Mostrando recursos 21 - 40 de 10.750

  1. Humanness and (im)morality in group relations

    Henriques, Ana Patrícia Matos
    Tese de Doutoramento em Psicologia na área de especialidade - Psicologia Social

  2. Relação professor-aluno : a dimensão afetiva no processo de aprendizagem da língua estrangeira

    Führ, Daniela Paulina
    Este trabalho tem como objetivo investigar de que forma a relação de afetividade estabelecida entre professor e aluno influencia a aprendizagem de língua estrangeira. Para isso, apresentamos estudos da didática, da educação e da psicologia, com o intuito de identificar como essa temática é tratada nas três áreas. Nessa revisão bibliográfica, abordaremos temas como: ambiente de sala de aula; abordagens de ensino voltadas ao estabelecimento de laços; ações, atitudes e postura do professor em aula; tipos de aprendentes e traços de personalidade dos aprendentes. Esse percurso servirá de embasamento para nossa pesquisa de campo futura, que terá como objetivos verificar...

  3. Decisão n.º053/2017, de 17 de março de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Protocolo de Cooperação entre a UFRGS, através do Instituto de Psicologia, e a Universidade Veiga de Almeida - UVA.

  4. A confiabilidade da prova testemunhla no processo penal e a produção antecipada de provas como instrumento de redução de danos

    Peretti, Gustavo Bisotto
    O presente estudo visa a abordar criticamente a produção e valoração da prova testemunhal no processo penal brasileiro. Nesse sentido, o objetivo foi o de questionar o grau de confiabilidade desse meio de prova a partir de aporte teórico da área da Psicologia do Testemunho. Dessa forma, buscou-se determinar quais fatores influenciam a qualidade da prova testemunhal, bem como quais métodos e procedimentos poderiam ser adotados a fim de elevá-la. A hipótese é a de que a prova testemunhal produzida no processo penal em âmbito nacional costuma ser de baixa qualidade, o que decorreria, principalmente, do largo período de tempo...

  5. Racismo e a produção de esteriótipos : impactos na subjetividade da criança negra no Brasil

    Silva, Caroline Damazio da
    O racismo continua sendo um potente atravessador na produção de subjetividade do povo brasileiro. De acordo com Maria Lucia Silva (2004), o racismo altera os processos de subjetivação e de autoconceito da pessoa negra, desvalorizando a sua autoimagem, provocando um sentimento de inferioridade. Nessa direção, este trabalho aborda o quão forte é a interferência dos estereótipos na vida da pessoa negra. Objetivando discutir principalmente os impactos do uso de estereótipos na subjetividade de crianças negras. A estereotipização é um fator constantemente presente na vida da pessoa negra, visto que desde a infância são poucos os referenciais positivos que as mesmas...

  6. A experiência da amamentação no contexto da depressão pós-parto

    Schneider, Michele Caroline
    O ato de amamentar pode ou não estar presente após o nascimento de um bebê. Em tal fato podem estar envolvidas diversas questões fisiológicas, psicológicas e sociais. Neste sentido, este trabalho investigou a experiência da amamentação em mães com e sem depressão pós-parto, através de entrevista. Participaram seis mães avaliadas conforme a Escala de Depressão Pós-parto de Edimburgo (EPDS) e o Mini Mental Neuropsychiatric Interview (M.I.N.I.). A análise de conteúdo qualitativa das entrevistas revelou que a depressão pós-parto pareceu não estar relacionada a uma maior dificuldade na amamentação, embora tenham sido identificadas particularidades entre as mães com e sem depressão...

  7. Análise Classificatória ou Classificação Automática na Sociedade Atual

    Sousa, Áurea
    "A classificação é uma atividade conceptual básica dos seres humanos. A necessidade e a tentativa de formar grupos de objetos semelhantes, dando origem a uma classificação, são reconhecidas desde os primórdios da humanidade. […] Na sociedade atual, há uma necessidade crescente de produzir classificações nos vários ramos da atividade científica e da atividade humana em geral. Na verdade, a Análise Classificatória tem tido um desenvolvimento relativamente recente, possibilitado pelo aumento do poder computacional nos últimos anos, podendo ser aplicada em diversas áreas, tais como a Arqueologia, a Biologia, a Geografia, a Geologia, a Psicologia, a Linguística, a História, a Medicina,...

  8. Modelo de aplicação digital para crianças entre os 2 e os 4 anos com implicação na educação

    Matos, José Manuel da Costa
    O presente estudo tem dois objetivos muito concretos. O primeiro, o de perceber e explorar os fenómenos que estão inerentes à relação das crianças com os dispositivos digitais, mais concretamente smartphones e tablets. O segundo, e que serve de conclusão ao estudo, o de propor um modelo de aplicação, ou jogo digital, que contribua para o desenvolvimento cognitivo da criança. Para isso foi desenvolvida uma investigação exploratória dedutiva, dividida em duas fases. A primeira qualitativa, através da análise a três obras literárias referentes a três temas pertinentes de distintos, sendo eles a psicologia, a educação através da arte, e finalmente o...

