes foi 59±12 anos, sendo 42 mulheres. A principal causa de internação na UTI foi insuficiência respiratória aguda (64%). O...

  8. Incidência de infecções por Enterobactérias resistentes a carbapenêmicos em pacientes previamente colonizados

    Rodrigues, Paula Lüttjohann
    Introdução: Nos últimos anos, a incidência mundial de enterobactérias resistentes a carbapenêmicos (ERC) tem aumentado. A disseminação de ERC é preocupante considerando as limitações terapêuticas e a alta mortalidade de infecções associadas as mesmas. O objetivo deste estudo foi determinar a incidência de infecções por ERC em pacientes previamente colonizados. Métodos: Estudo transversal, retrospectivo, realizado em hospital universitário misto de Porto Alegre. Foram avaliados prontuários de pacientes internados no período de janeiro a dezembro de 2014, que coletaram, em algum momento da sua internação, swab retal para pesquisa de ERC. A mortalidade bruta foi analisada em 30 dias após o...

  9. Comparação do estado nutricional obtido através de antropometria e bioimpedância em crianças e adolescentes submetidos a tratamento quimioterápico em um hospital no Sul do Brasil

    Carraro, Julia de Lima; Schwartz, Renata; Behling, Estela Beatriz
    Introdução: estudos demonstram o impacto do estado nutricional na qualidade de vida e prognóstico de pacientes pediátricos com câncer. A composição corporal pode afetar a mortalidade e morbidade, porém poucos trabalhos utilizam a bioimpedância nessa população. Objetivo: comparar o estado nutricional obtido através de antropometria com a bioimpedância em crianças e adolescentes submetidos a tratamento quimioterápico. Métodos: foram incluídos pacientes internados no Hospital de Clínicas de Porto Alegre, com idade entre 4 e 18 anos que haviam realizado pelo menos um ciclo de quimioterapia. Foram coletados dados de peso, estatura, circunferência do braço, prega cutânea tricipital e área muscular do...

  10. Transplante de ilhotas pancreáticas humanas : revisão da literatura e implantação de um laboratório de isolamento de ilhotas pancreáticas

    Rheinheimer, Jakeline; Leitão, Cristiane Bauermann; Rohde, Carolina Meurer; Rech, Tatiana Helena; Kramer, Caroline Kaercher; Steemburgo, Thais; Barkan, Sabrina Sigal; Grezzana Filho, Tomáz de Jesus Maria; Kruel, Cleber Rosito Pinto; Osvaldt, Alessandro Bersch; Azevedo, Mirela Jobim de; Gross, Jorge Luiz; Crispim, Daisy
    O diabetes melito tipo 1 (DM1) está associado ao desenvolvimento de complicações crônicas de elevada morbi-mortalidade em indivíduos jovens em idade produtiva. A terapia intensiva com insulina comprovadamente diminui o aparecimento das complicações crônicas da doença. Entretanto, essa terapia ainda está associada ao aumento da incidência de hipoglicemia. Em pacientes com “DM1 lábil”, os quais apresentam hipoglicemias graves sem sintomas de alerta, o transplante de ilhotas pancreáticas humanas é uma das melhores alternativas para restaurar a secreção de insulina e a percepção da hipoglicemia. Cerca de 80% dos pacientes que receberam transplante de ilhotas de mais de um doador, submetidos...

  11. Polimorfismo 1166A>C NO gene do receptor tipo 1 da angiotensina II (AGTR1) na insuficiência cardíaca

    Ferreira, Luciana Silveira
    A insuficiência cardíaca é uma síndrome clínica com débito cardíaco insuficiente, que configura uma das principais causas de morbidade e mortalidade. O sistema renina-angiotensina-aldosterona (SRAA) tem um papel importante na fisiopatologia da IC, e sua estimulação crônica afeta negativamente o coração por meio da vasoconstrição, retenção de água e sódio, remodelamento cardíaco e fibrose miocárdica. A angiotensina II é um componente ativo do SRAA e sua ação é relevante para a função e estrutura cardiovascular, sendo mediada pelo receptor AT1R. O AT1R é um receptor acoplado à proteína G que medeia a maior parte das ações biológicas do SRAA, no...