  9. Trajetos e percursos : das (im)possibilidades de enfrentamento do racismo dentro da academia

    Batista, Alisson Ferreira
    Definir uma base epistemológica sobre a compreensão do racismo; elucidar algumas dinâmicas das instituições de ensino superior acerca das relações raciais e mostrar possibilidades de enfrentamento dos processos colonialistas são os principais norteadores desse trabalho. Compreendendo o racismo como um fenômeno histórico e estruturante em nossa sociedade, o presente trabalho analisa algumas das intercorrências do racismo dentro das universidades, principalmente no que tange a psicologia. Através de uma pesquisa bibliográfica e contando com o suporte teóricometodológico da psicologia, é trazido algumas discussões sobre como opera o colonialismo nas formas de ensino e alguns dos efeitos disso no sujeito negro. Como...

  10. Decisão n.º012/2017, de 06 de janeiro de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Convênio entre a UFRGS, através do Instituto de Psicologia, e a Fundação de Apoio da Universidade Federal do Rio Grande do Sul - FAURGS.

  11. Decisão n.º005/2017, de 06 de janeiro de 2017 (CONSUN)

    Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Conselho Universitário
    Acordo de Cooperação Técnica entre a UFRGS, através do Instituto de Psicologia, e o Poder Judiciário do Estado do Rio Grande do Sul.

  12. Vivências nas praxes académicas e envolvimento na academia

    Silva, Osvaldo; Caldeira, Suzana Nunes; Sousa, Áurea; Mendes, Maria; Martins, Maria J.
    II Congresso Internacional "Envolvimento dos Alunos na Escola: Perspetivas da Psicologia e Educação (Motivação para o Desempenho Académico)". Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, 11, 12 e 13 de Julho de 2016.

  13. Estado, ambiente e movimentos sociais

    Ribeiro, Maria Auxiliadora Teixeira

  14. Definition and historic process of developmental and educational psychology as empirical sciences [Psicología del desarrollo y de la educación]

    Trianes, MV; Barajas, C; Bendayan, R

  15. A literatura infantojuvenil como recurso psicopedagógico na intervenção com jovens em risco

    Palmeiro, Susana Dias
    A realidade contemporânea sublinha o direito das crianças/jovens a uma qualidade de vida potenciadora do seu adequado desenvolvimento físico, cognitivo, afetivo e social. Contudo, nem todos os jovens podem usufruir dessas condições propícias ao seu crescimento, uma vez expostos a fatores de risco individuais, familiares e/ ou socioculturais. Para reduzir ou eliminar estes fatores, revela-se primordial a implementação de medidas de promoção e proteção, bem como de intervenções interdisciplinares, com destaque para a Psicologia. De reconhecida aplicabilidade terapêutica, a Literatura Infantojuvenil quando aliada à Psicologia assume-se como um importante instrumento de intervenção, pelo que o Projeto de Intervenção colocado em prática...

  16. Como sair de uma lagoa de pathos? : narrativa de um mergulho

    Kasprczak, Alessandra da Costa
    A escrita deste Trabalho de Conclusão de Curso parte de uma experiência de pathos e trilha uma saída do sofrimento pela via da narrativa. A partir do saber da experiência, busca-se pensar a formação em psicologia, tomando como elementos os ventos, as ondas, as areias. O pensamento sentido acerca da presença é transversal na elaboração.

  17. A atuação profissional de educadores de creche e a compulsão à repetição : limitações do inconsciente

    Saldanha, Helena Castro
    O presente trabalho se propõe a discutir as atitudes inconscientes de educadores de creche diante de crianças com idades de 0 a 6 anos a partir de uma revisão bibliográfica da literatura. Visa-se a compreensão do conceito freudiano de compulsão à repetição como base teórica para pensar alguns aspectos do trabalho dos profissionais da área da educação infantil, especialmente no que se refere ao cuidado e contato afetivo com os bebês/crianças. Objetiva-se contextualizar o surgimento das creches na Europa e no Brasil a fim de viabilizar uma discussão pautada também no que refere à formação e ao suporte teórico que...

  18. O balão amarelo, o emaranhado e João : produzindo territórios de saúde mental

    Freitas, Ana Paula Chisini
    Esse trabalho-emaranhado traça linhas de problematizações, afetações e desterritorializações produzidas no encontro da experiência em saúde mental com a formação em psicologia. A partir de uma escrita ensaística e ficcional, apresenta narrativas que atualizam as vivências nos muros do manicômio e nos muros reatualizados das práticas em saúde atual. Com o balão amarelo, busca possibilidades de produção de territórios de saúde mental, transversalizados, compartilhados e sustentados por uma luta antimanicomial sempre em construção.

  19. Insucesso Escolar : Contributos da Psicologia para um Região de Elevada Vulnerabilidade

    Tavares, Marta Januário; Caldeira, Suzana Nunes; Silva, Osvaldo
    II Congresso Internacional "Envolvimento dos Alunos na Escola: Perspetivas da Psicologia e Educação (Motivação para o Desempenho Académico)". Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, 11, 12 e 13 de Julho de 2016.

  20. Satisfação com a vida e envolvimento académico no ensino superior

    Caldeira, Suzana Nunes; Sousa, Áurea
    II Congresso Internacional "Envolvimento dos Alunos na Escola: Perspetivas da Psicologia e Educação (Motivação para o Desempenho Académico)". Instituto de Educação da Universidade de Lisboa, 11, 12 e 13 de Julho de 2016.

Aviso de cookies: Usamos cookies propias y de terceros para mejorar nuestros servicios, para análisis estadístico y para mostrarle publicidad. Si continua navegando consideramos que acepta su uso en los términos establecidos en la Política de cookies.