  12. Efetividade e custo do tratamento invasivo da estenose valvar aórtica

    Tognon, Alexandre Pereira
    O expressivo número de brasileiros que necessitam correção anatômica da estenose valvar aórtica acentuada e que não realizam cirurgia de substituição valvar devido ao risco proibitivo justifica a necessidade de investigação, tanto da efetividade no cenário clínico real quanto dos custos impostos ao Sistema Único de Saúde e aos planos de saúde suplementar brasileiros pela incorporação do implante transcateter de valva aórtica, que tem se demonstrado efetivo mas oneroso, internacionalmente. No primeiro artigo da tese, avaliaram-se os desfechos intra-hospitalares, a sobrevida e o reembolso pela internação hospitalar de 41 pacientes com idade média de 78,7 ± 6,3 anos, estenose valvar...

  13. Aplicabilidade da estimativa da hemoglobina glicada a partir da albumina glicada em pacientes com diabetes mellitus tipo 2 e diferentes graus de comprometimento renal

    Aguiar, Ana Paula Costa de
    O diabetes mellitus (DM) é uma doença crônica com alto índice de morbidade e mortalidade, sendo considerado um dos maiores problemas de saúde pública do século 21, afetando aproximadamente 415 milhões de pessoas. As complicações em longo prazo do DM incluem a doença renal, a qual pode levar à falência renal, a retinopatia com perda potencial da visão e neuropatia, bem como o risco de amputações. A hemoglobina glicada (A1c) é considerada o parâmetro de referência na avaliação do controle glicêmico de pacientes com DM. No entanto, a mensuração da A1c pode não ser adequada para avaliar as variações em...

  14. O papel da suplementação com ácido fólico como estratégia preventiva e neuroprotetora : um estudo avaliando os seus efeitos in vivo e in vitro

    Carletti, Jaqueline Vieira
    A hipóxia-isquemia neonatal (HI) é um dos principais motivos de mortalidade e morbidade perinatal. Diferentes causas estão associadas à HI, tais como: interrupção do fluxo sanguíneo, ineficientes trocas gasosas pela placenta, prematuridade, pré-eclâmpsia (PE), entre outras. Achados prévios do nosso grupo, utilizando o ácido fólico (AF) como estratégia terapêutica na HI, mostraram que o tratamento foi efetivo em amenizar alguns danos em animais submetidos ao modelo de encefalopatia hipóxico-isquêmica (EHI). Os objetivos do presente estudo foram investigar os efeitos/consequências do tratamento/suplementação com AF durante: (i) a EHI em ratos submetidos ao modelo Rice-Vannucci, e (ii) o tratamento com tert-butil-hidroperóxido (TBH)...

  15. Parâmetros nutricionais na predição da mortalidade em 30 e 90 dias pós gastrectomia por câncer

    Poziomyck, Aline Kirjner
    Introdução: A desnutrição é muito prevalente em pacientes com câncer gástrico e aumenta o risco de morbidade e mortalidade. O objetivo deste estudo foi determinar qual o método de avaliação nutricional melhor prediz a mortalidade de 90 dias. Métodos: Quarenta e quatro pacientes, 29 homens e 15 mulheres; média(DP) 63 anos de idade (10,2) anos (intervalo = 34 a 83), submetidos a ressecções cirúrgicas, nove gastrectomias parciais e 34 (77,3%) gastrectomias totais para os tumores do estômago (Estágio II a IIIa ) foram avaliados no pré-operatório pela Avaliação Subjetiva Global Produzida Pelo Paciente (ASG-PPP), antropometria e métodos laboratoriais como previamente...

  16. Alcoolização e embolização arterial como terapias-ponte ao transplante hepático no tratamento do hepatocarcinoma relacionado ao vírus da hepatite C

    Chedid, Márcio Fernandes
    Racional: O carcinoma hepatocelular é uma neoplasia maligna agressiva com elevada morbidade e mortalidade. Objetivo: Revisão da literatura sobre o diagnóstico e o manejo do carcinoma hepatocelular nos vários estágios da doença. Método: Revisão da literatura utilizando a base Medline/PubMed e literatura adicional. Resultados: O carcinoma hepatocelular é geralmente complicação da cirrose hepática. As hepatites virais crônicas B e C também são fatores de risco para o surgimento do carcinoma hepatocelular. Quando associado à cirrose hepática, o carcinoma hepatocelular geralmente surge a partir da evolução de um nódulo regenerativo hepatocitário que sofre degeneração maligna. O diagnóstico é efetuado através de...

  17. Alimentação entérica na pessoa com demência: efeitos, indicações e benefícios

    Alves, Daniela; Sapeta, Paula
    Objetivo: Esta revisão sistemática da literatura pretende esclarecer as indicações do uso da alimentação entérica na pessoa com demência. As dificuldades na alimentação da pessoa com demência podem surgir em qualquer fase da doença, manifestando-se por desnutri- ção, perda de peso, decréscimo da qualidade de vida, entre outras. A alimentação entérica por sonda pode ser uma das opções para minorar o seu efeito, onde ainda se discute os seus benefícios. Métodos: Foram incluídos 8 estudos de natureza qualitativa: 5 artigos de fonte primária, 3 artigos de revisão sistemática da literatura, publicados no horizonte temporal de 2008 a 2013. Resultados: A alimentação entérica por sonda na pessoa com...

  18. Precauções básicas de controlo de infeção na sala de hemodiálise :

    Rodrigues, Carla
    As Infeções Associadas aos Cuidados de Saúde (IACS) são uma causa significativa de mortalidade e morbilidade, bem como de encargos financeiros avultados para o sistema de saúde (OMS, 2011). Segundo a Direção Geral de Saúde (DGS) (2013) a taxa de infeção hospitalar em Portugal é mais elevada do que a média europeia. As infeções, no doente em programa de hemodiálise, representam um aumento da morbilidade com consequentes internamentos e administração de antimicrobianos, bem como o risco de aparecimento de microrganismos multirresistentes (Pina, 2010b). As normas para as Precauções Básicas para o Controlo de Infeção (PBCI) têm como objetivo travar a transmissão...

  19. O regresso ao domicílio do utente com AVC :

    Domingues, Andreia Lopes
    Introdução: O Acidente Vascular Cerebral (AVC) encontra-se entre as,principais causas de mortalidade e morbilidade em todo o mundo. Além das alterações funcionais e cognitivas que provoca, constitui um problema social interferindo no papel que o indivíduo desempenha na sociedade. Muitas das vezes e tendo em conta as incapacidades resultantes desta doença, surge a necessidade de um cuidador informal para a realização dos cuidados no domicílio, pelo que o acompanhamento do utente e cuidador se torna essencial para a equipa de saúde, especialmente para o Enfermeiro Especialista em Enfermagem de Reabilitação (EEER). Tendo em conta as competências específicas, é o profissional capaz...

  20. A proteína 1 relacionada a uteroglobulina está associada a gravidade da injúria inalatória

    Henrich, Sabrina Frighetto
    INTRODUÇÃO: A mortalidade das vítimas de queimaduras tem diminuído nos últimos anos e a lesão inalatória tornou-se a principal causa de morte. As consequências da inalação por fumaça resultam de uma resposta inflamatória que envolve vários mediadores. A proteína 1 relacionada a uteroglobulina (UGRP1) é uma secretoglobulina antinflamatória específica do pulmão que pode desempenhar um papel na inflamação pulmonar. OBJETIVO: Investigar se a expressão precoce da UGRP1 na inalação de fumaça está relacionada com a severidade da injúria inalatória. MÉTODOS: Nós estudamos 16 pacientes críticos vítimas de queimaduras. Todos os pacientes foram mecanicamente ventilados por Síndrome da Angústia Respiratória do...

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.